Tea Lady Hewitt

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Família Sawyer.jpg Este artigo é CANIBAL!

Este artigo está relacionado com canibalismo. Isso significa que ele(a) se
alimenta dos seus semelhantes e provavelmente é um Serial Killer.

Se vandalizar, Hannibal lhe servirá para seus convidados.

Night creature.JPG Tea Lady Hewitt surgiu das trevas!!

Of DOOOOOOOOOM!!!

Puro osso.gif
Seriam elas a mesma pessoa?

Cquote1.png Você quis dizer: Tia do chá Cquote2.png
Google sobre Tea Lady Hewitt
Cquote1.png Você quis dizer: Agatha Christie Cquote2.png
Google sobre Tea Lady Hewitt
Cquote1.png Experimente também: Susan Boyle Cquote2.png
Sugestão do Google para Tea Lady Hewitt
Cquote1.png Finalmente encontramos Moby Dick, lançar arpões! Cquote2.png
Capitão Ahab sobre Tea Lady Hewitt
Cquote1.png Mamãe querida, meu coração por ti bate... Cquote2.png
Rei do Crime sobre Tea Lady Hewitt
Cquote1.png Eu te disse para parar de se encher com rocambole de vísceras, mas você nunca me ouve. Cquote2.png
Luda Mae Hewitt sobre Tea Lady Hewitt
Cquote1.png Foi dureza fazer com que houvesse luz com ela no meio do caminho... Cquote2.png
Deus sobre Tea Lady Hewitt

Tea Lady Hewitt, também conhecida pelos nomes de Free Willy, Moby Dick, Adele, Tia do Chá ou Gorda do Trailer, é uma grande e corpulenta balofa que vive dentro de um trailer abandonado nos arredores da casa dos Hewitt (que mudaram seu nome para que ninguém os reconhecesse depois de O Massacre da Serra Elétrica - O Retorno, sendo que na verdade eles eram conhecidos no passado como "Sawyer"). Vem a ser a irmã de Luda Mae (que tem tudo para atingir a mesmo tamanho de sua irmã). Foi obrigada a viver num trailer pelo fato de não haver espaço suficiente dentro da casa para que ela coubesse, então, tiveram de improvisar um trailer gigante para que Tea Lady Hewitt se abrigasse lá e não ficasse pela rua nublando o tempo com toda sua massa corporal. É facilmente reconhecida por usar um vestido que mais parece uma daquelas capas de botijão de gás.

Infância e adolescência[editar]

Tea Lady fazendo o que ela sabe fazer de melhor: tomando chá.

Tea Lady Hewitt nasceu em uma cidade perdida na Inglaterra. Filha biológica de Sancho Pança com Doutora Lorca, nasceu depois de uma longa cesariana de 10 horas, devido ao seu peso acima da média normal para um ser humano. Sua mãe, após trazê-la à vida, entrou em depressão pós-parto devido a traumatizante dor de dar vida a um objeto tão esférico e corpulento como aquele, e resolveu abandoná-la num lixão da cidade.

Deixada para morrer à míngua em meio a sarjeta, Tea Lady Hewitt começou a chorar, afinal, ainda era uma criança. Porém, todo seu tamanho fora do comum lhe proporcionava pulmões e cordas vocais gigantes, e também um enorme fôlego, de forma semelhante a um cantor de Ópera. Seu choro era forte a ponto de quebrar todas as vidraças das redondezas. Foi então que, movido pelas extraodrinárias explosões do vidro de seu carro, um açougueiro que passeava pela região de férias, acabou chegando até Tea Lady Hewitt, e com pena, resolveu adotá-la.

Logo, o açougueiro passou a criar Tea Lady da mesma forma que cuidava de sua filha biológica, Luda Mae, fazendo-as acreditarem que eram irmãs. O açougueiro ensinou tudo o que elas precisavam saber sobre carne humana: noções de anatomia, molhos adequados, como identificar as melhores partes e etc. Além do mais, todos os dias, exatamente às 17:00h, o açougueiro tomava chá com suas filhas, uma importante tradição inglesa.

Tea Lady inconformada ao perceber que o almoço ainda não estava pronto.

Tea Lady sempre se destacou por ser a primeira da mesa em todas as ocasiões. Muitas vezes chegava a se esquecer da oração antes da refeição devido a sua afobação para devorar toda aquela enorme quantidade de víscerase corações ao molho de sangue. Geralmente babava só de pensar em toda aquela deliciosa iguaria gastronômica. Aquilo irritava Luda Mae, que não se conformava com tamanha gula e sempre que possível pegava no pé de sua irmã.

Quando fez 18 anos, já estava do tamanho de um navio cargueiro. Nessa mesma época, seu pai, o açougueiro, acabou falecendo após ingerir a carne contaminada de um mendigo. Luda Mae e Tea Lady ficaram desoladas e abandonadas. Porém, tudo mudou quando Luda Mae encontrou um cara, também canibal, com quem se casou. O homem era americano, e resolveu levar Luda Mae para a América com ele, onde o mesmo possuía uma notável mansão perdida no meio do nada Texas. Porém, ela só aceitou com a condição de que sua irmã, Tea Lady fosse junto. Como o trouxa estava apaixonado, aceitou levá-la. Foram em duas embarcações para os EUA: enquanto Luda Mae e seu marido foram de navio, Tea Lady fora levada dentro de um porta-aviões, a única embarcação que conseguia suportá-la.

A vida na América[editar]

Chegando nos EUA, foram direto para sua moradia no Texas. Desde aquela época, Tea Lady morou no dito cujo trailer já mencionado. Dificilmente saía para a rua, à menos que colocassem seu jantar lá fora. É claro, as raras vezes em que ela saía era quando estava acontecendo algum tipo de churrasco ou qualquer outra festa que tivesse um punhado de comida para a jamanta deliciar-se.

Tea Lady depois de uma dor de barriga desgraçada por ter ingerido carne humana estragada. Quem mandou ser gulosa?

Quando o marido de Luda Mae faleceu, deixou para ela todos os seus bens, incluindo a mansão no Texas e um abatedouro próxima à sua casa, que claro, ela dividiu com Tea Lady. As duas então passaram a criar todos os demais membros da família juntas, ensinando-lhes as mais ocultas técnicas de canibalismo.

Tea Lady, com o tempo, só engordou mais, até que chegou em um determinado ponto onde era incapaz de sair do trailer. Desde então, na hora do almoço, os demais membros da família eram obrigados a levar a comida para Tea Lady no trailer mesmo. Sempre procuravam não atrasar, pois o apetite voraz da velha poderia levá-la a devorar o trailer, que tinha acabado de passar por reformas para aumentá-lo justamente para acompanhar o crescimento mórbido de toda aquela banha de que a envolvia.

Um dos sobrinhos favoritos de Tea Lady sempre fora Leatherface (que também havia sido recolhido do lixão), que vivia lhe levando sobremesas com altos teores de colesterol, como pudim de fígado ou gelatina de rins. Leatherface adorava Tea Lady, pois a mesma, além de lhe oferecer chá, sempre contava divertidas historinhas de Terror para que ele pudesse dormir mais sossegado sem ter medo que os anjinhos viessem lhe puxar o pé. Tea Lady também sempre teve um bom relacionamento com sua irmã, Luda Mae, com quem ficava horas e horas trocando fofocas e novas receitas de como preparar o coração de suas vítimas.

Atualmente, Tea Lady ainda vive no trailer, e todos os dias exatamente às 17:00h, se delicia com seu delicioso chá. Porém, um grupo de resgate contratado pelos policiais locais, está trabalhando numa forma de tirar-lhe daquele trailer, e mais difícil ainda: carregá-la até a penitenciária mais próxima, onde terá uma cela vip (e gigante) só pra ela.

Curiosidades[editar]

Cquote1.png Que foi, mané, nunca viu uma mulher tão linda e robusta como eu? Cquote2.png
Tea Lady ao conversar pela primeira vez com seu cunhado. Naquela época, ela ainda conseguia andar.
  • Durante o meio tempo em que Tea Lady Hewitt estava confinada dentro do porta-aviões, foram incontáveis às vezes que navios de piratas somalianos gritaram "Terra à vista" ao avistá-la através de sua luneta.
  • O trailer em que Tea Lady habitava precisava ter suas limitações aumentadas de mês em mês para acompanhar o crescimento da massa corporal dela.
  • No caminho do porto até o seu trailer no Texas, pelo fato estar usando um vestidão amarelo e ridículo devido a chuva que caía no momento, em aproximadamente 8 vezes Tea Lady fora parada por pessoas que pensaram que ela era um táxi.
  • Durante uma época de sua vida, Tea Lady sonhava em ser cantora. Conseguiu um razoável sucesso adotando o pseudônimo de Susan Boyle, mas abandonou a fama, o sucesso e esbanjou todo seu dinheiro com enormes quantidades de X-Coração, que lhes eram tentadoras demais para serem deixadas de lado.
  • Tea Lady possui uma filha, mas a mesma consegue ser tão secundária que eu até me esqueci de comentar sobre ela durante o artigo. Mas quem se importa?
250px-Wario WWare.gif Este artigo é sobre um personagem secundário!

Quase ninguém sabe da existência deste zé ruela que só serve pra encher linguiça na trama e provavelmente está morto. Se bobear, nem no Google tá!

Clique aqui para ver gente que só fãs alienados conhecem.


v d e h
BUUUUUZZZZZZZZZZZZZZ!!! O Massacre da Serra Elétrica...
Leatherface montagem 2.jpg
Cake big.png

Tea Lady Hewitt é obeso(a), ou está "acima do peso"

Tea Lady Hewitt paga duas passagens de avião pra si na mesma viagem.

Clique aqui para conhecer outros elefantes, se ainda sobrar espaço.