Surto de E. coli O104:H4 de 2011

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Asclepius.png A Desciclopédia não é um consultório de medicuzinho.
Por isso, tome vergonha e vá procurar um pra fazer seu check-up.

Cquote1.png Agora nós vamos fritar vocês! Cquote2.png
batatas sobre humanos.


Batata infectada.

Surto de síndrome hemolítico-urémico de 2011, ou Surto de E. coli O104:H4 de 2011 é mais um caso com ameaça epidêmica que foi criado no laboratório ou puteiro da mãe do capeta para fazer as criaturas ficarem espertas sobre quem manda nessa porra de globo (a Terra não a emissora) e que se alguém importante quiser vai todo mundo pra fita. Nenhuma novidade conhecida pois isso de criarem coisas estranhas e depois falarem que surgiu do nada ou por alguém usar silicone, é mais conhecido do que a casa.

[editar] O que é essa coisa agora

Esse é o primeiro estágio.

É uma bacteriazinha sem vergonha e maldita que ataca o sitema digestivo e renal. É malvada e primeiro a pessoa caga pra caramba e logo percebe que não se trata de uma infecção qualquer pois apresenta uma cor verde amarelada, tipo o Picolo, dá uns gritinhos tipo os que o Michael Jackson costumava dar, e fica o tempo todo virando os olhos. Esse são só os sintomas iniciais.

Já surgiram epidemias piores.

Depois que a pessos cagou tudo que tinha e não tinha para cagar, começa a vomitar bilis porque não tem amis nada no estômago, daí a bactéria afeta os rins e a urina fica de uma forma que lembra champanhe mas, nem aqueles estranhos pra não dizer imundos bebedores de xixi teriam coragem de tomar o próprio mijo, caso pegassem isso. Depois a bactéria começa a matar os glóbulos vermelhos, como se fosse leucemia, veja que bactéria poderosa para não dizer filha da puta mas, ainda não acabou, depois ela ainda ataca o cérebro mas, nesse caso só de quem o tem, nessa parte, você por exemplo não seria atacado.

Depois de tudo isso acho que nem você perguntaria se a pessoa acometida de E. coli tem muita chance de sobrevivência. Já sbe que ela é um parente fortíssimo de coisas como malária, ebola, varíola, influenza e tantas outras porcarias que amam foderos humanos e, dão aquela desculpinha esfarrapada de como a coisa surgiu e de onde veio. Claro, se encontrar sujeira por exemplo, essas epidemias se proliferam melhor, em geral, mas elas aparecem também em lugares limpinhos bem diferentes desse seu quartinho fétido, portanto sujeira não serve como desculpa para o surgimento dessas pestes.

[editar] De onde surgiu

Primeira pessoa a ser diagnosticada.
Pessoa infectada apresentando estranhos pelos no rosto e no corpo.

Os primeiros casos registrados foram na terra do salsichão (eu não vi nada), onde as pessoas davam piruetas no ar ao ser atacadas, aquela coisa já esplicada do Michel Jackson, e justamente por isso uma das teorias é de que ela tenha surgido porque quando Michel morreu algumas de suas atividades se transformaram em criaturas vivas mas, não sabiam onde se manifestar e foram girando pelo globo até caírem na Europa por não ser um lugar dos mais higiênicos (lembra da facilidade de proliferação?). Não está se dizendo com essa teoria, que Michael não era limpinho, claro que era até demais, o fato é que as bactérias dançantes e abichalhadas é que ao se tornarem bactérias, tiveram assim como todas as bactérias, uma melhor proliferação junto à sujeira.

A melhor teoria é aquela conspiratória de que isso é criado em laboratório, quando já se sabe o combate, e então ganhar vendendo o que se precisapara combater e, de quebra ficarem especialistas em armas biológicas: Ora, nem é preciso de nada conspiratório para que isso seja verdade, até porque foder com o cu de todo mundo é especialidade de quem manda mais.

Essas bactérias gostaram primeiramente, de habitar os salsichões, e por isso é que inventaram aquela história envolvendo o nome de Michael mas, depois se notou que elas também gostavam de vacas e não apenas as salsichas do boi e, ninguém mais se atreveu a sugerir a teoria de Michael. Para não deixar os veganos alegres a bactéria também foi povoar a alface e... a batata!!! Isso é uma calamidade mesmo, pois onde irá parar a desciclopédia se a batata brasileira for atacada por essa bactéria? A batata estará frita mas, nem assim poderá ser comida. A batata é agora um alimento suspeito.


[editar] Ver também

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas