Tório

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikisplode.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: Tório.

Cquote1.png Esse tório é muio bão em urânio, sô! Cquote2.png
Jöns Jacob Berzelius apoós consumir tório

O tório (homenagem ao deus escandinavo da guerra Thor e ao Ozzy Osbourne "por ambos serem imorriveis mesmo") é um elemento químico de símbolo Th e de número atômico igual a 90 (45 para cada um), com massa atómica aproximada de 232,0 u, como sempre ela é sólida mesmo que esteja em formatos de grãos.

Caracteristicas principais[editar]

Um brinquedo Lego feito à base de tório.

O tório é um metal natural, feito de terra com átomos metalicos da pesada, ligeiramente radioativo. Quando puro, o tório é um metal branco prateado que mantem o seu brilho por diversos meses. Entretanto, em presença do ar escurece lentamente tornando-se cinza ou, eventualmente, preto não servindo mais para nada aquela coisa. O óxido de tório ( ThO2 ), também chamado de "tória", apresenta um dos pontos de ebulição mais elevados ( 3300 °C ) o que faria te transforma-se em cinzas em pouquissimos segundos ao contato com isto. Quando aquecido no ar, o metal de tório inflama-se e queima produzindo uma luz branca brilhante cegando a todos que olhassem direto para essa coisa.

Suas ocorrências[editar]

O tório é encontrado em quantidades pequenas na maioria das rochas e solos, onde é aproximadamente três vezes mais abundante do que o urânio para o enriquecimento da bomba atômica em Irã e é aproximadamente tão comum quanto o chumbo, sendo mortifero caindo isto na sua cabeça. O solo contém geralmente uma média de 6 ppm de tório, representando 3 pedrinhas de grãos de areia encontrado em todos os cantos onde você mora. O tório ocorre em diversos minerais , sendo o mais comun o mineral de terra rara de tório-fosfato (como as de Catalão-Ouvidor em Goiás ) , monazita, que contém até 12% de óxido de tório. Há depósitos substanciais em vários países, sendo que as maiores fontes mundiais de tório são encontrados nos Estados Unidos, Madagascar, Índia, Sri Lanka e Austrália, sendo estes países permitidos pelas agencias americanas a terem urânio enriquecido em suas industrias.