TV Cultura

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Bugs Bunny.jpg Sacode essa cueca, Anônimo!

Este artigo é sobre alguém mais feliz que pinto no lixo! Nem mandinga,
nem urucubaca dão certo nele.

Se vandalizar, jogaremos um monte de ferraduras na sua cabeça!


Nada!
TV Cultura está relacionado à TV Cultura, assiste Cocoricó, Viola, Minha Viola e Roda Viva, mas lá só passa 99% Cocoricó e 1% TV Cultura


conheça mais dessa gentalha aqui


TV Cultura - TV Cutuca, TV Cucuia, TV Cocoricó, TV Enruga.

TV Cutuca.png

TipoPrivada pública aberta
País Bandeira do Brasil Brasil
Disponibilidade TV Aberta, TV Gaga, TV Acaba
Proprietário Padre Brocheta, Geraldão
Data de Lançamento Anos 60
Nomes Anteriores Nenhum
Programação Cocoricó, Castelo Rá-Tim-Bum e alguns outros programas educativos que ninguém assiste.
Slogan A Cucuia pega bem mal
Website tvcucuia.com.br
Wikisplode.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: TV Cultura.

Cquote1.png Você quis dizer: TV sem Cultura Cquote2.png
Google sobre TV Cultura
Cquote1.png Você quis dizer: TV Tortura Cquote2.png
Google sobre TV Cultura
Cquote1.png Você quis dizer: Grupo Ra-Tim-bum de Televisão Cquote2.png
Google sobre TV Cultura
Cquote1.png Cocoricó de novo, mãe??? Cquote2.png
Criancinha de 5 anos sobre o fato de Cocoricó estar sendo exibido infinitas vezes.
Cquote1.png Tudo o que eu sei sobre português deve-se a TV Cultura Cquote2.png
Carla Perez referindo-se unicamente ao programa idiota do Professor Pasquale.
Cquote1.png Transmitindo diretamente da fundação Padre Anchieta, ZYB... Cquote2.png
Narrador da Cultura sobre todos os programas
Cquote1.png Pobre... Cquote2.png
Sílvio Santos sobre TV Cultura
Cquote1.png Pobre é tua namorada. Fiquei sabendo que ela tá te traindo. Cquote2.png
TV Cultura sobre Sílvio Santos
Cquote1.png Namorada... não tenho namorada porque passo o dia todo fazendo yoga e meditação. Cquote2.png
Sílvio Santos sobre TV Cultura

A TV Cultura é uma privada pública aberta adminstrada pelo Governo do Estado de São Paulo, emitindo seu sinal na frequência de 500 MHz (a mesma dos Walkie-Talkies), foi fundada em 1900 e guaraná com rolha pelos Diários Associados, o mesmo grupo que ajudou a fundar a falida TV Tupi, logo foi vendida em 69 (uí!) para a Fundação Padre Buceta.

Dentre todas as redes nacionais, é a que apresenta o melhor nível de programação cultural com uma grande audiência chegando a picas, opa, picos de audiência, geralmente ultrapassa a Rede Globo na hora do Jornal Nacional e na novela das 8. Há vários programas extremamente educacionais como o... é... aquele lá que passa depois do futebol... Enfim, é muito bom.

A TV Cultura é considerada o segundo canal de televisão com maior qualidade do mundo, segundo o instituto de pesquisa Populus, porém muitos concordam que a pesquisa é uma fraude, já que o instituto entrevistou todas as únicas 20 pessoas que assistem a Cultura diariamente, então é claro que a porcentagem de aprovação entre os telespectadores seria maior comparado as outras emissoras.

Por que este nome?[editar]

Este nome inútil foi ideia de um certo desocupado chamado Chatô que resolveu que se deveria criar um canal de TV para ser bancado especialmente pelo governo de São Paulo.

A ideia seria que nele se tivesse uma Roda Viva de políticos, programas idiotas de tão sem graça e seriados infantilóides que fossem mais reprisados que Chaves , Chapolim,carrosel (que passou um dia apos o outro e ainda quiseram repetir) além de um monte de gente se achando porque "faz" arte e seria sucesso de crítica.

O que não deixa de ser verdade mas é negado cegamente pela Rede Globo e seus afiliados, que criaram uma sub-cultura semi-dominante no Brasil, formada por programas idiota-burronis que infectam o cérebro das pessoas e mostram para elas que na verdade, cultura, é ter o cerebro maior que a dos outros. Sendo que a tv cultura tem mais cultura do que a rede globo.

Senta que lá vem a História...[editar]

Em 2008 finalmente a TV Cultura entra para era da TV de tubo colorido

O tal canal foi finalmente fundado em 1969 pelo Padre Anchieta Marcelo Rossi, filho de Reginaldo Rossi, sendo destinado a exibir as missas realizadas nas capitais brasileiras, e durante 3 horas, no horário nobre, era reprisado uma missa da Pastorinha, um programa extremamente evangelista com linguagem fácil pois também era destinado a crianças.

Tempos depois, Padre Marcelo brigou com a Pastorinha e a Pastorinha migrou para a Record, e Padre Marcelo para a Globo, deixando a Cultura nas mãos de incompetentes professores interessados somente em dinheiro na educação da população brasileira.

Nesse momento a emissora foi comprada pelo temido professor Pasquale que tenta sem sucesso fazer os brasileiros falarem corretamente o Português, entretanto sem sucesso.

No final acabou contratando um cachorro mestiço de Hamburguer um diretor viciado em que tem fetiche por músicas de aniversário que fica dando nome de Rá-Tim-Bum para todas as produções que faz.

Como por exemplo: Rá-Tim-sultei um pum,Castelo Rá-Tim-Bunda,Castelo Rá-Tim-Bum, Ilha Rá-Tim-Bum, Reino Soberano Rá-Tim-Bum, República Popular Rá-Tim-Bum, Thundercats and Mumm Rá-Tim-Bumra-tim-bum cara isso e muito duidum ra tim bum e cia (cia=ra tim bum)

Programação[editar]

Funcionários da TV Cultura
  • Vila Sésamo - Contém uma música impressioante. São maravilhosos fantoches fofos emuxos, em que se contam historinhas e danças com marionetes.Lá existe um bobalhão amarelo chamado Garibaldo Gayribaldo.
  • Cocoricó - Uma grande produção. É uma fazendinha fofa, em que vivem 6,02 x 1023 animais que trocam relações sexuais de afeto diariamente.

Com seus programas roubados por um golpe da rede globo e SBT carinhosamente cedidos a outras emissoras de QI muito mais baixo, programas como Doug Funny: O filho do Pedro de Lara, A pedra do barato, O Mundo de Beakman, Zoboomafoo e outros, pararam de ser exibidos.

Atualmente sua programação infantil encanta adultos de todas as idades