Timor-Leste

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
●Repúblika Demokrátika Timor Lorosa'e
●República Guerrilheira de Tumor-Leste
●Timor da direita

Bandeira do Timor-Leste.png Brasao do Timor-Leste.png
Bandeira Brasão
Lema: Sim, nós existimos.
Hino: A Portuguesa Timorense
Tumor leste.png
Capital Díli
Maior cidade Díli
Língua É de comer?
Tipo de Governo Hein? Governo?
Salvador do Povo Seu Juca da Cocada
Heróis nacionais Seu Nilto, que teve coragem de ficar lá por mais de dois minutos
Independência 2001- tonhão da budega deu uns tiros pra cima e disse que aquela bagaça era dele agora
Moeda lá tem dinheiro?
Religião Macumba
População tonhão da budega, zé buchudo e Tua mãe
Área 1m por habitante quadrado (Salgada% de água)
Analfabetismo 0,27%
PIB per Capita 0 USD/hab.
IDH 0.000
Fuso Horário Meridiano do nada
Clima Confuso, todo mundo quer sair de lá
Site do Governo www.google.pt
Cquote1.png Como? Cquote2.png
Oscar Wilde sobre a existência do Tumor-Leste

Cquote1.png Olôco meu! Cquote2.png
Faustão sobre a existência do Tumor-Leste

Tumor-Leste é um(a) tumor colônia portuguesa que fica na Ásia.

História[editar]

Antiguidade[editar]

Haviam alguns fenos por lá.

Colonização[editar]

Quando os portugueses se perderam no meio do mar, não sabiam o caminho de volta, aliás, não sabiam de nada, só sabiam que se meteram no mar com 300 marinheiros e 50 putas (todas travecos) para aliviar o ganso de vez em quando. Não tinham muito o que fazer lá mesmo, tanto é que a população da embarcação dobrou para 600 de maneira assexuada.

Após 2 anos de viadagem, os portugueses tiveram seu navio cortado ao meio e levado por um furacão, uma parte caiu no norte da ilha de Timor, e outra no sul, não haviam muitos mortos.

Eles resolveram explorar a ilha misteriosa, estavam num local estranho, onde ursos polares passeavam e uma fumaça preta comia as putas e uns malucos comiam as criancinhas (liderados por Michael Jackson). Logo viram que não estava sozinhos, mas demoraram 2 meses pra sacar, achavam que os retardados tinham ido o banheiro. Após achar uma grande instalação com o nome Dharma, viram que estava totalmente lost, sozinhos, não havia ninguém nas instalações, e se houvesse, eles saiam correndo feito umas bailarinas.

Sendo assim, os portugueses não tiveram nenhum tipo de resgate, e pelo desenvolvimento de um tumor na cabeça do capitão da expedição, decidiram: "A gente estava indo para o leste e o capitão morreu, Tumor-Leste, será o nome disto daqui!"

Invasão da Indonésia[editar]

Após a invenção do Google Earth a pedidos do ditador indonésio Shurato, a existência do Timor-Leste se comprova cientificamente, e a ilha é invadida e tomada pelos indonésios em 1976. O fato é que os indonésios não queriam porra nenhuma com essa ilha porque não tem nada lá, só encher o saco mesmo.

Plebiscito[editar]

Jackie Chan visita o Timor-Leste para ensinar kung fu a alguns timorenses para que eles possam se defender dos indonésios e australianos.

Quando Shurato renuncia o trono da Indonésia em 1999, em meio ao caos que se instaurou pela possibilidade de surgir uma democracia de verdade na Indonésia, os timorenses rapidamente se reunem na capital Díli e o pajé da tribo perguntou em voz alta "Quem quer ser independente levanta a mão!", e aproximadamente 75% dos timorenses levantaram a mão, os demais talvez não escutaram ou ficaram com vergonha do cheiro do sovaco.

E assim, o Timor-Leste conquistava sua independência.

Fatos recentes[editar]

Atualmente o Timor-Leste é um dos países mais fodidos do mundo, ninguém entende o motivo deles terem se separado. Governo corrupto e crise econômica fazem desse país ter inveja até do pior dos países africanos.

Geografia[editar]

Cidadã prestes a fazer a prática sagrada.

Tumor-Leste possui um território de 18 mil km², ou será 18 mil km³? Ocupando a parte oriental da ilha de Tumor. O país é muito montanhoso e tem um clima tropical. Com chuvas a toda hora a cada momento que as coisas ficam com clima de suspense. Também sofre de presença de misteriosas névoas escuras que aparecerem acabando com a horta dos pobres tugas.

Ninguém consegue chegar lá, os redemoinhos formado por Kid Bengala pra evitar que os condenados saiam da ilha, levam tudo e todos que tentam chegar perto. Ninguém entra e ninguém sai.

Demografia[editar]

Por anos, Tumor-Leste viveu sob a opressão da Dharma, sem saber de nada (nunca sabem de nada mesmo) e tendo tugas sequestrados e fumaças pretas aparecendo por todo lado, com bunkers da Segunda Guerra Mundial abrigando os fi duma égua. A heterogeneidade étnico-cultural é evidenciada pelos seus dialetos, variadas línguas, materiais produzidos ou diferentes estilos arquitectónicos, ou seja, num dá em bosta nenhuma.

Subdivisões[editar]


Economia[editar]

A economia de Tumor-Leste não existe, desde seu descobrimento oficial (2005) ele não se comunica com nada, a única coisa que se sabe que movimenta a economia "dentro" do local são cocos e putas, as comunicações são feitas com copos descartáveis e barbantes. Mesmo estando ao lado da Indonésia, mas a Indonésia não pode ir até lá, o projeto Dharma tem um avançado sistema e segurança que não permite a entrada de nenhum filho da puta, só a tua mãe consegue entrar lá. A moeda oficial da economia de Tumor-Leste é o Coco (Cu$).

População[editar]

O povo sobrevive de cocos, javali assado na brasa e uns chocolates da Dharma, mas uma coisa lá é considerada uma honra, boquete, segundo eles, o boquete é a forma de atingir os céus e sair daquela porra de lugar que ninguém entende nada! Absolutamente nada!

Política[editar]

Tumor-Leste não tem governo, depois da morte do capitão em 1566, eles ficaram sem líder e é cada um por si desde que o lugar foi finalmente identificado por satélite.

Flag map Timor-Leste.png Timor-Leste
HistóriaPolíticaSubdivisõesGeografiaEconomiaCulturaTurismo
Boratasiacentral.jpg
Ásia
v d e h

Países: Afeganistão | Arábia Saudita | Armênia | Azerbaijão | Bahrein | Bangladesh | Brunei | Butão | Camboja | Cazaquistão | China | Chipre | Coreia do Norte | Coreia do Sul | Egito | Emirados Árabes | Filipinas | Geórgia | Iêmen | Índia | Indonésia | Irã | Iraque | Israel | Japão | Jordânia | Kuwait | Laos | Líbano | Malásia | Maldivas | Mongólia | Myanmar | Nepal | Omã | Paquistão | Qatar | Quirguistão | Rússia | Singapura | Síria | Sri Lanka | Tadjiquistão | Tailândia | Timor-Leste | Turcomenistão | Turquia | Uzbequistão | Vietnã

Territórios: Abecásia | Caracalpaquistão | Caxemira | Chipre do Norte | Coreia | Curdistão | Estado Islâmico do Iraque e do Levante | Goa | Hong Kong | Macau | Manchúria | Nagorno-Karabakh | Ossétia do Sul | Palestina (Cisjordânia e Faixa de Gaza) | Taiwan | Território Britânico do Oceano Índico | Tibete

Coqueiro.jpg
Oceania
v d e h

Países: Austrália | Estados Federados da Micronésia | Fiji | Ilhas Marshall | Ilhas Salomão | Indonésia | Kiribati | Nauru | Nova Zelândia | Palau | Papua-Nova Guiné | Samoa | Timor-Leste | Tonga | Tuvalu | Vanuatu

Territórios: Guam | Havaí | Ilhas Cook | Ilha Christmas | Ilhas Marianas do Norte | Ilha Norfolk | Ilha de Páscoa | Ilhas de Pitcairn | Ilha Wake | Niue | Nova Caledônia | Polinésia Francesa | Samoa Americana | Tokelau | Wallis e Futuna

Bandeira da CPLP
Conjunto dos Patetas de Língua Presa (CPLP)
v d e h

Países membros: Angola | Brasil | Cabo Verde | Goa | Guiné-Bissau | Guiné Equatorial | Macau | Maurício | Moçambique | Portugal | São Tomé e Príncipe | Timor-Leste

Intrometidos: Andorra | Croácia | Filipinas | Galiza | Indonésia | Malaca | Marrocos | Romênia | Ucrânia | Venezuela