The Number of the Beast (música)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de The Number of the Beast)
Ir para: navegação, pesquisa
Este artigo é sobre um HIT!

É uma música chata, repetitiva e seu vizinho adora. SOLTE O SOM!

Music madonna.jpg

The Number of the Beast,O Número da Placa da Besta ou The Number of the Bitch foi uma música pseudo-satânica composta pela banda de pseudo-tortura, Iron Maiden no dia 6 de junho de 1666.

Origem[editar]

Durante suas viagens e tours, espantando o público e sacrificando bodes, os integrantes da banda Iron Maiden estavam na pista quando de repente, quase como por mágica uma Besta(Van) começa a bater no ônibus onde estavam presentes os integrantes. Dentro da besta havia Testemunhas de Jeová, padres e a Madre Teresa de Calcutá que haviam planejado boicotar a banda por causa de

Rota do ônibus da banda.

suas letras hereges e pseudo-satânicas. Em um momento de pura esperteza, o motorista desvia o ônibus e segue no meio de uma plantação de Fruta-do-Conde despistando assim os cristãos maníacos. Com muitos danos feitos ao ônibus os componentes da banda tentaram ver o número da placa da besta, que era 666. Depois de relatarem à polícia, a Besta foi apreendida por vandalismo rodoviário e por possuir 300 kg de Orégano e criancinhas de 7 anos.

Como o Iron Maiden tem uma celestial criatividade de letra, sem muito o que pensar pra uma nova letra, pois eles já haviam usado todos os verbetes da língua inglesa que apontasse para o Exu, resolveram então fazer a letra em homenagem ao ocorrido com a Besta.

A capa com participação especial do Capeta Júnior

Crítica[editar]

A crítica foi muito favorável a banda, isso contando o número de cartazes que diziam que o apocalipse estava próximo pois os jovens estavam sendo hipnotizados pelas mensagens subliminares que a banda embutia em suas músicas e que em breve, todos iriam ver uma nova era de escuridão que seria dada o início após um solo de guitarra do Iron Maiden ou pior (ou melhor... Tanto faz!): seria o solo do começo da música.

Daí sim, o apocalipse estava pronto para começar e todo mundo ia se fuder junto.

Mais tarde, a música durou 20 anos sem críticas negativas, apenas alguns protestos e acusações contra a banda. Depois disso, quando vieram ao Brasil, pediram para eles tocarem a música no Rock in Rio, só que em português.

Começaram o show com a abertura: começava o solo de guitarra que quase estraçalhava os dedos do guitarrista e entrava o vocalista fazendo uma voz de locutor de rádio que depois mudava para um cantor (gay) de Heavy/Punk/Death/Thrash/Glam Metal.

Quando começaram a cantar o primeiro trecho da música, ou então, entrando um pouco no clima, eles cantaram assim:

"Ai de vós, Ó Terra e Mar,
O Demônio manda a besta com ódio,
porque ele sabe que o tempo é curto ...
Deixe aquele que ousa tentar entender
o número da besta, pois é um número humano,

Bem, já não chega a letra ter ficado bizarra, agora imagine a reação da galera quando veio este trecho em especial:

"SEEEEEIS... SEIIIIIIIIIS, SEIIIIIIIIIS! É O NÚMERO DO DEMÔNIO!"

Reação da platéia ao ouvir esse trecho da música
Reação da platéia 30 segundos depois Cquote1.png E daí? Cquote2.png

Atualmente[editar]

Capa alternativa da música

Atualmente a música entrou para o Guitar Hero e é lembrada por muitos playboyzinhos que a consideraram difícil demais na guitarrinha e que reclamam que o baixo é muito fácil. Além disso, a maioria deles acha que tem autoridade de criticar a banda, mesmo não conhecendo suas músicas e não tendo ouvido todas as músicas... Peraí! Essa é a única música conhecida deles! MWAHAHAHAHAHA!


Letra e Significado[editar]

"Woe to you, Oh Earth and Sea,

"Wow pra você, na Terra e mar

for the Devil sends the beast with wrath,

Pro Lúfficer mandou essa besta com crente

because he knows the time is short...

porque ele sabe que time usa short

Let him who hath understanding reckon

Deixe aquele jegue tentar entender

the number of the beast for it is a human number,

O número da placa da besta eu disse pro guarda

O número da Besta.

it's number is Six hundred and sixty six"

É 666

I left alone, my mind was blank.

Eu fiquei sozinho, meu mindinho estava no Blanka

I needed time to think to get the memories from my mind.

Eu precisei do time pra me curar de Alzheimer

What did I see, can i believe,

O que eu vi, eu nem acreditei

That what I saw that night was real

O que eu vi aquela noite foi real

and not just fantasy.

E não apenas efeito do Ópio

Just what I saw, in my old dreams,

Justo o que eu vi, no meu velho buzão

Were they reflections of my warped mind

Eram eles reflexões da minha mente com harpa

staring back at me.

me encoxando.

Cause in my dreams, it's always there,

Porque no meu buzão, o absorvente tá lá

The evil face that twists my mind and brings

Os crente aparece num furacão

me to despair.

pra me zuar.

The night was black, was no use holding back,

A noite estava escura, e eu estava usando uma tanguinha.

Cause I just had to see, was someone

Porque eu não podia ver, que tinha

watching me.

um tarado me olhando.

In the mist, dark figures move and twist,

No misto quente, figuras escuras usando togas,

Was all this for real, or just some kind of hell.

Isso tudo foi real, ou eu cheirei orégano

666 the number of the beast.

666 a placa da Besta

Hell and fire was spawned to be released.

Réu condenou culpado os crente e foram presos.

Torches blazed and sacred chants were praised,

Tocha foi enfiada e na Besta eles rezavam,


As they start to cry, hands held to the sky.

E eles começaram a chorar de rir, mãos mostravam o dedo do meio.

In the night, the fires are burning bright,

Na noite, o churrasco foi loco,

The ritual has begun, Satan's work is done.

A reza havia começado, Saddan Hussein já foi enforcado.

666 the number of the beast.

666 a placa da Besta.

Sacrifice is going on tonight.

Sacrifício foi convencer o policial.

Sistema usado pela banda.

This can't go on, I must inform the law.

Isso não pode continuar, o buzão ta arruinado.

Can this still be real or just some crazy dream.

Pode isso ser real ou um chá de cogumelos.

But I feel drawn towards the chanting hordes,

Mas eu fiquei de pau duro pelas hordas de playboy.

They seem to mesmerize...can't avoid their eyes,

Elas parecem show do RBD... não dá pra olhar,

666 the number of the beast.

666 a placa da Besta.

666 the one for you and me.

666 o único que me fodeu.

I'm coming back, I will return,

Eu vou voltar, pra zuar,

And I'll possess your body and I'll make you burn.

E eu vou zuar esses crentes e queimar a sombrancelha deles.

I have the fire, I have the force.

Eu tenho fogo, eu tenho G-Force.

I have the power to make my evil take it's course.

Eu tenho poder do Photoshop pra zuar com eles.