Suzano

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome-searchtool blue.png Suzano é uma pequena cidade desconhecida.
Você pode estar perdendo seu tempo à-toa ao ler sobre essa joça.
É a única cidade do mundo com apenas um CEP.

Sciences de la terre.svg.png
Favela-bresil2.JPG Essi artigu é faveladu!

Nem por isso tá involvida cum droga, putaria ou ladruagi!

Não vandalize, senão num vai poder morar aqui na cumunidadi!


Suzano Su-ZONense
Cidade das Flores do Pântano
[[Arquivo:{{{imagem}}}|150px]]
Bandeira
BREJVS ET QUAESTUOSAE INDUSTRIAE INCREMENTA INFLATIO (Brejo e Flatulência Industrializada)
Hino Afunda, Suzano!
Local Brejo
Idioma Japonês do Bunkyo, Sino-português da pastelaria e das lojas centrais, Pobrês, Manês, Baianês, Roubês, Massacrês, Assasinatês.
Geografia
Clima Brejo sazonal sob correntes flatulentas e de assasinato estilo Columbine
Locais de referência Shopping minúsculo, Parque Brejo Max Feffer, Hortas da Zona Rural, Fábrica de papel e pum Report Fedort, Travecos da Vila Amorim e Fluxos do Badra.
Economia Papel, Pum, Pastel e Flores (aonde?).
Produtos exportados Papel, Traveco, Bares e Copo da Nadir Figueredo.
Política
Governo
Nuvola apps core.png
Oligarquia do Mais do Mesmo.
Atual prefeito
Nuvola apps core.png
Rodrigo Cândida Embuschi
Vice-prefeito
Nuvola apps core.png
Malvir Piroca
Mídia
Cidadãos ilustres
Crystal Clear action bookmark.svg.png
MC Pikachu (isso mesmo, ele é daqui, veja na Wikipédia)
Esporte símbolo Escapar de enchentes, prostituição de travesti, desviar dos buracos das ruas, fugir da polícia no fluxo, salto de muro escolar, massacre em escola e disfarçar o fedor da fábrica
Santo local São Sem-bastião

Cquote1.png Você quis dizer: Columbine? Cquote2.png
Google sobre Suzano
Cquote1.png Você quis dizer: Estevanópolis? Cquote2.png
Google sobre Suzano
Cquote1.png Você quis dizer: Ilha de Lost? Cquote2.png
Google sobre Suzano
Cquote1.png Você quis dizer: SuzÂnus Cquote2.png
Google sobre Suzano
Cquote1.png Você quis dizer: Su-ZONA Cquote2.png
Google sobre Suzano
Cquote1.png Você quis dizer: Sujano Cquote2.png
Google sobre Suzano
Cquote1.png Você quis dizer: CUzano Cquote2.png
Google sobre Suzano
Cquote1.png Você quis dizer: Buraco? Cquote2.png
Google sobre Suzano

DramaticQuestionMark.png
Você sabia que...
  • ...Suzano já foi um bairro de Mogi?
DramaticQuestionMark.png
Você sabia que...
  • ...em frente ao ginásio Paulo Portela depois da meia-noite ninguém é de ninguém?

Cquote1.png Você quis dizer: Fundo do poço? Cquote2.png
Google sobre Suzano
Cquote1.png Você quis dizer: Mogi das Cruzes? Cquote2.png
Google sobre Suzano
Cquote1.png Experimente também: Emolândia Cquote2.png
Sugestão do Google para Suzano
Cquote1.png A única coisa que o Paulo Tocúzinho fez como Prefeito foi deixar as ruas ficarem que nem queijo suíço! Cquote2.png
Suzanense sobre as ruas de Suzano
Cquote1.png Não é interior! Cquote2.png
Suzanense sobre Suzano
Cquote1.png Já foi um bairro de Mogi! Cquote2.png
Mogiano sobre Suzano
Cquote1.png Por isso que nos separamos, não aguentamos Mogi! Cquote2.png
Suzanense sobre Mogiano
Cquote1.png Dentiiiiiiistaaaaaa, orçameeeeeeentooo grááááátiis, pagamentooooo facilitaaaaaado Cquote2.png
"Publicitário" sobre dentista em Suzano
Cquote1.png Almoçaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaarrrrr Cquote2.png
Outra simpática "publicitária" sobre almoçar em Suzano
Cquote1.png Nossa Nossa Aqui Você Almoça Cquote2.png
Um simpáticozinho "publicitário" pensando que é Michel Teló sobre almoçar em Suzano
Cquote1.png Isso fica em São Paulo? Cquote2.png
Morador da Grande São Paulo sobre Suzano
Cquote1.png E aqui eu fundo a minha cidade Cquote2.png
O Edson sobre Cidade Edson
Cquote1.png Tá vendo isso tudo aqui? É meu! Cquote2.png
Estevão Galvão sobre Suzano
Cquote1.png Era! Agora é meu. Perdeu, Prayboy! Cquote2.png
Marcelo Candido para Estevão Galvão
Cquote1.png Perdeu de novo! Agora é do meu parça! Cquote2.png
Estevão Galvão para Marcelo Candido
Cquote1.png I cumpade estevem, num é mais meu não, agora é do pinto piqueno cumpade.. Cquote2.png
Zé Cardoso sobre Paulo Tokuzumi
Cquote1.png O japão é aqui! Não em Mogi! Cquote2.png
Paulo Tokuzumi sobre Suzano
Cquote1.png A capital do chifre!!!!! Cquote2.png
Morador de Suzano a respeito da situação do lider executivo da cidade
Cquote1.png A-do-rei a praça nova. Meu local de trabalho ficou muito mais amplo (nos dois sentidos) Cquote2.png
Traveco sobre a Praça das Flores
Cquote1.png Suzano? Ah tah, fica perto de O(z)asco né!? Cquote2.png
Morador da Grande São Paulo quando quer parecer que conhece onde fica Suzano

Morador da periferia de Suzano.
Moradores do centro de Suzano.


Suzano já foi um bairro de Mogi das Cruzes e é um município do estado de São Paulo, na Região Metropolitana da capital, microrregião de Mogi das Cruzes.

Terra de Ninguém, também conhecida como "a pequena bucólica" já te disse que foi um bairro de Mogi das Cruzes?

Conhecida também pela grande quantidade de Emo's que habitam a cidade, é uma cidade bonita com muito ar puro e é a única cidade no mundo que é formada por emo's e também por emos e duas novas raças: os "mano-emo's", e os japa-emos.

Inimigos dos suzanenses.


História[editar]

Segundo os historiadores, coube ao Exterminador de Indios o jesuíta Francisco Baruel, em sua árdua missão de Exterminar e Exorcisar catequizar os índios da região, fixar-se nas terras, que hoje constituem o Município de Suzano e fundar o povoado que ocupa lugar de destaque dentro do nosso Estado. Mas muitas coisas aconteceram desde e depois aqueles dias, com destaque para a pré-história onde teve a chegada dos cabras da peste, os escravos negão, a japonesada, os mexicanos e os terroristas árabes e até o Periodo Agorístico, que conta com Dom Estevam Pomposo e Tirano Galvão de Oliveira, Dona Marcelo Cândida, o Inepto Zé Meloso, o jegue de bigode e o japa Paulo Tocúzinho, que mancharam marcaram para sempre a história desse lamaçal, digo, Município.

E os índios.. Bem, foram exterminados e suas mulheres estupradas. :)

Pré-História[editar]

Um nativo se chafurdando no lamaçal, após saber sobre a maldição.

Na pré-história Suzano era um imenso brejo, um lamaçal nojento habitado por tribos primitivas, os protomogianos, os emolóides, os colorados, os amorins, os cruzeirenses, os tibiriças, os pitecos entre outras raças de trogloditas.

Neste período as tribos não faziam nada além de se proliferar, brigar e reclamar do tédio mortal que havia na região.

Finalmente após muitos conflitos imbecis (uma tradição milenar que até hoje impera na cidade) os povos tribais pensaram em abandonar a região, mas a região se localizava num buraco de lamaçal tão fundo e fétido que ninguém conseguia sair de lá, e depois de 500 anos os nativos perceberam enfim que não podiam realmente sair de lá!

Isso comprova e deixa mais claro que arroz parborizado a falta de inteligência e ignorança daquele povo.

Foi a partir daí que começou a lenda de que ninguém consegue escapar da maldição de Suzano.

Mentira.

Período Arcaico[editar]

Francisco Baruel.

Um dos apóstolos despedidos de Cristo, Antônio Francisco Baruel, chegou e atolou sua carroça por aqui, ficou tão puto, porque nem Judas tinha recebido uma punição tão grave, e sem opção montou uma igrejinha e começou a educar os bárbaros da região (que pouco aprenderam além de balbuciar frases como: almoooçaaar!).

Não por acaso Baruel chamou o lugar nesta época de Piedade do Baruel. E esperou em vão que um dia ele conseguisse sair daquele buraco.

Baruel passava por um matagal e avistou um japonês agachado atrás de uma moita, cagando.

Baruel gritou: - Japa o que fazes em minha terra ?!

O Japa respondeu: Suxano né !

A partir daí o lugar ficou conhecido por Suzano.

Período Merdânico[editar]

Imagem aérea de Suzano no Período Merdânico.

Antônio Marques Figueira, outro pobre otário que chegou por acaso, afundou sua carroça em Suzano também e lá ficou, sem alternativa ele construíu as primeiras obras inúteis da cidade, dentre elas uma escola (com seu nome é óbvio), que como todos sabemos é a invenção mais imbecil da humanidade.

Nessa época Suzano já tinha a cara de... Brejo com algumas edificações mal feitas e ruas lodosas com esgoto a céu aberto.

Não muito diferente do que ela é hoje nos dias de hoje.

A fotó ao lado exemplifica muito bem que buraco de rato que era e ainda é essa bosta de cidade, sem luz, sem água. Ruas de terra e caminhões pipa ainda são muitos comuns.

Agora observe bem a igrejinha que estava sendo construida, eram os primeiros sintomas da doença dos crentes chegando na parada, mas os antigos aldeões diziam que era pra ser um templo xintoista.

Boato.

Período Gliceriano[editar]

Primeiros negros chegando em Suzano. A mando de Dom Pedro I ou II.

Dom Pedro I ou II, tanto faz, passou por Suzano quando voltava de uma bimbada com a Marquesa de Santos, como estava com diarreia e achou que aquele brejo era um bom lugar pra dar uma bela duma cagada. Enquanto obrava ficou espantado ao ver que tinha gente morando naquele buraco, compadecido prometeu que ajudaria a "cidade" construindo ruas e urbanizando o brejo, usando de trabalho escravo é claro.

Mandou comprar trazer um punhado de negão pra ajudar na construção e umas neguinhas para Francisco Glicério e Benjamin Constant brincar. Baruel casou-se com um negão de nome Clóvis.

Foi Francisco Glicério e Benjamin Constant (dois caras de quem ninguém nunca ouviu falar) que urbanizaram a cidade construindo DUAS RUAS e colocando o nome deles nelas. Pronto estava dado o pontapé inicial para a expansão e glória da cidade.

Período Estaciônico[editar]

Raríssima imagem -sqn da primeira estação de lixo trem em Suzano.

A construção de uma estrada de ferro, inevitavelmente teve o desprazer de passar por Suzano. Inicialmente os maquinistas fingiam que não viam a cidade, mas quando os moradores começaram a jogar bosta nos trens (mercadoria que sobra na cidade), os maquinistas começaram a ter que parar no lugar (para seu desgosto)

A primeira estação de Suzano era feita de palha, mas então o lobo soprou e caiu, então construíram uma de madeira que novamente foi derrubada pelo lobo, enfim o porco engenheiro Joaquim de Souza Suzano Brandão ergueu uma de alvenaria que o lobo não conseguiu derrubar.

Em sua homenagem, os lamacentos, digo aldeões, digo nordestinos que já tinham chegado e se reproduziam de uma forma bizarra e sem controle, fizeram altos menages mudaram o nome do povoado (que já tinha mudado de nome várias vezes desde o princípio, sendo que vila da bosta era o nome mais usado, aliás usado até hoje) para Suzano.

(Bela homenagem o engenheiro pensou)

Período Oligárquico[editar]

Japas construindo a lagoa azul na superfaturada praça lixo city das flores.

Um dia o prefeito de Mogi descobriu por acaso que Suzano e Poá (Vila do tédio) fazia parte da cidade. Ele ficou puto, como se já não bastasse ter que cuidar da merda de Mogi, tinha também a porcaria de Suzano e a agitada Poá. Mais do que depressa ele resolveu se livrar do pepino e o ovo.

Suzano foi emancipada e Poá esquecida, a partir daí começaram as brigas entre a "elite" suzanense para dominar o local. Nesta época a cidade já havia atraído uma série de otários e desavisados incluindo estrangeiros incautos, como: japas, turcos, mexicanos, espanhóis, alemães, terroristas árabes e outros pobres coitados.

As famílias que controlavam o poder da cidade eram os Kudeken, os Firminos, os Rafuls e mais um monte de inúteis.

Houve uma sucessão de inúteis no poder, destes o mais notável foi Dom Firmino o incompetente.

Período do Império Estevista[editar]

O Pomposo.

Foi então que por volta de 1976, pela via débil-crática da ditadura, Dom Estevam Pomposo Tirano Galvão de Oliveira foi eleito para dominar a cidade já no ano de 1977, em que se estabeleceu por 6 anos, pois naquela eleição o prefeito ficara por este período no mandato, sendo isto, repetiu-se em 1982, mas naquele tempo não tinha reeleição, uma obra-prima feita em conluio do FHC e do Lula nos anos 90, então, deixemos para lá.

Assim, em 1982, para "ajudar" roubar a população suzanense, Estevam fez um pacto com Paulo Maluf, para se elegerem juntos dePUTAdos FOderais por São Paulo, sendo o primeiro, um provinciano e outro, famoso, que fora eleito graças às obras faraônicas e superfaturadas durante seu período como desgovernador de São Paulo anteriormente.

Mas, nesse mesmo ano, Estevam, para se manter no poder, como não podia se reeleger, colocou um "poste" velho conhecido (prática mais tarde utilizada pelos PTistas) e cooptado pela lábia do Pomposo, o Dom Firmino, em 1982, se elegeu como o "poste" do Estevam, que continuara como prefeito biônico da cidade. Mas, esta ideia de poste não deu muito certo, pois em 1987, Firmino foi cassado pela câmara de verealadrões da cidade sob uma denúncia de "calúnia", só que já em 1988, recorreu e voltou ao poder, sendo quem ficou nesse meio tempo foi o vice figura decorativa Pedro Ishida.

Assim, com as estripulias do primeiro "poste" que teve a proeza de governar Suzano antes, durante e depois da ditadura, Estevam falava mal do tal que o colocou como se bancasse de herói do vilão que mesmo criou, e em 1988, se elegeu de novo prefeito graças ao seu projeto imperioso de poder coronelístico.

Estevam, com o ciclo de ferrar e refazer sucessivamente as cagadas que fizera graças ao seu "poste" adestrado, colocou o "poste" Anti-Cristo Paulo ToCUzumi em 1992, que fora antes verealadrão em 1982, sescrotário de obras em 1987 e vice figura decorativa do Estevam Pomposo no mandato anterior, devido à capacidade de destruição da cidade que acontecera quando este foi eleito como "Messias" vendido pelo prefeito biônico.

Assim, Estevam nos anos 80, conhecido por mascarar a cidade coloca o Anti-Cristo com o fim de autodestruir boa parte de seus feitos, incluindo obras intermináveis até hoje, o Coliseu de Suzano em 1995-96, que fora embargada por irregularidades e aí, virou um elefante branco para sempre que deveria abrigar um estádio de vôlei para o time da cidade patrocinado pela FEDORT, fábrica de pum.

Estevam, em 1994, se elege com o voto dos trouxas como dePUTAdo estadual para roubar representando Suzano e se abdica do mesmo, com a destruição do Anti-Cristo da cidade e faz a mesma estratégia de jerico e se elege arrebatadoramente em 1996 como o "salvador", só que não.

E através de agradinhos e pagamento de propina foi coroado imperador Estevam I e fez muitas e muitas obras superfaturadas e inacabadas, se elegendo em 2000, com uma votação apertada com a ameaça de Dona Marcelo Cândida, mas esta derrotada graças aos apagões suspeitos fraudes na apuração.

Mas Estevam era um puta de um líder genial, pois sabia exatamente como agradar o povo, nos anos 90 realizou espetáculos brutais conhecidos como "Festas do Peão de Boiadeiro" só para agradar a necessidade de sangue do povo, além de chamar artistas famosos como Zezé du CuAmargo e Lixiano, além do apresentador Cucu Liberado.

Necessidade essa que até hoje ainda é notada.

Nesse período, o brejo, digo, cidade já tinha água potável, mas só na casa de Estevam e família, é claro.

Período Republicano[editar]

Marcelo Cândida.

Quando a população estava cansada do domínio tirânico de Dom Estevam, o Pomposo.. Um grande movimento por eleições livres começou na cidade. A primeira eleição foi barrada por ele mesmo Estevam I, mas a segunda ele e a panelinha dele se lascaram, tiveram que dar o braço a torcer.

Foi Dona Marcelo Cândida, o Inepto Zé Meloso, o jegue de bigode, competiram para ver quem se tornaria o primeiro prefeito democraticamente eleito em Suzano em 2004, sem as manobras coronelísticas de Estevam.

O primeiro era um candidato novo, negão, o segundo era o pau mandado de Estevam. Pois eis que Dona Cândida vence.

Parecia que tudo melhoraria, que a era das trevas havia sido superada, que enfiam o brejo, digo cidade evoluiria.

Mas alegria de pobre dura pouco e quando é suzanense menos ainda, graças às estripulias do tal.

Período Agorístico[editar]

A milionária lagoa azul, superfaturada e com dinheiro público.

Passados os quatro anos do mandato de Cândida, Suzano cresceu, voltou a ser um imenso brejo, um lamaçal nojento habitado por tribos primitivas. Mas, temos uma praça! Milionária!

E um número de obras inacabadas, inúteis e superfaturadas muito maior que o de anos anteriores.

Agora a cidade se vê novamente numa disputa política entre o velho Dona Cândida e o ainda mais velho Dom Estevam Pomposo e Tirano disposto a tudo a restabelecer seu mandato.

Se fosse possível fugir de Suzano, a imensa maioria de seus habitantes já teria fugido, mas por algum motivo desconhecido o brejo, digo cidade continua a ser uma imã maldito que faz com que você sempre retorne a cidade.

Período Tokuzumirístico[editar]

Zé Meloso, o jegue de bigode.
Paulo Tocúzinho, ex pastel prefeito japa do lamaçal.

No periodo Agoristico, 2008, houve uma nova disputa entre Dona Cândida e Dom Estevam, o Pomposo.. Sendo que Dona Marcelo Cândida sambou na cara do velho babão outra vez, sendo coroado Imperador supremo do lamaçal, digo, do município de Suzano.

Mas quatro anos se passaram e com o negão nada mudou, uso exarcebado do uso do dinheiro público, falta de comprometimento com toda a população de ignorantes, desvio de verba uma verdadeira zona! Além da proliferação de buracos nunca visto antes nos asfaltos, virando um rally urbano! Chegava ao fim o Período Agorístico.

Mas o brejo não podia ficar sem um líder, eis que uma nova batalha estava feita e com novos-velhos rivais batendo a porta, loucos pra se apossar do dinheiro público e outras regalias permitidas pelos deuses. Foram eles: Profº da putaria Valdinho Stuani, o japa Anti-Cristo revitalizado Paulo Tocúzinho, só que agora sem bigode, e um bônus, o Retorno do Inerte Zé meloso, o Jegue de Bigode! Mas foi por pouco tempo, por pouco tempo. Alegria de suzanense dura pouco, pois o cabaço do Zé meloso lançou uma campanha pirata, isso mesmo, sem a autorização de Deus do TSE(Tribunal do Sexo Encantado) e ainda usava o mesmo numero que o Tocúzinho, parecia piada.. Só aqui no lamaçal, digo, Suzano pra ter uma dessas. O que Baruel e tantos outros icones do passado do brejo pensariam disso? Resultado da patifaria, Zé Meloso desistiu e apoiou o Valdinho Stuani, o professor do sexo, e no final das eleições, O INERTE ZÉ MELOSO FOI EXPULSO DA SURUBA DO PARTIDO DA SOCIAL DEBILCRACIA BRASILEIRA. Um exemplo de cabacisse.

Pois bem, restaram apenas dois o profe e o japa. Durante toda campanha rolou altos tiros nos comitês de ambos, ataques nos palanques, um verdadeiro show de horrores, e a população de energúmenos pouco podia fazer. Propina rolou solta, favores ilícitos e até (dizem) prostitutas nas salinhas.. Tocúzinho vence apertado mais que gente no metrô da Sé! O japonês levou a melhor! É o atual novo pastel glande lider e suplemo impelador do lamaçal!

Houve uma glande festa no Putero Bunkyo, pastel de flango e chullasco de gato pla gelal, tinha gente de todo jeito, chinês, japonês, coreano, árabes, gays, bêbados, otakus, negões, polacos e muitos outros imbecis!

E agora o brejo respira, o brejo mais conhecido como Suzano parece que dessa vez vai pra frente, com Tocúzinho no poder (de novo) os indigentes do lamaçal agora tem nos olhos o brilho da esperança, e a vontade de continuar servindo de otários.

Período Ashiuchístico[editar]

Com o fracasso retumbante mais uma vez previsível do Anti-Cristo Paulo Tocuzinho, multiplicando os buracos da cidades, um legado da Dona Marcelo Cândida, só que sob uma nova modalidade, maior como nunca antes, além de transformar hospitais em verdadeiros campos de extermínio, em que de uma simples doença já morre do nada, além de deixá-la cada vez abandonada e cheia de lixo, Estevam comete o seu déjà vu de 20 anos antes em elegê-lo, só que agora como dePUTAdo estadual mais uma vez desde 2006, pelo fato de o povo ser taxado de trouxa e mesmo assim, elege-o, além de que Estevam receba votos garimpados de outras regiões que possa enganá-lo sem saber quem ele realmente é. Então, Estevam se arrepende mais uma vez de colocá-lo, sem dizer como nos jornais da época que fora "o pior prefeito que Suzano já teve" nos anos 90.

Então, a cidade mais uma vez acéfala, sem líderes de peso, vê-se dividida com as mesmas forças de sempre, só que com o diferencial, Dona Marcelo Cândida teve todas as contas rejeitadas em seu período de governo e fora preso temporariamente, além de inelegível e com o título de eleitor suspenso.

Logo, surgem-se os "salvadores da pátria" da cidade, sendo estes passariam pela primeira vez na TV Diário passando vergonha em rede regional como o Rodrigo Mingau Embuschi (que deu uma de Dória, ao se dizer gestor, mas não chega aos pés do tal em $, além de ser apoiado por Cândida, mesmo este condenado pela justiça por ser ficha suja), o Israel Lacerda (denunciado e difamado por ser um possível usuário de drogas, embora o tal negue), o risonho candidato Said Raful Ervul brimo das verdinhas (novo "poste" turco do Estevam que riu durante o debate inteiro debochando do povo na TV ao vivo), o Professô Luizinho Ruinzinho (genocida contra a língua portuguesa no debate da TV pelo abandonado PT que até Cândida largou desse barco, que dizia "as praca" e "exempro"), a Curminha (candidata inexpressiva avulsa parasita da prefeitura) e os que nem apareceram na TV, pois não tinham chance, como Professor Rodrigo e Dias (nunca ouviram nem falaram).

O final, inesperado, foi entre o vice e o prefeito da mesma chapa derrotada em 2012 pelo Stuani e ToCUzinho, mas como adversários e a eleição apertada de 2016 entre os três ditos acima, levou ao outro inesperado 2º turno nunca antes visto.

Logo, com o 2º turno e mais outro debate da TV "mais do mesmo", Embuschi levou a melhor com a campanha toda se dizendo gestor bem-sucedido do colégio de playbas Lumbini, embora saibam que a mãe é que administra tudo aquilo lá de verdade.

Agora, com a chave na mão e com a mesma euforia dos tempos de ToCUzinho, Embuschi enrolado entre os conchavos dos aspones de Cândida, patina no mesmo dilema do anterior, embora tente tapar os buracos, mas mesmo sabendo que o certo é recapeá-las e fazê-las novamente, recebe as críticas quase que iguais dos mesmos de antes, embora o que faça ainda é muito pouco, devido à falta de organização e de assessoria de tentar levantar a autoestima do brejo novamente.

Economia[editar]

Suzano é uma cidade que tem a vocação de fazer o mundo inteiro feder, graças a companhia de papel e celulose Suzano, carinhosamente chamada de fedozinho.

O grande salto para a modernidade da cidade foi a fundação do Shopping Suzano, em 2000, trazendo para a cidade a primeira (e única) lanchonete do McDonalds. Desde então, não tivemos mais que ouvir piadinhas de nossos vizinhos de Mogi acerca desta deficiência. Porém, o mesmo tem problemas de segurança ao redor, pelo fato de que há trombadinhas de bicicleta esperando a oportunidade de roubar pessoas em volta, principalmente perto do brejo Max Feffer à noite, além de invadirem casas ao redor. Ou seja, por mais bonito que seja ao redor, o local é perigoso, além de inundar a avenida do shopping.

Atualmente Suzano desponta como a nona cidade mais importante entre as dez que compõem o Alto Tietê. Em uma eleição realizada pela internet, a praça das flores e o "esqueleto" (o não terminado coliseu de Suzano) foram eleitos entre as sete porcarias modernas, sendo que desde então têm atraído visitantes de todas as regiões do planeta, que vêm para a cidade para testemunhar como é que se pode gastar tão estupidamente o dinheiro público.

Arqueólogos encontraram também vestígios de uma das maiores maravilhas do mundo já perdidas: o Cine Saci. Esta maravilha estaria debaixo de um templo da Igreja Universal do Dinheiro de Deus, tendo sido encontradas relíquias como um rolo do filme "Super Xuxa Contra o Alto Astral" em seus porões, bem como uma colônia de pulgas fossilizadas.

A praça também fez valer o nome de Cidade das Flores, nela foram implantados muitos jardins, fontes, rosas, que a deixaram linda de mor-rer! Os Emos costumam ir para lá chorar suas mazelas, mas são constantemente sodomizados pelos travecos que lá fazem ponto.

Lazer[editar]

Lazer ????? Os Suzanenses só encontravam isso em Mogi das Cruzes (Credo)! Mais com o surgimento de uma obra que esta embargada, vários bares surgiram: Fritz, Casa bar, Bar da 9 entre outros com a esperança que Suzano chegue a ser Mogi( que também é uma bosta) um dia. É claro, que Suzano até chegar a ser como Mogi das Cruzes Credo,ou seja, não vai mudar nada. Isso pode demorar ou então nem acontecer, mas isso não é importante, mesmo porque Mogi das Cruzes Credo não é grande coisa. Mas estamos torcendo pra que SUZANO evolua.

Para suprir a falta de "Festas do Peão e Boiadeiro", a cidade criou festas comunitárias como a "Festa Nordestina" (Festa GTA), patrocinada pela paróquia, que começou no campo da Kimberly, mas foi movida na última edição no Max Feffer, devido ao seu crescimento. Logo, a festa, criticada por não ter segurança suficiente nas últimas edições, o problema piorou em 2017, quando a festa, mesmo com segurança pública e privada, ocorreram arrastões, roubos de celulares a carros, pancadões coletivos e espancamentos nos arredores, tendo a ajuda da polícia com assistência de bombas de gás de efeito moral e balas de borracha em cima deles para conter o tumulto descontrolado, mostrando como uma simples festa de "lazer" se tornou um "GTA" de Suzano pela falta de organização, assim como outras festas feitas em municípios vizinhos que nunca mais foram feitas devido ao mesmo problema.

Baladas[editar]

Suzano é conhecido por suas famosas baladas GLS animadas. La societa, que agora é frequentada por EMOS, gays e afins e se chama 7 clube.

Ilha da madeira, onde só vão crianças usuárias de crack e meninas aprediz de putaspessoas que estão afim de curtir uma boa putaria e droga e sexo música.
Confraria, frequentado geralmente por filhos da puta São paulinos homossexuais pagodeiros que estão afim de pegar homem fácil.

Tem também o tal chão selvagem , na segunda-feira que é folga das primas , as mesmas se concentram para faturar um din-din extra Itaipava 50 cents!!

Reformulando isso aí em cima, aqui você não encontra balada, mais sim point de maloka.

Cemitério[editar]

( Credo! ) Sim , o cemitério é um dos lazeres da imundice suzanense, os energúmenos de Suzano. Normalmente frequentado por pessoas da praça da DONA MARCELO CÂNDIDA , que são sempre mogianos , emos , medingos , cachorros , otakus , drogados da praça, gays e afins. Fazem sempre uma espécie de tática para pularem o muro levando seus pertences ( bicicletas , computadores , celulares , roupas , drogas , bebidas , brinquedos eróticos e até mesmo a companhia dos pais ). No cemitério eles se encontram com góticos felizes e brincam de rituais de extrema blasêemia e satanismo se cortando e bebendo sangue um do outro , degustam do suor da própria carne e da areia molhada do cemitério ao som de seus celulares que normalmente são músicas japonesas conhecidas como K-POP. Também jogam jogos criados por eles como pega-pega yaoi , esconde-esconde o tako , sai-que-eu-dou , verdade ou desafio, e no final da noite voltam para a Praça da DONA MARCELO CÂNDIDA , e os GCM'S (Guardinhas Cú de Merda) sem paciência com a grande quantidade de drogados e bêbados que não tem o que fazer e que não os deixa tirar um breve cochilo em paz , acaba os expulsando logo de lá.

Lazer com água[editar]

Uma das opções preferidas dos suzanenses no verão é a lagoa azul. Lá diversas pessoas morrem nadam, tentando fugir do calor. Outra opção também é a represa, onde pescadores ganham a vida e tiram um lazer também. E outra opção de "lazer com água", é a linda praça do PREFEITO MARCELO CÂNDIDO (sim, aquela praça da prefeitura) que hoje em dia é "point" de pessoas que não tem o que fazer, porque quando se trata de Suzano, significa, que não temos pra onde ir! Geralmente se encontra de tudo por ali: emos, gays, otakus, lésbicas, mogianos, cachorros, mendigos, putas, chineses, maloqueiros e assim vai.

Bares[editar]

Suzano também possui , quantidades imensas de micro bares Emos ...que sonham em se tornar bares Emos ....para assim conquistar uma cidades de Emos que se dizem bêbados , mas que na maioria das vezes estão chorando por não conseguirem ficar bêbados ...ou porque estragaram uma ou outra mecha do cabelo Emo.

Futebol[editar]

Pra quem gosta de jogar futebol, uma bela opção é o campo da Suvep, próximo ao bairro do belém. La os traficantes moradores são amistosos e assaltam recepcionam muito bem quem vai visitar o campo de futebol.

Hospitais Campos de Extermínio[editar]

Em CUzano, ops, Suzano, não há hospitais dignos da empáfia em que o Suzanense se orgulha de ser a "Vasco da Gama" do Alto Tietê, devido à disputa entre Mogi dos Caquis e ela, fica sempre em 2º lugar em tudo que há de bom, porém, à frente em coisas ruins, como roubos, assaltos, fluxos e massacres escolares principalmente.

Mas, em SuZONA, digo, Suzano, há hospitais que fazem jus à imundície deste lamaçal, como os falidos da rede Santa Casa de Misericórdia daqueles que dependem deste matadouro, que eram divididos em Unidade I e II, do sistema SUS (Seu Último Suspiro), mais conhecidos como "Campo de Extermínio de Desamparados de SUZANITZ-BARUELAU" e "Campo de Extermínio de Desamparados de ESTEWINKA", fundados por Joseph Mengele, quando estava saindo de seu esconderijo na pacata e minúscula Poá (A Vila do Tédio), pois era muito tranquila para fazer seus experimentos e era muito suspeito, para ir à cidade de Mogi das Cruzes (Terra do Caqui), onde se escondeu antes de virar um afogado humano no mar em Bertioga (Refúgio dos Caquiceiros), como todo bom mogiano entende.

No meio do caminho, passou pelo lamaçal de Sujano, opa, Suzano, teve uma ideia de criar um projeto secreto de tentar exterminar a população caipira e os ZLs malditos funkeiros que empesteiam o local com fluxos e suas escrotices atualmente de Suzano, além de serem patrocinados pelo município-pai e vizinho de Mogi das Cruzes, para tentar manchar a reputação do recém-emancipado lugar para que todos que passassem por lá tivessem má impressão e fazer com que o lamaçal voltasse às mãos da grande "Terra do Caqui", pois aquele já estava ameaçando a hegemonia econômica de MUgi com suas indústrias químicas flatulentas, assim sabotariam a imagem de Suzano, depois do Anjo da Morte se asilar lá.

Além desses, há o "Campo de Coleta das Clínicas USPIENOVAC", um enclave USPiano no lamaçal, em que aqueles que estão agonizando nestes hospitais tentam a sorte de serem atendidos no lugar, mas, não conseguem.

Quando não conseguem ser atendidos em nenhum destes 3 Campos, ops, hospitais, se chegarem vivos se não pegarem uma super bactéria, vão ao recém-inaugurado SUZAN-DOR, onde a dor da espera é maior que da doença.

Se for bem atendido no pântano, só pagando no Hospital Santa Maria, privatizado depois do Santa Casa II ser extinto, sendo antes dos dois ser o digno hospital São Sebastião ou no SUZAN-DOR.

Mas se nada feito, tentam ser atendidos no Santa Marcelina de Itaquá (que FAASEE...), dependendo da boa vontade dos médicos e enfermeiros da cidade vizinha, se estes não sofrerem bullying quando eram crianças por morarem lá, realmente conseguem ou no Hospital Luzia Pinho de Melo, na Terra do Caqui, se tudo que tentaram der errado.

A degradação da cidade e de sua saúde foi uma das IMENSAS contribuições do prefeito cara de bolacha e excrementíssimo filho da puta Paulo Tocúzinho, sendo iniciadas no tempo do Marcelo Cândida.

Ou seja, Suzano é como o Vasco da Gama, no passado, ia pau a pau com Mogi das Cruzes (Credo!), mas poderia decolar e chegar a ser uma nova Barueri (se ricos quisessem morar lá). Mas, no presente, é uma cidade 100: 100 moral, 100 hospital e 100 dignidade, afundada nos BURACOS da má administração e do asfalto, chegando ao nível abaixo do fundo do poço e com um GRANDE potencial de ser a nova pior cidade do Alto Tietê.

Salgados Rei Salomão[editar]

Há um local secreto para saciar e satisfazer seus desejos alimentícios...neste local secreto localizado ao lado da Galeria, os preços são extremamente baratos e o gosto é incrivelmente celestial. Preza a lenda de que este lugar, os Salgados Rei Salomão está localizado ao extremo dos picos Nordestes e ao Sul da caverna dos Orcs, frente à matilha dos ferozes cães do Sul. Mais precisamente: Ao lado esquerdo da galeria Lá pode-se encontrar as seguintes igüarias:

  • Coxinha: R$ 0,50
  • Bolinho de Carne: R$ 0,50
  • Croquete: R$ 0,50
  • Refrigerante : R$0,50

Tudo é 50 centavos lá @[email protected] A carne usada é a de cachorros orcs mortos no pântano. ENCARE ESTE DESAFIO CHAMPZ! e se conseguir, volte vivo... ___________________________________________________________________________________________________

Turismo[editar]

Bem é difícil falar de TURISMO AQUI EM SUZANO! Aqui você encontra pessoas de várias etnias (cores, religiões)... Na Glicério você encontra várias lojas de CHINESES/KOREANOS Pasteleiros ou aquelas lojinhas de tranqueirinhas sabem? Que vende de tudo um pouco. Na maioria das lojas, vendem bolsas, puseirinhas (que não duram + de 1 semana). Também né? MADE IN CHINA hahahaha Você paga R$1,99 é tipo, pulseira descatável. Usa e joga fora.

ATRATIVOS TURISTICOS: Ahãn? Aqui acho que não tem nada que possa ser chamado de atrativo turístico. Pra quem não sabe, atrativo turístico é quando você encontra, museus, trilhas, cachoeiras, formações rochosas, vulcões, lagos. Ou seja, o que faça atrair pessoas de todos os lugares pra ver alguma coisa.

Podemos dizer que, a praça da prefeitura está quase lá, porque atrai pessoas de vários lugares, de preferência vagabundos/desocupados que não tem o que fazer, passam horas desfrutando do "som" que colocaram lá e das mini-piscinas ao redor. Que tem uma plaquinha informando pra não entrar na água, ou melhor, não tomar banho lá. Ou melhor, não mijar lá.

Transporte[editar]

Estação moderna de trem em Suzano

O sistema de transporte em Suzano é considerado um dos melhores da região. Depois de forte manipulação concorrência, a Visul é quem toma conta dos ônibus na cidade. Com horários sempre certos, cobradores e motoristas muito bem humorados, sempre dispostos a matar e mutilar ajudar, é considerada uma das melhores companhias de ônibus. Há Algumas diligências e carroças para algumas regiões como Palmeiras e Estrada Fazenda Viaduto. A estação de trem também é um dos pontos fortes. Você só corre risco aos subir nas escadarias, se conseguir sobreviver sem que a escada desabe você ainda corre perigo de pegar tétano, dengue, lepra, sarna, saars, H1N1 etc... Há também a grande facilidade para cadeirantes com fácil acesso.

Frota[editar]

Desde a implantação das vans piratas de transporte clandestino legalizado, a frota da cidade praticamente quadruplicou, e a empresa de ônibus está muito feliz com a situação.

Tipo de veículo Números (2010)[1]
Carros 45259
Caminhão 2853
Charretes 13450
Carroça 9602
Micro-ônibus 35
Motocicleta 26228
Mobilete 5045
Lotação 25.599.999.059
Ônibus 120 (Caindo os Escapamentos)
Trator de rodas 40
Taxi Clandestino do (PCC) 130
Trens 1 (Quebrado)

Empresas[editar]

  • BUENOS, ESPETINHO & PIZZARIA...
  • VISUL - Companhia de transporte público local, com ônibus em ótimo estado praticamente novos (pôs sim)- Faliu no governo peteista onde assumiu a Radial e as Vans do PCC
  • Vans do PCC - Atualmente é o principal meio de transporte, tão arejadas como uma fornalha, tão espaçosa quanto uma lata de sardinha e tão precisa quanto um relógio sem ponteiros.
  • Radial - Nova empresa á assumir o transporte por ônibus, atualmente roda com frota "nova" foi só dar uma demão de tinta branca nos ônibus que rodavam em Ferraz e está novo.
  • BOM - Bilhete para Otários e Mendigos que reclamam do fim da integração no terminal, com ele vc tem uma grande vantagem: Perder tempo para carrega-lo em um posto autorizado (só existe um) antes de pegar o ônibus.
  • Prensadão do Mineiro - O melhor e mais antigo da região
  • Bar da Dora (Duskin) - Dentro da Galeria
  • Mc Dog (marquinho)
  • Fritz
  • Veran
  • Casa Bar
  • Bar da 9
  • Buteco Helena
  • Capela
  • Pipocas Aguiar... até o Rocha (só o vermelho é original)
  • Companhia Suzano de Papel, Pulmões e Celulose
  • Lanchonete do Bigode /o/
  • Bar do Zé
  • Koxixo
  • Saldanha
  • Nelson Pneus Ltda
  • Clube 7
  • Confraria Brasileira (tenso, muito tenso)
  • Ilha da Madeira
  • Ás de Ouro
  • Aconchego Night Club e Drinks
  • Rua Trinta no Badra
  • Igreja Universal do Dinheiro de Deus
  • Arremedo de Shopping Suzano Plaza
  • Padaria Soberana
  • Putas Feias da Matriz
  • Travecos da Prudente
  • Raposão: Resort & Serviços Funerários
  • Unisuz
  • Unopar Diploma Virtual
  • Pistinha de Bike Perto da Prefeitura (hehehe so pra quem conhece)
  • Spay Maconha House
  • Mavera lan house
  • Bar do Seu Nelson
  • Skynão: A feijoada caro pra cara%$#%&
  • Pizzaria Ki-Delícia
  • Padaria Santa Helena
  • Boteco Helena
  • Espanha (hot-dog's gelados).
  • NSK Empresa de Rola mento
  • Lolita games...ponto de bocada----digo amigos
  • "Mogi"donto
  • Padaria SuzanPão
  • Dogão do Primo: parada obrigatória dos gladiadores e semi-deusas da night da cidade.
  • Karaokê das Komadres (somente acima de 14 anos)
  • Magestade Drinks
  • Xãoxelvaxem
  • Pastelarias WU
  • Imperial(casa das primas)
  • Chacara da Adriana(igreja evangelica)
  • Tchutchucas night clube
  • Mega Pastel ( onde o pastel é de vento)
  • Largo do Prefeito da Feira
  • Davó Hiper - Onde as altas sociedades suzanense/poaense/itaqualquercoisencetubana se encontram durante as comprinha$$$ da semana
  • Bar da frente da Represa: Lounge & Chill Out dos funkeiros e piriguetes na caça... e na pesca rapazes bacanas e garotas descoladas da região
  • Parque Max Feffer: O Central Park de Suzano
  • A-Moreira Corp.,também chamada no Brasil de Grupo E.X.U. é a maior empresa de Suzano, possuindo inúmeros segmentos que vão desde a fabricação gel gosma para cabelos, creme antiidade da marca Peter Pan, até CD´s pirateados dos mais procurados jogos de X-Box, Playstation, Nintendo DS e Minigame. Esta corporação se tornou mundialmente reconhecida por suas cópias piratas de Zelda. O fundador do conglomerado A-Moreira/E.X.U. chegou até a ser comparado, tamanha a sua criatividade, ao megaempreendedor Kim Dotcom, o fundador enjaulado do Megaupload que anda vendo o sol nascer quadrado por cortesia do FBI
  • Escola Estadual Raul Brasil: Aonde dois retardados mentais quiseram ser famosos e fizeram um massacre estilo Columbine, e antes de fizerem a chacina, escutavam Pumped up kicks o dia todo,depois

foram no morro com os traficantes e pegaram as armas,na hora do Recreio o primeiro entrou com uma pistola e atirou em todo mundo que via pela frente e colocou uma mochila, o louco pegou um machadinho e passava nos mortos,depois entrou o segundo com um arco e flecha, no final os dois cometeram suicídio e essa escola agora é conhecida Columbine Versão Brasileira

  • Ah... e não podemos esquecer da padaria k´Palascar... sim aquela padaria barateira que fica em frente a estação de suzano. Um verdadeiro "Point" p/ quem gosta de comer bem e "barato" hahaha

Uma coisa fedorenta indescrítivel é o cheiro da Companhia Suzano. O aroma purifica a cidade, atraindo assim ratos insetos os turistas. Ironicamente, foi fundada por imigrantes judeus ucranianos que fugiram do Holocausto de sobrenome Feffer (que significa pimenta em alemão - por serem asqueNazis), que queriam punir a população - também imigrante - japonesa, pelo imperador demente Hirohito estar ao lado de Hitler na 2ª Grande Merda. Assim, punirá durante gerações os Suzanenses e os Mogianos, sendo mais os primeiros, com o cheiro de peido na cidade inteira, mostrando que judeu ganha dinheiro até com peido.

Pessoas Famosas de Suzano[editar]

  • Eu.
  • Palhaço das pernas de pau que aterroriza pelas ruas. (esqueci o nome, de tão famoso que é)
  • Sua Mãe.
  • Dom Estevam Pomposo e Tirano.
  • Estupradores.
  • Peladona da Vila Amorim.
  • Bolivianos com suas flautas doce na praça do relógio.
  • Hippies que vendem trampos na praça.
  • Qualquer um menos você.
  • Mario verde
  • Guilherme Taucci Monteiro (um daqueles filho da puta)
  • Luiz Henrique de Castro (filho da puta também, ambos tão agora no Inferno)

Referências[editar]

Predefinição:Columbine