Sul-Mato-grossense

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
O mais normal dos sul-mato-grossenses. De tão normal, foi eleito governador do estado.

O sul-mato-grossense é um paraguaio que virou brasileiro, mas que queria voltar a ser paraguaio e por isso toma o tererê todos os dias e fala portunhol nas fronteiras. Ninguém liga a mínima para os sul-mato grossenses. Metade dos brasileiros ainda acha que o Mato Grosso e o Mato Grosso do Sul são uma coisa só. E realmente é. A única diferença é que os mato-grossenses vivem no meio do mato, enquanto que os sul-mato-grossenses vivem no meio do nada (Todas as árvores da região foram derrubadas para a confecção dos cadernos do Restart). Antigamente tinham vergonha dos seus conterrâneos do norte, mas depois da separação os seus ex-conterraneos deram a volta por cima com a soja e agora os sul-mato-grossenses parecem um pouco arrependidos, embora o seu orgulho vos impessa de pedir uma nova refusão, afinal seria admitir que estavam errados e isso na cultura deles é algo terrível. Habitam um hinterland cheio de cobras, piranhas, jacarés e outros bichos do mato a exemplo deles proprios.

[editar] Características gerais

99% dos sul-mato-grossenses são agroboys. Os outros 1% possuem um cérebro e já se mudaram para algum estado menos pior. Os que permanecem sofrendo no Mato Grosso do Sul estão em número incerto. Os pesquisadores do IBGE que foram fazer o censo na região acabaram sendo devorados por onças e crocodilos. Como o estado não possui muitas árvores, os sul-mato-grossenses ficam andando com chapéus de palha. E acham que isso é a última moda de Paris. Os playboys (Sim, essa raça existe até no Mato Grosso do Sul) tentam ser os diferentões, e trocam os chapéus de palha por chapéus de couro exportados do Paraguai.

Uma outra característica marcante dos sul-mato-grossenses é que todos eles são exímios caçadores. Naquelas bandas, saber a diferença entre um sapo, uma e uma perereca é questão de sobrevivência. Observadores por natureza, os sul-mato-grossenses nunca morrem na boca de um animal. Eles sempre sabem quando uma cobra está se esgueirando pelo meio do mato. Os mato-grossenses não sabiam como fazer isso, e acabaram quase extintos, até porque Mato Grosso inteiro é um mato cheio de cobras.

[editar] Entretenimento

A maior diversão dos sul-mato-grossenses é a pescaria. Eles se divertem muito pescando pacus e jacarés que andam no seco. Quando não estão pescando, os sul-mato-grossenses estão puxando um trago. Mas não usam os cigarros de palha, pois acham que são fracos demais. Eles só botam nos pulmões maconha de alta qualidade, produzida nos melhores matagais da Bolívia.


v d e h
Seres que você encontra no Bandeira do Brasil Brasil

Geral: Branco - Caipira - Cigano - Extraterrestre - Negro - Nordestino - Índio - Xavante - Nipobrasileiro

Regional: Acreano - Alagoano - Amapaense - Amazonense - Baiano - Brasiliense - Capixaba - Carioca - Catarinense - Cearense - Gaúcho - Goiano - Maranhense - Mato-grossense - Mineiro - Paraense - Paraibano - Paranaense - Paulista - Pernambucano - Piauiense - Potiguar - Rondoniense - Roraimense - Sergipano - Sul-Mato-grossense - Tocantinense
Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas