Stonehenge

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Você quis dizer: Moai? Cquote2.png
Google sobre Stonehenge

Cquote1.png Morei lá. Cquote2.png
Dercy Gonçalves sobre Stonehenge

Cquote1.png Isto e coisa da época da minha avó! Cquote2.png
Menino Ignorante sobre Stonehenge

Cquote1.png Versao original de tetris jogada por macacos Cquote2.png
Macaco loco e seus familiares falando sobre Stonehenge

{Stonehenge} (do inglês arcaico "stan" = podre, e "hencg" = chato) é um círculo de pedras enfiado num canto esquecido no sul da Inglaterra. Foi construído quando a sua mãe era virgem, e até hoje não se sabe como foi contruído e nem pra quê. Miraculosamente sobrevivendo ao clima inglês e as visitas de turistas japoneses.

São muito famosas por serem uma grande obra arquitetônica criada por antigos macacos na época paleolítica dos macacos subdesenvolvidos, eles não tinham nada para fazer e descobriram uma diversão, montar grandes obras feiosas feitas com pedras gigantescas que chamam muitas atenções de historiadores e pessoas curiosas, por ser a única obra que sobreviveu da época em que os macacos viviam em caverna;uma longa historia.

E um monumento mundial, não se sabe como, nunca desabou. Neste artigo terá tudo sobre o Stonehenge.

História[editar]

Stonehenge era o motel dos tempos antigos.

Stonehenge foi estudado por muito tempo por grandes estudantes, filósofos, arqueólogos e amantes de primatas pré-históricos, mas não tem se por certo a sua origem verdadeira, apesar de já ter se existido vários fatos de em que ano foi construída e por que foi construída; algumas são coerentes com a ciência e outras são sobrenaturais.

Stonehenge é o único monumento mundial que não se tem dados precisos, não se tem dados reais de sua história, na verdade é um grande mistério da humanidade, assim também como o Triângulo das Bermudas, Lula Gigante, e Círculos em Plantações.

Falando em Círculos em Plantações, eles só existem na Inglaterra, e alguns se localizam aproximadamente ao Stonehenge, o que leva alguns pseudos-telepatas e estudantes de sobrenaturalidades acreditarem que o Stonehenge foi construído por aliens e foi usado para descobrir como a terra passava em seus anos e a velocidade, da seguinte forma:

Eles colocavam variadas pedras do mesmo tipos em tamanhos diferentes, com a ajuda de macacos escravizados forçados a trabalharem por uma banana, se montavam umas pedras em cima das outras formando um grande circulo feio e cavernoso de pedras gigantes, cada pedra tinha escrito uma letra, mas com o passar do tempo as pedras iam se desgastando, e com alta tecnologia alienígena encapirotizada, eles mediam quanto tempo se passou desde que foi construído o monumento.

Apesar de esta técnica ser infalível, começou a causar revoltas em todos estudiosos ufólogos, sabendo que os aliens então observavam os seres humanos atráves daquele monte de pedras, assim então eles promoveram uma campanha para desabar aquilo, mais logo antes a UNESCO protegeu o monumento na descrição Coisas Imprestáveis da Vida, e assim que se os ufologos a destruíssem, pagariam uma grana preta, o que não era desejado por eles;elas foram tombadas pela UNESCO em 1986 e embaladas com plástico a vácuo para não apodrecerem mais.

Apesar disto, esta não era a historia verdadeira, pois todos sabem que não existem aliens, só existe Anônimo, que é dito alien pela feiura, mas na verdade a Stonehenge foi construída por macacos pré-históricos, e todo mundo sabe disto ou não.

Entrou em 2007 no Concurso das Novas Sete Maravilhas do Mundo, e perdeu logicamente.

Uso[editar]

Stonehenge era utilizado para sacrificar virgens. Era a zona de abate preferida dos celtas-machos, que usavam as propriedades mágicas do local para afastar os joelhos das celtas-fêmeas. Hoje em dia o DVD do filme Titanic cumpre a mesma função social.

Toque Feminino[editar]

Localização de Stonehenge.

Tudo que é mulher acha que é bruxa. Elas engolem esse tipo de bobagem céltica com avidez. Compram todo tipo de lixo New Age: incenso, CDs da Enya, gnomos e os livros do Paulo Coelho e das Brumas de Avalon. A mera menção de Stonehenge é o suficiente para mandá-las para um mundo de maravilhas cinematográficas. Uma parte da explicação desse comportamente ridículo está no racismo e na falta de informação.

A cultura e as tradições da África, que são mais antigas e misteriosas, aparentemente não são tão interessantes como imaginar pessoas brancas vestindo mantos de seda e fazendo um luau com elfos no meio de uma floresta.

A verdade histórica é que os celtas eram um bando de assassinos miseráveis, ignorantes, analfabetos, fedorentos, sujos e desdentados que gostavam de dormir com animais. Eram tão atraentes quanto o Mazzaropi ou o Jeca Tatu. Mas aparentemente a imaginação de certas pessoas não voa muito alto, e elas preferem ficar na mediocridade dos textos de J.R.R. Tolkien e outros pederastas que escrevem fantasias sexuais sobre o passado europeu.

Ver artigo principal[editar]


Viking.jpg
v d e h
Os bárbaros vêm aí... Olê olê olá!