Stjarnan Knattspyrnudeild

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Stjarnan Knattspyrnudeild
Escudo do Stjarnan.png
Brasão
Hino '
Nome Oficial Ungmennafélagið Stjarnan Knattspyrnudeild
Origem Bandeira da Islândia Islândia - Garðabær
Apelidos
Torcedores
Torcidas
Fatos Inúteis
Mascote
Torcedor Ilustre
Estádio Igluzão
Capacidade
Sede
Presidente
Coisas do Time
Treinador
Pior Jogador Nuvola apps core.png
Melhor Jogador Crystal Clear action bookmark.svg.png
Patrocinador
Time
Material Esportivo
Liga Campeonato Islandês
Divisão Úrvalsdeild Karla
Títulos
Ranking Nacional
Uniformes



Stjarnan Knattspyrnudeild (Homens-privada Futebol Clube, literalmente traduzindo) é um time amador circense de dança polka, que nas horas vagas também jogam o futebol e fazem número no campeonato islandês.

História[editar]

Fundação[editar]

O time foi fundado em 1960 na pequena aldeia gélida de Garðabær. Nesses primórdios a agremiação era mais focada nos campeonatos de beijos no bagre, um famoso esporte local onde ganhava aqueles que capturassem numa lagoa e beijassem na boca a maior quantidade de bagres. O time do Stjarnan, como sempre teve a marca da irreverência, já nessa época se tornaria deca-campeão islandês de beijo no bagre, tornando-se um dos clubes esportivos mais famosos do país. Posteriormente surgiriam times de pesca, times de quem caga mais fezes numa única ida ao banheiro, times de viadagem, times de remo na grama, times de fotografia de gelo, e claro o famoso time de futebol.

Ascensão[editar]

Apesar do grande sucesso nos esportes folclóricos islandeses, o Stjarnan nunca se deu bem no futebol, tanto que em 1997 ainda jogava a quarta divisão islandesa, ano em que finalmente a venceu após a desistência do Polo Norte FC e do Meio do Nada FC.

E após mais uma longa temporada na terceira divisão, só em 2006 subiu para a Série B da Islândia beneficiado por uma nova regra que compensava times que fizessem palhaçadas com pontos adicionais.

Em 2008 finalmente chegaria à primeira divisão da Islândia após vencer um árduo play-off contra o Ytrfhghgfasdnfs Zscxzbdfsdf numa competição de cuspe a distância, pois ambas equipes não sabiam direito as regras do futebol e acordaram decidir a vaga dessa maneira, na qual o Stjarnan se saiu melhor.

Comemorações inusitadas[editar]

Jogadores do Stjarnan, aproveitando o estádio vazio para jogarem futebol dessa maneira tão vergonha-alheia.

A partir de 2010 o time do Stjarnan tornou-se mundialmente famoso devido à palhaçada que seus jogadores faziam nas comemorações de gols. Percebendo que fazer gols era extremamente raro, e que treinar jogadas, tática e as regras do futebol era extremamente entediante, ainda mais num frio de -30ºC, os jogadores do time passaram a ensaiar criativas comemorações de gols que foram exibidas nos jornais esportivos de todo mundo.

Muitas poucas comemorações divertidas foram vistas. Primeiro porque ninguém filma jogos de futebol na Islândia, e segundo porque o Stjarnan tem uma média de 0,2 gols marcados por jogo.

Dentre as criativas comemorações estão imitações do Rambo, simulações de pescaria, encoxadas coletivas, imitações de coito homossexual entre viados silvestres, brincar de dormir de conchinha com o companheiro, simulação de masturbação para sites pornográficos de vídeos envolvendo anões albinos e várias outras que agora esqueci.

Campeonato Islandês de 2014[editar]

No ano de 2014, quando descobriu que o objetivo do futebol era chutar a bola para dentro de um gol, o Stjarnan foi campeão islandês pela primeira vez. Parabéns para eles.

Liga da UEFA de 2014-15[editar]

Na sua primeira participação num torneio internacional, pela Liga da UEFA de 2014-15, o time foi longe até na competição. Na primeira fase preliminar dos times café-com-leite superou por 8x0 o Bagkok City FC da Tailândia.

Na fase seguinte após dois empates eliminou o Motherwell FC na prorrogação num jogo em campo neutro no Polo Norte.

Por ser um time muito ruim, ainda teve que jogar mais uma fase preliminar para não haver dúvidas. E não é que venceram outra, dessa vez derrotaram por 1x0 o KKK Lek Popozan da Polônia.

Após eliminar três rivais desconhecidos (mas estrangeiros) os 5 torcedores do Stjarnan começaram a se achar invencíveis. Mas o time tinha que passar por mais uma fase preliminar (quantas fases preliminares essa porra vai jogar?). A sua trajetória de sucesso finalmente foi interrompida quando perdeu de 6x0 para o FC Internazionale, um time mais ou menos, mas o suficientemente superior.

Títulos[editar]

  • Campeonato Islandês: 1 vez (2014)
  • Terceira Divisão do Campeonato Islandês de Dança de Quadrilha: 1 vez (1989)