Skank

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Arband.jpg

Este artigo é sobre um(a) artista, grupo musical ou uma banda.
Certamente, fãs idiotas alienados odiarão este artigo!!

Skank
500full-skank.jpg
A banda após meio copo de cerva.
Origem Bél Zonti, Minas
País Brasil
Período 1900 e guaraná com rolha ou quando Dercy Gonçalves era aeromoça do 14-Bis.
Gênero(s) No começo era reggae, ska, forró e calypso.
Atualmente é praticamente covers do Oasis e Nando Reis.
Gravadora(s) Som Preso
Integrante(s) Mico Rosa
Herinque Espanha
Javier Zanetti
Haroldo sem o Calvin
Ex-integrante(s) Coringa
Dercy Gonçalves
Bob Marley
David Gilmour
Site oficial {{{site}}}
Wikisplode.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: Skank.
O que o Google acha do Skank.
(Clique para ampliar)

Cquote1.png Você quis dizer: Skunk Cquote2.png
Google sobre Skank
Cquote1.png Você quis dizer: Oasis Cquote2.png
Google sobre Skank
Cquote1.png Foram encontradas drogas no quarto do meliante: maconha, haxixe, cocaína, CDs do Skank... Cquote2.png
Marco Bianchi sobre Skank
Cquote1.png Você trairam o movimento reggae, véio! Cquote2.png
Dado Dolabella sobre Skank
Cquote1.png Não compramos genéricos! Cquote2.png
Oasis sobre Skank
Cquote1.png Sem comentários... Cquote2.png
Beatles sobre frase acima

Skank são os expoentes do estilo country-psicodélico farofa sônica, que há mais de 3 décadas não sai das rádios (haja jabá). Influencia demais bandas como Pato Fu, Tianastácia, Sepultura, Nightwish, Zé Ramalho e Aviões do Forró.

Formação[editar]

Em sua formação, atuamente conta com:

  • Henrique Portugal - O tecladista da banda e rival de Samuel. Toda vez que aparece nas músicas é pra falar merda ou ofender o pobre Mico Rosa.
  • Lelo Zaneti - O baixista que parece um rato. Vive pulando feito um macaco com hemorroidas pra tentar ser notado por alguém. Até hoje, ninguem sabe se tem voz, já que não fala nada, nem quando entrevistam ele.

Ex-Integrantes[editar]

Discografia[editar]

  • Spank - O primeiro álbum da banda, gravado enquanto os integrantes comiam um pãozim de queijo e davam um tapa na pantera.
  • Cagando - Uma mistureba estranhíssima inusitada de reggae, axé, R&B e psy. Dessa vez, os integrantes não fumaram maconha, de acordo com a música "É Proibido Fumar".
  • Eguinha Pocotó - Dessa vez misturaram samba, forró e axé sueco. Um álbum conceitual feito em homenagem ao Brasil: Muitas das músicas falam sobre putaria e sexo, e também, é óbvio, futebol.
  • Sim, deu errado... - Álbum em que a banda lança o mais novo gênero musical: Calypso. Tentaram inventar um tipo diferente de rock, mas... deu errado...
  • Gosmentão - Mais uma cópia descarada do Oasis. A começar pela capa, e pela primeira canção intitulada "Supervelha", que é uma cópia mais do que na cara da canção "(Probably) All in the Mind".
  • RaBoiola - Álbum que reúne as oasisces dos álbuns anteriores.