Sitcom

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Já ouviu falar do filme Sitcom? Pois é, ele existe mas é um tremendo fracasso... Um fracasso tão grande que faz Zorra Total parecer algo de gente normal.
60px-Bouncywikilogo.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: Sitcom.

Cquote1.pngVocê quis dizer: Programa sem-graçaCquote2.png
Google sobre Sitcom
Cquote1.pngVocê quis dizer: Zorra TotalCquote2.png
Google sobre Sitcom
Cquote1.png Alguns boatos dizem que as Sitcom tem risadas gravadas Cquote2.png
Teoria mais aceita sobre Sitcoms
Cquote1.png O RLY? Cquote2.png
Reação de uma piada idiota em uma Sitcom
Cquote1.png Sitcom de humor? Cquote2.png
Alguém sobre Sitcom
Cquote1.png This is PLEONASMOOOOOOOO! Cquote2.png
Leônidas sobre afirmação acima
Cquote1.png Daí eu cheguei para ela e disse: 2 mais 2 é igual a 5! Cquote2.png
Piada original de Sitcom
Cquote1.png HAHAHAHAHHAHAHAHAHAHAH! Cquote2.png
Platéia rindo de uma piada sem-graça
Cquote1.png Ah, isso deve ser tipo o Zorra Total! Cquote2.png
Loira sobre Sitcom

Sitcom é um tipo de programa que segundo a Uiquipédia se baseia no cotidiano com personagens tão comuns e monótonos que só fazem você rir com estímulo de choque ou quando está realmente entediado.

É muito comum perceber que em Sitcoms, quando um personagem mau entra, por exemplo, ouve-se vaia de uma platéia que nunca aparece. O pior de tudo é na hora das piadas, que por mais idiotas e sem-graça que sejam, conseguem fazer as pessoas rirem. Isso intrigou vários físicos, biólogos e cientistas no geral que bolaram teorias no funcionamento das Sitcoms e como elas são essa merda toda.

Tabela de conteúdo

[editar] História

Personagens de Sitcom em habitat natural, prontos para o ato do acasalamento.

A história e origem das Sitcoms não poderia ser mais adequada... Por ironia, ela surgiu na Inglaterra, o lugar do humor mais estranho do planeta onde um pequeno programa de rádio começou como Sitcom.

Isso mesmo! Era em rádio e como já incomoda ter risadas obstruindo as vozes dos atores, imagine em rádio que exige mais concentração ainda. O programa havia sido criado na época em que rádio ainda era uma coisa importante e com apenas única alternativa para ouvir seriados do Superman e companhia.

Mais tarde, com o "advento" da TV, as Sitcoms migraram para um lugar onde as pessoas poderiam desfrutar de sua mediocridade ao vivo e a cores. Programas assim começaram a jorrar e surgir por todos os cantos, pelo "sucesso" que eles faziam na TV americana. Isso teria provocado a primeira crise dos Sitcoms, pois em média um programa Sitcom só dura 1 ano até falecer.

[editar] Internacionalização

Algo terrível aconteceu: após certa emissoras terem visto o dinheiro e o marketing que Sitcoms produziam, eles quiseram criar as próprias versões suas de Sitcoms. A primeira Sitcom a ser criada após esse evento foi no México onde surgia um programa que pegava o nome de um ditador sul-americano... Sim, me refiro a Chaves!

Com o Chaves veio a primeira polêmica: com o grande sucesso, algumas pessoas quando assistiam não achavam engraçado porra nenhuma das piadas que eram contadas lá... Nada de incomum vindo de uma Sitcom, porém, apos 4 horas de exposição a uma maratona de episódios deles, as pessoas achavam as piadas hilárias e até imitavam os personagens!

Assim era criada as primeiras teorias sobre a natureza (bizarra) das Sitcoms.

Ah sim, as Sitcoms chegaram ao Brasil, mas o Lula disse que viriam como uma marolinha... Aqui no Brasil tem várias Sitcoms inúteis desde então.

[editar] Teorias

As teorias sobre a natureza das Sitcoms variam muito, mas elas explicam geralmente as risadas, as piadas sem-graça e os atores incrédulos.

[editar] Teoria biológica

Eita surubão!

A teoria biológica foi bolada por um biólogo muito respeitado da USP que era fascinado pelas piadas idiotas feitas em Sitcoms. Esse fascínio vinha da época de calouro dele quando ele contava suas piadas e elas não davam certo.

Segundo a teoria bolada por ele, as Sitcoms colocam gás letal de alcachofra no estúdio, fazendo com que um "2 mais 2" seja a piada mais engraçada do mundo, gerando aquelas risadas que são praticamente impossíveis de serem reproduzidas por uma pessoa que não esteja dopada.

Outra teoria diz que algumas Sitcoms são de fato engraçadas devido ao elemento Bieberbônium que causa danos cerebrais seríssimos no telespectador que começa a achar as piadas engraçadas e virar fã de programa X. Algumas pessoas seriam tão suscetíveis aos efeitos desses elementos que iriam se tornar algo terrível... Um que mais tarde faria cosplayers dos personagens preferidos e estaria destruindo a própria vida e a própria dignidade.

Um dos programas que usava Bieberbônium era o Chaves que foi processado diversas vezes e que no final, os Terroristas do CS explodiram o avião deles, fazendo todos os atores que já tivessem pego uma doença venérea morrerem. O Quico foi o único que sobreviveu...

  • Acertou: O que faz sentido na teoria são os efeitos que o gás tóxico faz em pessoas e também nos efeitos do Bieberbônium.
  • Falhou: A teoria é postulada por biólogos... Não dá para acreditar em cientistas que trabalham em um ramo que fez tantas previsões furadas. Por exemplo, aspartame causa câncer? Muitos dizem que sim, outros que não e outros tão no meio.

[editar] Teoria da física-quântica

Bolada pelos físicos quânticos, pessoas que conseguem se reproduzir assexuadamente, nela eles usam as doutrinas da física quântica (o tipo de física mais idiota e estranho de se compreender) para explicar o porquê de pessoas conseguirem rir com em uma Sitcom e como os atores conseguem não errar uma só fala em cenas que duram 4 horas sem cortes comerciais e ao vivo.

A primeira explicação seria para as risadas: todos sabem (todos menos você, é claro) que na física quântica, partículas aparecem e somem o tempo inteiro e que se todas aparecem em um só lugar ao mesmo tempo podem criar um pênis em uma mulher, por exemplo. O mesmo ocorreria com as risadas, que graças a um "estimulador" iria trazer partículas que faziam as pessoas rirem até a morte, pois essa é a única maneira de fazer uma pessoa rir de uma Sitcom e dá para pôr eles em uma câmara que gravavam as risadas semanalmente...

A explicação dos atores ficarem sérios mesmo com 500 pessoas os observando enquanto contam piadas que já sabem que são ruins, pode ser explicada como um "outro Universo" criado dentro do estúdio. Pense bem, o que é uma Sitcom? Um programa de humor que fala do dia-a-dia de pessoas idiotas que até quando apertam a descarga para mandar o submarino para o esgoto é considerado uma piada milenar. E quem garante que aquilo é um Universo criado dentro do estúdio e que você está assistindo um Big Brother em que uma platéia ri, não pelas piadas, mas pelo mero prazer de experimentar ser um voyeur...

  • Acertou: Até que faz sentido... Hã... Alguma coisa nessa teoria faz sentido.
  • Falhou: Primeiro, não existe uma máquina que faça partículas fazerem uma pessoa rir até a morte, uma vez que quando várias partículas quânticas aparecem em um lugar elas não criam sentimentos e sim aberrações como você. Segundo, se as pessoas riem até a morte, haveria pilhas de corpos de pessoas sorridentes em Hollywood... Quer dizer, de fato existem pilhas de cadáveres de mendigos mortos em Los Angeles, mas não são sorridentes. Terceiro, física quântica é algo tão estranho quanto as coisas que falei aqui.

[editar] Teoria estatística

Os matemáticos queriam pegar uma casquinha e fazer uma teoria só para eles, usando equações e outras coisas que só nerds sabem o que significam.

Segundo o que diz uma equação incompreensível demais que pode causar sangramentos pelos olhos até que eles explodam, diz que algumas sitcoms são engraçadas pelo dinheiro que a mídia injeta nesses programas. Em outras palavras, o dinheiro faz as pessoas rirem e ficarem de quatro.

[editar] Ver também

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas