Theory of a Deadman

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Kiss.jpg

David Bowie deu sua benção a este artigo!

Obrigado! Este artigo se sente mais forte agora :)

Clique aqui para mais abençoados.


Theory of a Deadman
Theory Of A Deadman.jpg
Perdidos na Selva (ou não)
Origem {{{origem}}}
País Vancouver, Bandeira do Canadá Canadá
Período 2001 - Atualmente
Gênero(s) Post-Grunge e Hard Rock.
Gravadora(s) {{{gravadora}}}
Integrante(s) Tyler Connolly;
Dave Brenner;
Dean Back;
Brent Fitz.
Ex-integrante(s) {{{exintegrantes}}}
Site oficial {{{site}}}
60px-Bouncywikilogo.gif
Para os neo-ateus que preferem acreditar em mentiras, os supostos experts da Wikipédia têm um artigo sobre: Theory of a Deadman.

Babel fish.gifTraduzindo: Teoria do Homem Morto
Babel Fish sobre Theory of a Deadman
Cquote1.png Mas homens mortos não teorizam nada! Cquote2.png
Você sobre o nome da banda
Cquote1.png Não? E os zumbis? Cquote2.png
Todo o elenco de The Walking Dead dando razão a banda
Cquote1.png Você quis dizer: Daughtry canadense Cquote2.png
Google sobre Theory of a Deadman
Cquote1.png Você quis dizer: Nickelback Cquote2.png
Google sobre Theory of a Deadman
Cquote1.png Unclefuckers! Cquote2.png
Terrance & Phillip sobre Theory of a Deadman
Cquote1.png Vocês agora são meus! HAHAHA! Cquote2.png
Chad Kroeger sobre Theory of a Deadman
Cquote1.png Toca Raul! Cquote2.png
Brasileiro em show do Theory of a Deadman
Cquote1.png É emo! Cquote2.png
Guri retardado sobre Theory of a Deadman
Cquote1.png He’s a bad, bad boyfriend! Cquote2.png
Namorada de Tyler Connoly se defendendo por “Bad Girlfriend”
Cquote1.png All or nothing […] I know that I’m good for something Cquote2.png
A banda sobre a fama
Cquote1.png A música da WWE Cquote2.png
Alguém sobre Theory of a Deadman
Cquote1.png The truth is... I am Iron Man! Cquote2.png
Tony Stark sobre The Truth Is...

THE BIG BANG THEORY OF A DEADMAN é uma banda que, assim como todas as suas compatriotas, é canadense (lógico!) e é ofuscada pelas bandas do país arrogante ao sul, que contam mais com marketing que talento. O atual dono da banda é Chad Kroeger, do Nickelback

Antes da Fama:[editar]

Cade aquela puta daquela garçonete?

Tyler Connolly, Dave Brenner, Dean Back e Brent Fitz eram quarto legistas que trampavam no Instituto Médico Legal de Vancouver que trabalhavam bem juntos e tinham uma banda de bar que fazia a soundtrack das brigas lá tocavam pra se divertirem e arranjarem um a mais no fim do mês (nessa ordem, ou não), até que eles receberam um cadáver que era muito difícil identificar o que tinha acabado de chegar no IML de lá, então, várias teorias foram lançadas, até que brigaram feio, começaram a se bater e desfizeram a parceria.

Tyler, sabendo que todos se desculpariam no dia seguinte, pegou todas as teorias que foram levantadas e escreveu uma música e levou pro trabalho no dia seguinte, já que, no fim do expediente, ia começar o show de rock caça-níquel, onde tocaram a tal música sem ensaiar e quem foi lá brigar beber, gostou do que ouviu, e, Chad Kroeger que tinha combinado uma briga de bar com o pessoal do Simple Plan lá, sendo que essa banda furou o compromisso, achou que essa banda faria sucesso, e, pediu uma fita Demonio pra ver o que eles mais faziam, e, depois de tudo, passou a ser o Cafetão produtor dela, que pediu demissão daquele emprego nojento e que viviam em condições sub-humanas quanto a cheiro.

E resolveram batizar a banda com o nome que Tyler sugeriu enquanto escrevia a letra que lhes deu fama, sexo, dinheiro, drogas e dorgas: THEORY OF A DEADMAN (A Teoria do Homem Morto).

A Fama:[editar]

Como fitas estavam fora de moda e de uso graças aos CDs, eles tiveram que gravar um álbum homônimo pra poder começar a carreira como uma banda de verdade, mas que, assim como a banda do produtor, só fazia sucesso no Canadá, já que o Vizinho Arrogante estava manipulando as pessoas com Britney Spears quando ainda era gostosa, então, a única coisa que se ouvia do Canadá era Avril Lavigne que, mais nova que eles, ficou mais famosa reclamando que sua vida era complicada.

Complicações a parte, em 2005, enquanto a banda co produtor estava fazendo sucesso, eles tomaram vergonha na cara e tentaram seguir o mesmo rumo, gravando Gasoline, batizado após um dos integrantes beber acidentalmente uma garrafa de gasolina, pensando que era água, e a encheção de saco modinha de “Gasolina”, do Daddy Yankee.

A partir desse dia, os shows da banda tem mais pirotecnia Não conseguiram a fama, mas, Mr. Vince McMahon, líder da mais nonsense organização de Rinha Humana chamada WWE, os chamou pra fazer um showzinho lá na Rinha, e, iniciou um pacto do mal com o Shinedown, uma banda que estava iniciando, aceitando quaisquer 5 centavos por shows e com o Breaking Benjamin, que estava sobrevivendo. 3 anos sem saber o que era um estúdio, e eles resolvem gravar outro álbum, álbum esse que fez com que os rádios da Nossa Terra de Ninguém. Depois disso, eles voltaram a vida de legistas, ou pelo menos parece, já que não mais voltaram a um estúdio e Chad está bolado com isso.

Após se soltarem da coleira do Chad, eles resolveram falar toda a verdade sobre suas vidas, álbum voltado aos fofoqueiros de palntão. The Truth Is... I am Iron Man

Tudo:[editar]

Legistas:[editar]

Registros:[editar]

Cquote1.png And the scars remind me that the past is real Cquote2.png
Papa Roach sobre esse álbum

  • A Verdade É...: Eu sou o Homm de Ferro Passaram 3 anos sem fazer porra nenhuma na música porque estavam tentando mendugar participações especiais em Bones e nos CSI's da vida, dadas suas profissões.

Exumações:[editar]

Capa do Gasoline. Porque Ferrari é coisa de fresco!
  • Jogo Mortal: A música da WWE;
  • Música cujo nome foi roubado de uma da Kelly Clarkson: Acharam a música da Kelly Clarkson uma merda e, achando que podiam fazer algo melhor, fizeram essa música;
  • Tão Feliz: A noite foi boa;
  • Namorada de Merda: Escrita após Tyler pegar a namorada fazendo caridade com os jogadores de algum time de hóquei. Ele espera um dia poder conduzir sua exumação. Liguem os pontos, já que não falarei mais nada;
  • Tudo Ou Nada: Falam da fama, e assumem que sabem fazer poucas coisas úteis pra sociedade (“I know that I’m good for something”, “Eu sei que sou bom pra algo”)
  • Odeio Minha Vida: De Punk e Emo, só o nome mesmo;
  • Vivendo na Calma: Peraí: os caras são rockstars e ainda querem falar em pegar leve? Pode isso, Arnaldo? Isso não pode acontexcer, quebra a lógica do universo e, assim, podemos nos transformar em monstros amarelos com 4 dedos em cada mão!;
  • Volta Aqui, Vadia!: Considerada pelos entendidos a "Bad Girlfriend Pt. 2", onde ele chama a "bad girlfriend" de volta pra ele;
  • A Verdade É... (Eu Sou Um Filho da Puta de um Mentiroso): Eu sou o Homm de Ferro Agora sim essa The Truth is está fustificada Outra verdade é que essa música não chegará em nenhuma parada. Ou seja, toda a carreira deles (musical e forense) era uma mentira..