Tenjou Tenge

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Garota hentai.gif PERVERTIIIIIDOOO(a)!

Tava procurando putaria e caiu nesta página "sem querer", não é?! Pelo menos feche a porta do quarto e divirta-se!

Tenjou Tenge
天上天下
Tenjho tenge.jpg
Bem interessante, não?
Gênero Hentai, Luta
Mangá
Autor Deus Oh Great!
Divulgação Chupeta
Onde sai Shonen Ultra Man Jump
Primeira publicação 1998
N° de volumes Para maiores de 18
Anime
Dirigido por Mel Gibson
Estúdio Buttman Madhouse
Onde passa No Japão, dã
Primeira exibição 2004
N° de episódios 24 (ui!)
Filmes Nem tem
OVAs The Past Chapter e Ultimate Fight
Wikisplode.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: Tenjou Tenge.

Cquote1.png Quando eu estava começando a gostar do anime... Cquote2.png
Fã lolicon, ao descobrir a verdadeira aparência de Maya, e se decepcionar
Cquote1.png A educação é que salva esses meninos Cquote2.png
Cristovam Buarque sobre Tenjou Tenge

Cartaz do lançamento de Tenjou Tenge.

Tenjou Tenge (天上天下 Tenho Dengue?) é um aclamado mangá hentai adaptado para os piores canais da sua televisão por assinatura, considerado perde de tempo para quem baixou por computador, Tenjou Tenge foi produzido pela Madhouse (Manicomio) e dirigido pelo sádico Mel Gibson. Ainda não se sabe quem é o protagonista da série. As cenas de luta são uma constante, absolutamente todas as garotas usam mini-saia e decote, sendo todas exibicionistas natas, enquanto todos os garotos não usam camisa e também gostam de ficar exibindo seus corpos sarados. Além dos episódios com muita luta, há 10 episódios de pura enrolação com Maya relembrando a infância. Em outros aspectos, a qualidade gráfica agrada a quem for tarado(a), e o mesmo não se pode dizer da qualidade do som, que é terrível, sempre uma mistura de funk com música eletrônica barata.

Tenjou Tenge pode ser considerado uma cópia descarada, versão sutiã e decotes de Ikkitousen.

A história gira em torno de um grupo estudantil (animes similares: Azumanga Daioh, e GTO). Aonde o grupinho do bem vai se envolver em muitas confusões da pesada, que até Deus duvida, e vão deixar o malvado diretor da escola com os cabelos em pé. A protagonista [carece de fontes] Maya Natsume, é aquela que deve todo o sucesso da série, uma vez que o restante dos personagens são incrivelmente sem graça, retardados, esquisitos, fora de contexto e nada carismáticos.

O ar de novela mexicana do anime, também é responsável pela atração de muitíssimos fãs (otakus, essa raça não aprende...).

Tenjou Tenge foi adaptado para as telas, mas não existe nenhuma grande diferença entre o mangá e o anime. A única diferença é que no anime vemos sutiãs e calcinhas e sua classificação indicativa é Ecchi, enquanto no mangá as obscenidades rolam soltas e sem censura sendo classificado como hentai.

História[editar]

Spoiler5.JPG
Atenção!
O texto abaixo pode conter (ou não) um ou mais spoilers.
Ou seja, além de deixar o artigo com mais pressão aerodinâmica nas retas e mais estável nas curvas de alta, ele pode revelar, por exemplo,
que Nagi é usado como brinquedo sexual durante toda série.
Spoiler3.jpg

Se você gosta de animes sem pé nem cabeça, aonde tudo estranhamente se resolve com socos e pontapés, Tenjou Tenge é uma boa pedida. Outras características pertinentes ao anime e inerentes a qualquer anime do gênero diz respeito ao fato das mulheres surrealmente serem magras e esbeltas apesar de incrivelmente fortes (era de se esperar um corpo ao tipo Rebeca Gusmão). Ninguém também parece saber da existência de armas de fogo no anime, uma vez que todos (apesar de tudo ser século XXI) preferirem usar as mãos e espadas para brigar.

Tenjou Tenge é dividido em duas linhas temporais, o que torna as coisas muito estranhas. No final o que importa são só as lutas mesmo, e o "fan-service".

Presente[editar]

Maya Natsume e sua mania em destruir a escola (e depois reclama da perseguição da diretoria).

Nagi e Bob são dois arruaceiros profissionais, a vida desses dois playboys desocupados se resume a praticar atos marginais pelas escolas da cidade (Tókio, talvez...). Eles também foram expulsos de todas (999 escolas) por indisciplina. Parecem não ter nem pai nem mãe para ter lhes dado educação. Esses dois amigos são os responsáveis por transformar o anime em algo sem pé nem cabeça, já que eles decidem fazer as coisas sem nenhuma razão aparente.

Nagi e Bob (eddie gordo) não parecem ter se adaptado muito bem a nova escola, já que muitos dos seus alunos possuem poderes sobrenaturais sobre-humanos e fazem os dois beijarem o chão a todo o momento, tanto que Nagi em poucos episódios apanhou para uma criança e quase é morto na cantina ao irritar o Keitaro. Esses dois bandidos acabam sendo acolhidos por uma dissimulada escola de artes marciais depois de Nagi espiar o vestiário feminino e conquistar o coração da ingênua Aya Natsume, a irmã mais nova da pirralha dona da academia de luta. Enquanto isso Bob fica fazendo figuração e apanhando mais que burro na horta (os hospitais nunca ganharam tanto dinheiro com algum outro paciente).

Aya Natsume maltratando um pobre virgem.

Além das lutas sem sentido, o anime também conta com um pequeno drama sem sentido, aonde o indeciso sexualmente Nagi, se vê em um triângulo amoroso com as duas beldades do anime, as irmãs Maya e Aya. Maya passa a dar um "treinamento especial" ao seu aluno, nisso, as duas irmãs começam brigar pelo moleque, porque em Tenjou Tenge, se não está tendo lutas, está tendo um drama amoroso piegas. Aya mostra-se ser uma garota mais boba, enquanto Maya mais direta e dissimulada. Depois de muito chove-não-molha Nagi termina traindo a esposa com a sua irmã, mas depois inventa uma desculpa esfarrapada de "transferência de cosmo" e termina como amante de Bob, seu verdadeiro amor.

Em dado momento o grupo decide ir relaxar num boliche, quando do nada, o local é cercado por tropas malignas do BOPE e vândalos e capangas em geral, todos a mando de Mitsuomi Takayanagi, uma espécie de Sidney Magal marombado e vilão desocupado do anime. Mitsuomi dá uma aula de luta como pouco se vê em animes e desconta nos protagonistas seus traumas infantis.

Depois de serem atropelados por um trem, Nagi, Bob e seus amigos ficam se perguntando porque aquele maluco apareceu para dar porrada neles, E assim Maya decide contar seu passado e explicar porque Mitsuomi é tão desequilibrado.

Passado[editar]

Épica cena onde Keitaro Urashima espanca quase até a morte o Ichigo Kurosaki.

As lembranças de Maya ocupam a grande parte do anime (sendo a razão pela qual a série foi tirada do ar, por chatice). Ela começa a contar fofocas da época da onça, durante 10 episódios ininterruptos, o espectador fica com vontade de se matar de tanto tédio e conversa fiada.

Basicamente, a historinha conta o passado de Maya e Mitsuomi, ainda jovens e inexperientes, passavam o tempo namorando escondidos e batendo nos fracotes da escola por passatempo. Maya fala de seu irmão metrossexual, Shin Natsume. Ele era na verdade um psicopata e serial killer drogado, desequilibrado, tratava a irmã mais do que irmã... Apesar de ser maluco, é o personagem favorito das garotas.

A história é meio confusa, uma vez que Mitsuomi gosta da Maya, que gosta do Shin, que é namorado da enfermeira, que dá mole para Mitsuomi, que possui um amor enrustido por Shin, que ama Bunshichi, que não está nem aí para nada e Maya já demonstrava sua personalidade de seduzir e ficar com todo mundo. No meio de toda essa doideira, Bunshichi mata uns gordos num esgoto, dá um soco num carro, um fora na gorda da Emi e vai para o meio do nada lutar contra seu melhor amigo, e Mitsuomi é tomado por ciúmes e mata Shin, se tornando o desgraçado traumatizado dos dias atuais, que faz questão de sair de casa para ir arruaçar um boliche, sem nenhuma razão aparente (eu falei que era confuso).

E por causa dessa história sem pé nem cabeça, que todos os personagens adultos são traumatizados e loucos nos dias atuais. Quem paga por isso são os dois amigos Nagi e Bob, que só queriam acabar com uns fracotes por aí.

Final[editar]

Shin Natsume sendo encaminhado ao hospício.

No final Nagi e Mitsuomi resolver brigar num campo de basquete, como se estivessem em Cavaleiros do Zodíaco, e saem voando pela cidade nessa épica batalha final. Que acaba com as coisas pela metade, frustrando as poucas pessoas que tiveram coragem de assistir o anime até o fim.

Personagens Principais[editar]

Tenjou Tenge possui uma característica peculiar, porque não se sabe ao certo quem é o protagonista da série, alguns dizem que é a Maya, outros dizem que é o Nagi, e se bem que, decidir isso não vai ajudar em nada, o roteiro já é péssimo.

Maya Natsume[editar]

A bela, estonteante e lolicon Maya Natsume.

Uma diva do cinema pornô. É a predileta de muito otaku por aí, e única professora da escola de artes marciais, é uma pirralha com 10 anos de idade. Em seu passado teve um rolo com o atualmente demente Mitsuomi. Para evitar que o anime pudesse ser acusado de apologia à pedofilia, sem decepcionar lolicons, e agradando aos fãs de hentai, quando necessário, Maya usa uma técnica tailandesa ensinada por alienígenas, para se transformar em uma voluptuosa adulta, com uma roupa pra lá de apertada (de uma criança de 10 anos). Maya tem o péssimo hábito de namorar homens já comprometidos. Envolve-se secretamente com o marido da irmã, Nagi, praticando obscenidades no treinamento no bosque. Envolve-se também com o próprio irmão, que era casado com uma enfermeira. Envolve-se com seu discípulo Keitaro, que é casado com a Naru. E o Mitsuomi que era solteiro, ela dispensou, e até tenta matar ele (um dos motivos para o vilão ser tão traumatizado). Para dizer que não lutou sério durante o anime, Maya enfrenta uma gorda em um banheiro num boliche, depois que a vilã (traumatizada) tinha inveja do corpo de nossa protagonista. Após muitos decotes e closes de calcinhas Maya vence a luta. No final não faz nada.

Aya Natsume[editar]

A perigosa Aya Natsume.

Irmã mais nova de Maya, apesar de ser fofa e tão bonita quanto a irmã, as vezes até mais vulgar, é extremamente chata, e por isso todos os fãs de Tenjou Tenge (tarados) sempre são fã da Maya. Aya por sua vez é mestra no uso de espada, chamando muita atenção andando pelas ruas com essa arma. Aparece tomando banho e seminua durante 99% do anime. Aya possui também alguns poderes de Mãe Diná devido ao abuso em cheiramento de gatinhos e fica tendo alucinações aonde vê constantemente a sua irmã deitando com seu noivo, essa loucura não passa de pretexto para o ciúme compulsivo de Aya. Em dado momento, quando vai ao boliche, ela é atacada por um maníaco que tenta abusar dela com um bastão. Ingênua, Aya é aquela mulher que os autores ficam abusando para aparecer seminua em situações em que isso poderia ser dispensável.

Souichiro Nagi[editar]

Nagi despertando o sétimo sentido e o espírito do dragão para vencer a luta.

O protagonista, é um mala playboy metido a super-sayajin, se diz japonês, mas parece que a sua mãe andou saindo com uns europeus... (ele é loiro). É aquele protagonista que apanha mais que Jesus no filme de Mel Gibson. Foi jogado do terceiro andar da janela da escola por Maya, apanhou para um nerd na cantina, se casou com uma maluca possessiva e mora num cortiço ao lado de seu melhor amigo Bob Marley, além de protagonizar um drama amoroso pra lá de tosco com Maya e Aya. Venceu a luta contra um mexicano lutador de Luta Greco-Romana no corredor da escola. O vilão quase o mata umas 10 vezes, até que Nagi consegue no final despertar o sétimo sentido, se transformar em Super-Sayajin e derrotar o temeroso chefão maligno. No final surpreendente, ele declara amor a seu fiel amigo Bob.

Bob Makihara[editar]

Grande Bob!

Conhecido também como Bob Marley, é a presença afro-descendente prevista nas cotas para personagens de anime. Traficante de cigarros de maconha, parece ser brasileiro, já que é fraco, pobre, secundário, alegre e perde tudo. Com seus cabelos rastafáris, ele sabe jogar capoeira e está sempre ao lado de Nagi para apanhar feio e valorizar a vitória do protagonista. Bob é um dos poucos no anime que não possui poder, e o único que leva a vida a sério, com esposa, casa e contas para pagar. Gosta de freqüentar o hospital e tenta em vão derrotar Mitsuomi (jamais em um anime oriental, a capoeira vai derrotar um mestre em Tai Chi Chuan).

Chiaki Kounoike[editar]

Chiaki ensinando algumas coisas para Aya usar com Negi.

Uma garota extrovertida, exibicionista e experiente, é a esposa de Bob. Quando aparece, sempre esta rodeada por bandidos, uma vez que ela mora numa favela no Rio de Janeiro. Freqüenta muito o hospital visitando seu namorado Bob e sempre está apta a dar boas dicas sobre sexo para Aya e Maya. Protagoniza algumas das cenas impróprias do anime com Aya, e aproveita para envenenar Maya, a quem ela considera culpada por toda bagunça que rola no anime por causa de seus caprichos (e Chiaki está certa). Ela não sabe lutar, mas não é feia.

tu e muito loko manin

Masataka Takayanagi[editar]

Masataka, prometeu passar na Toudai.

O nerd que nunca pode faltar em grupinhos do bem em animes. Único virgem na série, é aquele típico garoto japonês ligeiramente frouxo, que está estudando para o vestibular, e protagoniza um pequeno drama aonde o "adolescente" dentro dele começa a se deflorar, e possuir sentimentos pela voluptuosa Aya. Ele desconta sua fúria agredindo até a morte um mauricinho metido a besta na cantina do colégio. Durante uma noite no boliche, também bate em 100 arruaceiros, até seu irmão assustador e grande vilão da história aparecer, e com toda razão, ter vergonha de possuir um irmão assim.Ah e ele tem pinto pequeno

Outros Personagens[editar]

Mitsuomi Takayanagi[editar]

Temível Mitsuomi nos episódios finais ao despertar 100% de seu poder.

O antagonista da história, faz questão de usar uma franja estilo Elvis Presley e umas roupas apertadas ridículas para ressaltar sua bem definida massa muscular, fruto de anos de consumo de esteróides e anabolizantes. Usou tanto dessas drogas que hoje sofre de um grave problema cardíaco. Cheio de distúrbios e traumas infantis, aprendeu a lutar com Toguro e na atualidade é diretor de uma escola, controlando uma milícia para oprimir os estudantes, roubando suas merendas e espancando-os quando dá na telha. Exagera na dose invadindo e vandalizando um boliche, acabando com a raça de todos que estavam lá. Seu passado o condena, e Mitsuomi já foi emo (tanto que já foi apelidado certa vez de Mitsuemo por seus colegas) e está nesse atual estado de demência depois do trauma de descobrir que sua namorada o traía com seu cunhado e melhor amigo.

Emi Isuzu[editar]

A bela Emi Isuzu.

Uma linda e obesa ruiva de cabelos encaracolados que comprou aqueles produtos para emagrecer e se tornou a líder da "polícia" controlada por Mitsuomi. Ela tem inveja dos corpos de todas as outras mulheres e por isso pretende matá-las. Tenta em vão paquerar Mitsuomi, mas se esse cara não quer ficar nem como a Maya, imagina com uma gorda... Emi usa técnicas de Naruto, com kunais escondidas em suas banhas, que são infinitas. Luta contra Maya em um banheiro depois que sua rival fala mal de sua maquiagem.

Bunshichi Tawara[editar]

O galinha e falastrão do Bunshichi.

Irmão de "Brock" (de Pokémon) é um malandro que paquera todas as meninas do anime e constantemente está lendo revistas pornô. Se parece com aqueles personagens sem graça de jogos como The King of Fighters e Street Fighter. É um dos mais poderosos do anime, no passado era amigo de Shin, mas não conseguiu evitar a morte de seu amigo insano e desde então faz nada. Ele é daqueles personagens que poderiam acabar facilmente com metade do mundo e não faz isso por pura preguiça. É o único que teve coragem de dar em cima da Emi Isuzu e certa vez socou um carro para longe como se fosse um personagem de Dragon Ball..

Shin Natsume[editar]

Shin Natsume em um raro momento de sanidade.

Irmão mais velho de Maya e Aya, possui graves problemas sociais, sendo incestuoso e tarado (doença mental comum no Japão). Por causa de sua personalidade esquizofrênica e psicopata, ninguém nunca soube o que esse maluco queria da vida. Apesar de toda doideira é o personagem pelo qual as meninas fãs do anime babam. Era casado com uma enfermeira e terminou morto por Mitsuomi quando surtou em uma blitz do Detran, depois que alguns homens de preto quiseram apreender a sua habilitação por estar dirigindo embriagado.

Shin é o dono da espada Reiki, que possui 5 metros de lâmina que ele nunca se separava dela, sempre andava com ela enfiada no rabo na bainha para não acontecer nenhum acidente.

Artigos Relacionados[editar]

Tudo acaba em hentai!!


v d e h
Este artigo fala sobre um anime.