Taiti

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Hã? Cquote2.png
Oscar Wilde sobre Taiti

Localizado em algum canto esquecido por Deus no Oceano Pacífico, o Taiti é um aglomerado de entulho, dejetos, restos de pescado e lixo radioativo provenientes dos Estados Unidos, Japão, Europa e Brasil, que flutuaram pro sul, se juntaram e formaram aquela caca que os habitantes locail chamam de arqipélogo tropical. Logo a área se transformou num paraíso fiscal e passou a ser disputada por França, EUA, Petrobrás e Irã, devido às suas colossais reservas de urânio, cachaça e indígenas ninfomaníacas.

História[editar]

Durante a migração do homem primitivo asiático para a América, muitos, procurando comida, fugindo de tubarões ou naufragados, resolveram passar uma temporada no arquipélogo radioativo e ficaram por lá, fumando baseados e construindo as primeiras vilas da história com tv a cabo.

Ao aprenderem a lidar com o clima tropical à-lá aterro sanitário, eles começaram uma campanha para dominar a Terra.Depois de detonarem Atlântida e outros reinos perdidos,eles entraram pelo cano quando Napoleão Bonaparte comprou o arquipélogo inteiro e transformou-o num clube de atividades suspeitas, que envolviam tráfico de escravos e produção em massa de esterco.

Assim a ilha se tornou refúgio de diversos figurões do mundo capitalista e virou colônia de férias para vilões,como Paulo Maluf,Fernando Collor,Adolf Hitler e Darth Vader por 2000 anos até o Pai-de-Santo Zezim Preto libertar o povo da escravidão. E no final do século XIX um habitante chamado Sgt. Kiwi de escorbuto amarelo (que se assemelha ao nerd tetudo)

Economia[editar]

O povo lá sobrevive principalmente da exportação de bananas,mosquitos da dengue, HIV e cogumelo do sol, que também é veneradíssimo na ilha.

Política[editar]

Não há muito o que dizer aqui. Depois que o Pai-de Santo Zezim Preto se escafedeu fugindo do mosquitos enormes da ilha, o Chefe Tribal Gwa-la-la Bafana-Bafana deu um golpe de estado e estabeleceu o primeiro (e único) regime comunista democrático tribal unificado do universo.

Esportes[editar]

A população do Taiti é adepta dos mais variados esportes. O principal deles é a corrida, que 99% da população (exclui-se apenas os aleijados) pratica quando depara-se com algum leão, tigre ou com a polícia.

Recentemente, com a chegada da televisão em preto e branco no país, houve a popularização do futebol. Após assistirem o super clássico entre Palau e Togo, os ajudantes de pedreiro do Taiti ficaram fascinados com o esporte, e resolveram formar uma seleção local, só o merda do Vahirua era profissional, fez 1 gol em 2.000 jogos pelo Íbis. No melhor e único campo de futebol do país, que os próprios jogadores pedreiros construíram, eles treinam chutando cocos, laranjas, ou qualquer outra coisa que role. O goleiro usaria uma Havaianas na mão, se tivesse dinheiro para comprar uma. O resultado é que, juntando esses treinamentos com a resistência natural de quem trabalha mais de 10 horas diárias levantando muro debaixo do Sol forte, eles conseguiram conquistar a Copa das Nações da Oceania, batendo na final a poderosa e tradicional seleção da Nova Caledônia. De brinde, ganharam uma vaga para a Copa das Confederações no Brasil e um uniforme da Nike, onde chegam como favoritos absolutos ao título.

Cquote1.png Fizemos um gol e levamos 24 em três jogos, somos campeões! Cquote2.png
Taitianos sobre Taiti

Curiosidades[editar]

  • O Taiti é o maior exportador mundial de cogumelo do sol
  • Devido a uma sangrentíssima guerra com Irã e Moçambique,os praticantes de vodu da região criaram a primeira bomba atômica da história,mas os canibais de Madagáscar a roubaram e trocaram com os EUA por pedacinhos de terroristas picados.
  • O Taiti seria sede da copa do mundo de 2014, mas a decisão foi vetada de última hora pois não há seleção de futebol em Taiti (eles só conhecem toucabol).