Território Britânico da Antártica

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Bandeira da Inglaterra.png GOD SAVE THE DESCIC£OPEDIA!!

The Merlim's Order First Class garante que este artigo é 100% inglês. Ele é industrializado, casto, vitoriano e tem a aprovação de Rainha Elizabeth II.

The £ondon Royal British Association of England vigia este artigo.
Willliampre.jpg
Bandeira da Islandia (1918 e 1944).png Este artigo é GELAAAAAADO!

Mamutes vigiam o artigo, então vá pra casa, coloque um casaco e beba um chocolate-quente. Cuidado com o Yeti e não lute contra Camus de Aquário!


Território Britânico da Antártica se não é na verdade a própria Antártida em si. O detalhe é que os outros países não sabem.

História[editar]

Líderes e ditadores da região

A região foi descoberta e dominada pela totalmente excelente marinha britânica real que entre seus hobbys está humilhar a Argentina e o Chile, por isso conquistou o território antártico deles e ficou com as finanças do pedágio no local.

Foi na região que o Rei Arthur sacou sua espada e deportou Sir Lancelot depois que este o corneou enquanto viajava para o antártico. Os descendentes de Lancelot então povoaram etnicamente a região.

A região é propícia ao consumo de chá, consumo cuja exarcebação tem provocado câncer de duoudeno choque-termal nos ingleses da região.

Como em qualquer lugar em que há ingleses, na costa da Antártica Britânica há um número elevadíssimo de piratas e conflitos navais. Na área continental não há nada, como é de se esperar.

Guerra dos Cem Anos Antárticas[editar]

Mr. Bean em mais uma aventura no antártico

Quando disputavam durante 100 anos na Europa qual bebida era melhor, o vinho ou o chá, o embate se estendeu ao mundo inteiro, inclusive entre as antártidas francesas e inglesas, porém pelo continente o Brasil comprou briga e declarou que a cerveja Antartica é melhor bebida. A guerra durou 100 anos e não houve vencedor, apenas a França perdeu.

Política[editar]

O território Britânico da Antártica compreende toda a extensão do continente antártico e para disfarçar no Tratado do Antártico alegou ser seu apenas as regiões argentinas e chilenas.

A região, assim como o Canadá, a Austrália e as Ilhas Virgens Britânicas, possuem direito a uma cadeira no parlamento inglês.

Geografia[editar]

É difícil descrever a localização e características da região, pois o governo britânico faz uma salada com seus territórios e ninguém sabe o que pertence à coroa, o que é estado, o que é país, o que é província. Esse fenômeno é conhecido como preguiça britânica.