Tatuí

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Serjão entrevista.jpg Enxada-1.png Esti artigu é caipira, sô!! Enxada-2.png

Este tar di artigu pareci caipira, foi escritu purum caipira, ô ele é de fato
CAIPIIIIRRA!!!

Num istraga eli naum, si não nóis crava a inxada pra riba docê!

Wikisplode.gif
Para os neo-ateus que preferem acreditar em mentiras, os supostos experts da Wikipédia têm um artigo sobre: Tatuí.

Cquote1.png Sua pesquisa - Tatuí - não encontrou nenhum documento correspondente. Cquote2.png
Google sobre Tatuí
Cquote1.png Essa eu sei! É um tatú com injeção eletrônica. Cquote2.png
Carla Perez sobre Tatuí
Cquote1.png Sabia que a Xuxa queria comprar a pirâmide?? Cquote2.png
Guria Retardada Tatuiana sobre Tatuí
Cquote1.png AAAOOOWWW. Cquote2.png
Fio sobre Tatuí
Cquote1.png Aiaia !! Gugu eu adoro lavar roupa !! Cquote2.png
Mulher que ganhou uma casa no construindo um sonho sobre Tatuí
Cquote1.png Só tem vagabunda e noiado! Cquote2.png
Boituva sobre Tatuí

O principal meio de transporte de Tatuí.

Tatuí é uma cidade do interiorrr do estado de São Paulo. É conhecida por ser rota do tráfico de entorpecentes pela música, pelos doces em compota e pela churrascaria do posto no trevo da Rodovia Castello Branco. Seus moradores se ressentem de não terem nascido em Sorocaba, mas ficam aliviados por não terem nascido em Itapetininga.

Nome da Cidade[editar]

Tatuí, de "você está aí?", "tá tu aí?", no dialeto local.

Originalmente chamada de Thwatwhuíhl, teve seu nome mudado para Tatuí, para facilitar a anotação da placa do carro por parte dos guardas municipais na hora de multar. Seus moradores são conhecidos como Tatuianos ou Tatuienses: o gentílico correto nunca foi determinado.

O hino municipal fala sobre abacaxis e melancias, que significa problemas e comunistas. A cana de açúcar é onipresente na agricultura local. Além de dizer que Paulo Setúbal* levou um Galardão**, que não se sabe o que significa, mas é de dar dó só de pensar.

O brasão da cidade traz as palavras Per Ardva Surrexi, do latim. Em português significa "surrei até arder".

  • esse famoso... é... ele foi um famoso... bom, o cara só deu o azar de a mãe dele dar a luz enquanto passava pela cidade, logo depois a família dele deu no pé e mas população o adotou como semi-deus da cidade! Reza a lenda que esse tal Paulo Setúbal era um baita escritor (tatuienses atribuem a ele a autoria da bíblia, mas pesquisas recentes dizem que o semi-deus tatuiano é o real autor de outra obra prima mundial "As Aventuras de Xisto") mas a única coisa que ele fez foi traçar sua patroa e ter uns filhos, e um de seus filhos fundou o Banco Itaú.
    • os porcos separatistas quadrenses dizem que Galardão era o nome do amor de Paulo Setúbal. Galardão era um negro alto, forte e bem dotado que tinha uma tara em escritores metrosexuais.

História[editar]

Policia.jpg

No principio Deus Criou o Céu e a Terra, Logo em Seguida O Senhor Criou o Conservatório de Tatuí, Daí foi criada a cidade de Tatuí, em volta do Conservatório. Daí surgiram a Pastelaria do Tambelli e o Empório da Elze Vanni, que se tornou a primeira Prefeita em 1750. Foi ela que realizou o plantio da árvore de natal da Praça da Santa. Datam da mesma época, o Prega Fogo Vadô, o Neto, o Buzina e a Jaqueline Pinguça.

A Estrada de Ferro Sorocabana trouxe o progresso de Tatuí. E logo ele se tornaria o jornal da Cidade. A Cultura sempre fez parte do cotidiano da cidade. Foi construído o Teatrão, uma obra prima da arquitetura brasileira, que levou 35 anos para ser construído, com suas paredes imponentes, detalhes particulares e acústica invejável. Demolido em 1 semana, logo após o termino das obras sem ter sido nem sequer inaugurado.

O Conservatório deu a Tatuí também o título de Capital da Música - ou tentativa da mesma. Seus habitantes, ao completarem 15 anos, ingressam no conservatório, abandonando no ano seguinte, esquizofrênicos de tanto escutar Pom/Pom, Toc/Toc e Fiam/Fiam, dos demais alunos no jardim do conservatório, habito esse que também já desertificou a Rodoviária e levou à falência o comércio no entorno do conservatório. No Conservatório encontram-se pessoas especialistas em gaitear trombetas, estourar cordas de violinos, tocar pianos comidos por cupim, arrebentar baquetas (também conhecidas como pauzinhos), e deixar outros espertos que não tocam nada na fila de espera.

Ademais, Tatuí se desenvolveu e se tornou atrativa industrialmente, comercialmente e com isso trouxe muitos paulistanos, que decidiram em massa comprar chácaras e casas na cidade. Foi implantado aos sábados o congestionamento nas vielas ruas do centro para que tais paulistanos sintam-se em casa, percorrendo o pequeno trajeto de 2 km da rua 11 em exorbitantes 50 minutos.

É Costume na Cidade, dirigir em baixa velocidade, (porque tem radar, mesmo que ele esteja a 10 km de distância), dar seta para um lado e virar do outro, transitar pelo meio da rua. Os motociclistas fizeram a cidade entrar para o Guiness, como a cidade que mais tem CG´s com escapamento que estoura.

Existe em Tatuí o campo de provas da Ford. Essa empresa, economizou alguns milhões de reais ao abrir uma parceria com a prefeitura. Ela, a Ford, deixaria de construir uma pista de quilômetros de distância pra testar seus carros se a prefeitura mantivesse as ruas da cidades esburacadas, cheias de valetas e suas lombadas todas fora de padrão(uma a cada cem metros da outra).(padrão para lombada: 1º - 8 cm de altura e 1,50m de largura. 2º - 10 cm de altura por 3 metros de largura - Resolução 39 do Contran). A Ford testa a resistência de seus carros pelas ruas da cidade. A Sabesp entrou nessa parceria também fazendo os buracos. Vários são abertos todos os anos e, mal tapados, logo viram crateras. Se seu bairro tiver um asfalto novinho espere até a Sabesp começar a abrir os buracos.

Corriqueiramente você pode ouvir verbos no diminutivo como chovendinho, correndinho, falandinho, chorandinho ...inho e outras palavras que fazem parte do Tatuiês.

Atualmente a cidade vêm perdendo seu "valor" pois o Conservatório que é seu coração vem demitindo contratando os piores melhores professores do mercado de incompetentes. Os filhos da puta responsáveis por isso são os eleitos do PSDBunda pelo estado que não fazem nada de mais além de ferrar o que é (ou tenta ser) bom e coçar o saco. Para garantir a contratação dos funcionários, o ilustre diretor do conservatório, sr. Doupado criou o Processo Seletivo de merda que culminou na situação catastrófica que vemos hoje. O Ministério da Cultura e os Diretores do Conservatório comemoram a vitória com sucesso, pois puderam reduzir as despesas (e a qualidade) e não correm o risco (ou acreditam que não) de perderem o trono, já que todos os tatuianos são uns bananas.

Mas no final de tudo mesmo, o único lugar que presta na cidade é a rodoviária. Porque tira alguns pé-rapados da cidade, mesmo que seja por pouco tempo. Sem contar com a dor de cotovelo que os itapetininganos ou será itapetininguenses, deixa pra lá. Com sua grande inveja de Tatuí por ser uma cidade mais civilizada e com pessoas muito educadas [Carece de Fontes] e não caipiras, e que apesar de ser menor que a cidade de Itapetininga é muito melhor. Os itapetininguenses ficam "se achando" com o shopping que eles tem lá e por ser tão ruim assim "nóis tatuiano vai tudo pro EspRnada Xópi em Sorocaba" (sic).

Agora inventaram uma festa do doce na praça da Matriz. Doce só no nome, porque o preço é bem salgado. Primeiro os alambiques servem doses de cachaça grátis e depois que o povo tá meio "arto" sai comprando tudo que vê pela frente. Os doces estavam tão caros que tinha neguinho saindo debaixo do toldo com pé-de-moleque na boca se achando o playboy "dasturma".

População[editar]

Tatuí tem uma população de aproximadamente 100.000 habitantes.

10% são imigrantes peruanos, chilenos e paraguaios que estudam no conservatório.
25% são paulistanos, fugindo da poluição de São Paulo, e trazendo sua parte de poluição educacional para as cidades do interior.
30% são das cidades do interior de São Paulo, que vão pra Tatui, fugindo de dividas de tráfico, pois sabem que Tatuí não se encontra no mapa, então uma vantagem a mais para se esconder.
25% são de uma tribo indígena chamada Kalons ou Ciganada do Caralho! que infelizmente sobreviveram ao diluvio e habitam a região de Tatuí a milênios, eles tem um sotaque engraçado e cabelo estilo Fabio Junior(mullet), andam com calças apertadas, camisas extravagantes, sempre armados mesmo que seja um pequeno canivete e tentam te assaltar sempre que possível.
5% são presidiários foragidos que se escondem em Tatuí.
5% é o que nasce na cidade mesmo.

E por incrível que pareça, 100% desconhece direção defensiva, código de trânsito ou noção básica de como se comportar no trânsito.

Comércio[editar]

Tatuiano geralmente adora comprar quando tem algum dinheiro. Muitos produtos no comércio tatuiano possuem um selo especial, parte de uma campanha de incentivos. Este selo é uma "garantia de retorno" ao comerciante. Para sua loja ter tal certificação, basta o comerciante comprovar, em sua receita, que está tudo "certinho" (mesmo se for comprado na Santa Efigênia ou no Paraguai), e com um valor que geralmente é maior do que o valor final da mercadoria. Depois disso, a mercadoria sofre uns pequenos aumentos de preço:

  • O gasto com as comissões de uns vendedores, geralmente algo em torno de 56%.
  • Um adicional de combustível, que é gasto todas as quartas-feiras com idas à Santa Efigênia e 25 de Março.
  • O frete Paraguai se aplica quando a mercadoria vem da fronteira. Geralmente, o frete não é fixo, mas variável: inclui um tanque de combustível, no caso de micro-comerciantes, ou uma passagem de ônibus, no caso de alguém ultrapassar umas divisas.

Em qualquer situação, o adicional acaba sendo mais ou menos 70% em cima do valor final da mercadoria. É preciso também que o produto esteja aparentemente mais caro do que nas outras cidades da região (principalmente Sorocaba), pra que pareça que tem "mais qualidade". Pronto! Seu ponto das tranqueiras poderá desfrutar do prazer de vender com o selinho de qualidade, e alegrar os prezados clientes.

Autoridades inclusive já pensam em adotar um novo selo, pra dificultar mais as coisas. Este é pra desviar fundos para a Santa Casa (em forma de esmolas) e tentar cobrir a fatia dos inadimplentes que não pagam a "Contribuição Voluntária" do IPTU, porque as multas cobradas pelos órgãos de trânsito nunca serão suficientes.

Festas[editar]

  • Baile do Havai*: Era pra ser a melhor festa da cidade, acontece uma vez por ano e atrai muita mulher bonita e interesseira, como de costume essa festa tem inúmeras brigas (só tem indio em Tatui) causadas por um povo indígena que habita a região de Tatui desde 1.500 A.C, conhecido como Kalons ou Ciganada do Caralho!!!.
  • Baile do Vermelho e Preto*: Grande baile de carnaval que acontece a mais de 20 anos em Tatuí, também marcado por muitas confusões, drogados, mulheres promiscuas e interesseiras. Espancamentos são normais, não se assuste, quando começar uma briga do lado de fora do baile ligue pra policia o mais rápido possível e reze pra que a policia chegue atirando na cara de toda a elite que estraga as festas de Tatui.
  • Carnaval: Cordão dos bichos e bichas. Tatuiano (ou tatuiense) faz propaganda do carnaval em Tatuí, e vai para Cerquilho.
  • Natal: Um passeio maravilhoso, visitando uma árvore de natal, Paradona.
  • Festa de Peão: Literalmente é uma festa de peão. Peão de Obra. Vá armado, é costume.
  • Festas no Clube de Campo de Tatui*:As festas mais quentes do povão rola nesse lugar, se você quer ver sangue de verdade vá nesse lugar, é aconselhável entrar com colete a prova de balas, sinalizador, soco inglês(só para se defender) e botas com bico de aço.

Dialeto local e costumes[editar]

  • Qué quejo é??: Forma educada de chamar alguém de folgado
  • Melei o pé: Bebi demais
  • Casquei o bico: Ri muito
  • Xé xico: Nem a pau!
  • Cunhéim: De lado
  • Revesgueio: Variação do Cunhéim
  • Quarentchoito: 48
  • Boua Nardo!!: Muito bem!
  • Que ór agór?: Que Horas são agora?
  • Xéééé, Chico! Pode erguê o cuadolão: Não concordo.
  • Do quar que tem?: Quais são as opções?
  • Do quar se qué?: Escolha!
  • Do que tem tanto?: Quais os sabores que tem?
  • Quem vai/foi tanto?: Quais pessoas estiveram presentes?
  • Ai que tipo/Ai que sem tipo: Algo que não combina com o que deveria combinar
  • Xéééé Bicho Feio!: Não tem mais jeito
  • Lanquan !: Zé ruela, trouxa, bobo
  • Lanquan de Argola !: Variação do termo; específico para mulheres que usam brincos de argola.
  • Forfé !: Confusão, briga, falatório...ex; Forfé no Cér = Guerra nas Estrelas.
  • Pardár !: Análogo a um passarinho; mesmo que Zé Ruela, trouxa, bobão, lanquan...
  • Beronha !: Mesmo que "cabaço" em Paulistês, ou o famoso "mané" no Carioquês.
  • Ôoo Dagáia !: Cumprimento íntimo entre os mais velhos que sabem ser traídos pela mulher, ou não.
  • Se pah!: Sem certeza, dúvida, fim de qualquer frase pra uma pessoa tatuiana.
  • Siapinchá: Saltar de lugar alto; "Vô subí no trampolim da piscina e me siapinchá lá de cima!"
  • Doquequeade!: Não acredito; usado muito pelos mais velhos.
  • Quequecêqué?: O que o senhor/senhora deseja? Tem que ser pronunciado de um fôlego só.

E Cara Variado!: Pessoa louca da cabeça.

  • Alguns ignorantes acham que o dialeto tatuiano se resume à frase "Tatuírrr, onde o trem faz pírrr e a água faz tchibúrrr" mas essa frase também é comum no piracicabês. O que realmente distingue o tatuiês é a frase "lÉitE quÉntE dói no dÉntE".
  • O pior de tudo é um certo "cidadão Tatuiano" que foi pro Rio de Janeiro e entrou numa pastelaria. Na hora de pedir, caprichou no "Carioquês": Me dá um paxxtel. O cara respondeu: de qual sabor?? e o lanquan responde: De carrrrne !

Vida noturna[editar]

  • Posto Atlantic*:Todo homem tatuiano pelo menos uma vez na sua vida passou no Posto Atlantic para ver as maravilhas siliconadas que habitam as proximidades escuras do posto, meninas lindas, musculosas com voz um pouco rouca e bem dotadas, voce pode conseguir um boquete por R$5,00 dependendo do horário.
  • Boiteco*: Ter atendimento privilegiado por um gordo porco que limpa o nariz na sua frente ao mesmo tempo que serve a sua carne saborosa.
  • Seu Gomes: Ótimo programa para sábado a noite, você se diverte com sovacos na sua cara, facadas por todo lado e sem conta a pistinha de dança no fundo
  • Capitão 15: você se diverte na fila e na aglomeração na porta, porem legal mesmo seria conseguir entrar.
  • Camilo: você se diverte na fila e aglomeração na porta, porém legal mesmo seria conseguir entrar e depois que entra o difícil é ser atendido.
  • República: Caralho! Que caro!
  • Rota 11: A única balada... Onde bomba o local de fumantes!!! Porque de resto é tudo caro!!!
  • Forro do Grilo: Ótimo lugar para afiar sua faca. Observação não basta pagar o ingresso, entro somente com facão acima de 30 cm.
  • Baile da Princesa: Uma balada animal, bate até as baladas de Ibiza! fica localizado as margens da monumental marginal do "córgo" do Manduca.
  • Clube da Terceira Idade: De velho, só tem o nome e os membros. Tem mais baladas com inúmeros Kalons (vulgos Ciganada do Caralho!!!) e formaturas das escolas particulares com molequinhos de nariz empinado do que algo realmente para os velhos (fora que o bairro onde fica tem velho pra caralho!). Se algum dia pretende ir pra uma balada sertaneja com Mate Quente e Índio Aragano neste local, recomenda-se que vá equipado com um colete a prova de balas e uma .38 por conta da excessiva quantidade de Kalons que provavelmente estarão no local.
  • Bairro Santa Rita: Abriga a balada mais procurada por suicidas de todo o Brasil, é entrar e ser decapitado!
  • UANA CLUB não pera agora Tape Club: Uma balada itinerante com os melhores DJ´s do circuito nacional, com muita música da época do Paulo Setúbal, e afins, o único lugar onde dizem que presta nessa balada é o QUADRADO MAGICO, onde só entram conhecidos (os Boys da cidade) fora o mesmo! è necessário uso de armas para frequentar o local, e se possível levar um SBP para matar as mulheres que parecem mais umas moscas e pernilongos do que mulher de verdade!
  • Jardim da Santa: Famosa praça com uma estátua da Virgem Maria sempre suja de m**da de pombos. A prefeitura fez um acordo com o governo federal e com Amsterdã para que essa praça tenha o consumo e comercialização da maconha liberado em qualquer hora do dia ou da noite, inclusive para menores. E para maior conforto criou uma praça de alimentação ao lado onde são servidos lanches para saciar a larica dos maconheiros.
  • Bar da Morte: A rua próxima a este bar é conhecida pelo alto número de circulação de funkeiros e Kalons durante os fins de semana nas redondezas. É sempre o bar mais próximo de você quando você está seco pra beber (até hoje não se sabe o motivo disso), mas vá com um canivete bem afiado se for comprar bebida lá aos fins de semana.
  • Bar do Nardo: BOA NARDO!!! PALMEIRAS PORRA!!!
  • (Obs.:: por decreto de lei municipal, toda balada, bar, boteco, zona ou qualquer coisa que existe pra se divertir na cidade, tem que encerrar suas atividades as 2:00 da manha, ou seja: a peãozada sai de casa as 11 da noite ou a meia noite, enfrenta filas pra entrar em qualquer lugar, só pra descobrir que já está na hora de ir embora! Ohhh cidade esquisita!)