The Beatles (célula terrorista)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
180314 10150093294026158 8104797 n.jpg

"Vai tomar no cu", em árabe
Brimo, este artigo é árabe!
Se você confunfir árabes com persas, terá a casa varrida do mapa por um 747-400.

GuardasInglaterra.jpg GOD SAVE THE DESCIC£OPEDIA!!

The Merlim's Order First Class garante que este artigo é 100% inglês. Ele é industrializado, casto, vitoriano e tem a aprovação de Rainha Elizabeth II.

Se o artigo for sem graça, é apenas humor britânico.
Queen picking.jpg
Atenção: leia este artigo com bom humor

A Desciclopédia é um site de humor, não venha nos dizer que pegamos pesado.
Se você levar tudo por trás e ficar com a alma ferida, visite outro artigo.

Mamãe, o que eu serei quando crescer? Nada, você tem câncer.

Os Bitóus e seu líder terrorista ao centro, aquele que lhes ensinou tudo sobre a Jihad.

The Beatles acabaram. John está morto. George está morto. Paul devia estar morto, mas dizem que não. Ringo... quem é Ringo? Bem, imagine então que tudo isso é mentira. Na verdade, todos estão enganados. Os Beatles continuam existindo até hoje, escondidos no Iraque e invés de dizer que All You Need is Love, eles dizem agora "converta-se ao Islã ou morra!"

Pois é, é exatamente isso a verdade.

The Beatles se tornaram uma célula terrorista, pra ser mais exato, a mais musical célula terrorista do Estado Islâmico, fazendo músicas com os experimentos secretos que eles fazem em suas vítimas, como eletrochoque com tasers, execuções teatrais, afogamentos, além de vários vídeos de shows em que eles vestem as pessoas de laranja e cortam suas cabeças fora, como uma forma de dizer "All You Need is Alcorão!"

Dizem por ae que na verdade eles não seriam os Beatles originais, mas sim quatro britânicos que viraram árabes muçulmanos muito mais loucos que o Abdul Alhazred e que teriam usado os nomes dos quatro integrantes clássicos da banda só como pseudônimos e pra zoar, já que eram fãs disfarçados da banda, mas se o líder do ISIS descobrir isso eles vão ser mortos também por se aliar aos infiéis ocidentais cristãos blá blá blá. A Agência de Guerra Global contra o Terrorismo afirma já conhecer as identidades de três dos quatro "Beatles", exceto a identidade do Ringo, porque até agora eles sequer notaram que o Ringo está também nos vídeos (aparentemente ele apenas filma os outros três em ação, por isso ele novamente foi escanteado. Até como terrorista ninguém liga pro Ringo).

Membros[editar]

Wikisplode.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: The Beatles (célula terrorista)
  • Jihadi John: Aparentemente seu nome é Mohammed Emwazi, e ele é o líder do grupo (posição as vezes contestada pelo Jihadi Paul, mas who cares), sendo o principal responsável por decapitar as pessoas nos vídeos. Ele fala pra caralho, bem ao estilo do John na fase Yoko Ono. Possivelmente ele deve ter uma ou mais mulheres em casa chatas e irritantes como a Yoko era pro John original, só pode ser isso.
  • Jihadi George: Acreditam alguns que seria um rapper anglo-egípicio chamado Abdel-Majed Abdel Bary. Dizem as más línguas que conseguiram escapar dos terroristas que ele seria muito burro. Alguns acreditam que ele desertou da banda e foi morar na Turquia, onde hoje em dia está organizando um evento chamado Concerto para Istambul, em homenagem às vítimas do ISIS, provando que ele não queria mais saber dessa merda de Beatles terrorista.
  • Jihadi Paul: Um guarda apenas. Era um dos mais importantes, mas foi rebaixado de posição depois de implicar demais com o Jihadi John. Acredita-se que é apenas um falso Paul, já que o original teria morrido após sofrer um acidente ao confundir um artefato explosivo de carro-bomba com um traque de massa.
  • Jihadi Ringo: Nunca aparece pras câmeras e apenas alguns reféns sobreviventes alegam ter visto ele. Por isso é o único que não foi identificado ainda, já que ninguém dá a mínima pra existência do Ringo na organização terrorista.
Este artigo cabra ômi é um esboço.
O cão foi qui butou nóis pra iscrevê. Ajude esta bertaféra a matar rênti safada!
Mirror2.jpg Conheça também a versão oposta de The Beatles (célula terrorista) no Mundo do Contra:

Espelhonomdc.jpg