Tela

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Tela deve ser do Latim ou do Grego, depois eu olho essa parte, mas na tela se passam muitas coisa, fora telas de proteção... não, na verdade telas de proteção são onde mais se passam coisas, freneticamente, pois estão substituindo alguma proteção opaca, logo se passam muitas coisas também em telas de proteção. Não sei se quando se desmantela algo, tem haver com isso, mas se for o caso de desmanchar uma tela, a junção faria que a tela fosse destruída, como em algumas restaurações.

Olhe...[editar]

Perfeita restauração de uma tela.

Nas telas é lugar de se colocarem coisas para serem vistas, desde pinturas até mesmo a tela de seu smartphone onde só há bobagens para ver. Telas podem mudar muito o panorama ou pouco, desde apenas uma restauração, até várias coisas diferentes, como aquele filme de ação, que manda teu tio fazer mais exercícios. Pode-se dizem que olhos são telas? Não, a não ser oque for refletido neles pois tela mostra e não olha... bem relativamente, a tela pode mostrar e também ver, mas principalmente deve mostrar.

O que a tela onde será pintado algo mostra, oras depende do que será pintado, mas alguma coisa deve aparecer, nesse caso não pode haver Nihilismo, mas até mesmo isso a tela deve mostrar, mas não pense que poderá mostrar isso e dizer que já fez sua pintura, pois apenas o Mestre Linguiça prefere isso a reprovar um aluno. Nas telas para pintura, quem manda o que será visto é o pincel, que é guiado por entidades, o artista apenas empresta sua carcaça, mas está sendo guiados por espíritos zombeteiros e chega de alusões a Chaves, não é porque é a coisa que você e eu mais vimos numa tela, que deve ser citado todo fuck tempo.

Papel não pode ser considerado uma tela, apenas porque há algumas restrições ao amterial para ser chamado de tela, então mesmo que no papel se possam mostrar muitas coisas, inclusive para onde alguém quer mandar outra pessoa, expressado de várias maneiras, desde escrita, desenhada ou mesmo cuspida(nunca subestime a capacidade de insultar de um ser humano), não se pode chamar um papel de tela, quando o artista usou uma tela, pode ter feito uma pintura em tela ou uma animação, mas não num papel. Deve ser por causa da maior efemeridade do papel.

Olhe ainda...[editar]

Não passa pela tela de proteção, mas pode olhar sua megahiperfofakawacice(o que é isso?).

Nas telas tecnológicas brilham(mas não deixe bater reflexos de luz na tela pra não prejudicar a visão), muitas imagens, pois permite que sejam mostradas até em pixels que podem ser muitos dependendo da qualidade do produto. Essas telas são melhores que as de chumbo pois as de chumbo mostravam secções de fotografias e, muitas vezes era chumbo grosso, tão grosso que pesava mais, mesmo sendo bem menor do que telas usadas agora.

As telas de proteção, quando não são uma série de furinhos, causados pela sua confecção em trama, ainda assim são algo translúcidas, sempre se podendo ver algo, na pior das hipóteses um enfeite. As telas para que o vento passe, seja ele uma brisa(...), ou um tornado, servem para que o ar passe(sério?!), mas não passem insetos, sejam eles vermes insolentes ou não, mesmo que não piquem ninguém, alguns podem passar pestes...

...pois nessas telas, além desses insetos se mostrarem pela tela, mas não passarem de um ambiente a outro(e oque eles queriam achar nesses lugares?), podem também ver através da tela e ainda, ajudar a enfeitar o ambiente, pois a tela de proteção tendo ou não o intuito de fazer ver, acaba fazendo isso, além de deixar passar o vento e as almas penadas... oras, é mentira que elas atravessam até concreto, pra tudo há um limite.

Ver também, na tela[editar]