Toki Pona

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Testeparaloira2.jpg Este artigo não serve pra porra nenhuma!

Se você estiver disposto a perder seu tempo com esta porcaria, vá em frente. mas não venha reclamar dizendo que perdeu tempo, senão a chapa esquenta, morô ?!

Wikisplode.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: Toki Pona.
Toki Pona
Toki Pona "''toki pi jan nasa''"
Falado em: Casa do Pingu
Total de falantes: Todos os Telletubies
Classificação genética: Língua Planejada / Artística
SIL: TP-X
Cquote1.png Você quis dizer: Estou aqui pondo Cquote2.png
Google sobre Toki Pona

Cquote1.png Você quis dizer: Língua do P Cquote2.png
Google sobre Toki Pona
Cquote1.png Experimente também: Esperanto Cquote2.png
Sugestão do Google para Toki Pona
Cquote1.png Nur frenezuloj parolas tiajn lingvojn! Cquote2.png
Esperantista sobre toki pona
Cquote1.png pona Cquote2.png
Tokiponan sobre qualquer coisa que ache boa
Cquote1.png ike Cquote2.png
Tokiponan sobre qualquer coisa que ache ruim
Cquote1.png lipu Tesikopesija li pona, tawa mi. Cquote2.png
Tokiponan descíclope sobre Desciclopédia
Cquote1.png lipu Wikipesija li powe. Cquote2.png
Tokiponan descíclope sobre Wikipédia
Cquote1.png Não consigo ler nada… Cquote2.png
Pica-Pau sobre as citações acima

Toki Pona[1] é uma língua minimalista criada no início do segundo milênio por uma canadense fumadora de bordo prima de Lana Lang. Diferente do esperanto e da interlíngua, toki pona não tem pretensão alguma em dominar o mundo, contentando-se em ser um "execício para a mente", visto que é preciso fritar os miolos e ficar bem chapadão para conseguir formar uma frase.

Toki pona possui apenas 14 fonemas bem simples e pouco mais de uma centena de palavras bobas, o que faz com que um tokiponan soe como um bebê retardado tentando falar de cabeça para baixo em um tanque de amoeba. Devido ao reduzido e limitado vocabulário, as palavras em toki pona têm significados bem abrangentes e é necessário formar um imenso texto para conseguir expressar algo mais específico: soweli, por exemplo, serve para qualquer mamífero, mas para deixar bem claro que você quer falar de um coelho, você diria "soweli suwi pi nena kute suli li unpa mute li moku e kili pi loje jelo li jo e tomo lon lupa". Mas tais especificações são evitadas pelos tokiponans, visto que a língua tem a intenção de ignorar os detalhes e focar nas partes importantes do diálogo, sobrando mais tempo para ficar chapado.

História[editar]

Após fumar muito bordo e cheirar gatinhos, a lingüista canadense Sonja Lang resolveu criar uma língua que fosse completamente inovadora: diferente de todas as línguas que existem, essa não deveria servir pra porra nenhuma. Então Lang se inspirou nas filosofias zen da galera da erva e em várias outras línguas de origens diferentes, como a língua do P, a ofidioglossia, o Volapük, a língua de sinais para cegos e o dothraki valiriano de Klingon. Nasce então toki pona. A língua se espalhou pela internet e atualmente há mais de uma dúzia de falantes espalhados pelo planeta. Como o planeta tem menos de uma dúzia de continentes, pode-se afirmar que toki pona é falado (ou falada… Não sei o gênero dessa palavra) em todos eles.

Por algum motivo não tão desconhecido, a maior parte dos falantes é composta por veganos e travestis. O falante mais famoso é o Pingu.

Peculiaridades ainda mais peculiares[editar]

Já deve imaginar o que deva significar Noku.

Como se já não bastasse tanta maluquice, toki pona ainda tem características que lhe dão um caráter ainda mais hipster. Seguem as principais:

  • Em toki pona, todo animal muge.
  • A sílaba tônica é sempre a primeira.[2]
  • Todas as palavras oficiais são escritas exclusivamente com letras minúsculas, mesmo no início de uma frase. O que faz com que um tokiponan pareça, além de ainda mais retardado, um analfabeto.[3]
  • Apenas palavras não oficiais tem inicial maiúscula. Palavras não oficiais são substantivos próprios e nomes de línguas tokiponizados.[4]
  • Nomes tokiponizados são adaptados para a fonética de toki pona de modo que cada sílaba obedeça o formato consoante+vogal+n, sendo que o n é opcional e apenas a primeira sílaba pode dispensar a consoante.[5] Assim, Desciclopédia fica TesikopesijaManjou o nível do retardo?
  • Palavras não oficiais (nomes tokiponizados) devem ser precedidas por um indicador do que elas nomeiam. Por exemplo: jan significa pessoa e ma significa lugar, assim jan Wasinton é o Compadre Washington e ma Wasinton é a capital dos Estados Unidos. Do mesmo modo, jan SUA MÃE é aquela vadia e ma SUA MÃE é aquele rabo enorme dela que mais parece um planeta.
  • Pau, com todos os seus possíveis significados, é palisa.
  • Brasil é ma Pasila.
  • Pau-Brasil é palisa pi ma Pasila.
  • Kid Bengala é jan pimeja pi ma Pasila pi palisa suli sama ma pi palisa suli sama palisa pi ma Pasila Kisi Penkala.
  • unpa significa sexo. Acrescentando modificadores é possível descrever qualquer tipo de coito: unpa uta é sexo oral, unpa monsi é sexo anal, unpa luka é punhetão nervoso, unpa lukin é voyeurismo, unpa kulupu é suruba, pali unpa é prostituição, unpa soweli é zoofilia, unpa wawa é sadomasoquismo, unpa nasa é aquela putaria maluca que mistura tudo, unpa kasi é transar com árvores, unpa moku é transar com comida, unpa lon kon é sarrada no ar e unpa e ma ale é o cenário político brasileiro.
  • A palavra para todo(s) admite duas grafias: ale e ali. foda-se, meu chapa!
  • Apesar da intenção de significados abrangentes, a palavra oko pode apenas ser substantivo e significar apenas olho. Provavelmente trata-se de uma dica das intenções Illuminati da língua.
  • tenpo pimeja pini la mi unpa e mama sina.
  • Não há um verbo gostar. Então, para dizer que você gosta de algo, você deve dizer que essa coisa é boa para você[6]. Assim, "eu gosto de moças pirocudas" seria "meli pi palisa suli li pona, tawa mi".

Gramática[editar]

  • Para inserir um verbo ou locução verbal em uma oração, use li (que é uma abreviação de "li e concordo com os termos de uso de toki pona"), exceto para o primeiro verbo de uma oração cujo sujeito é mi ou sina.
    • jan li moku e jan moli
  • Para inserir sujeito além do primeiro, use en (que é uma sigla para "estamos nus").
    • ona en mama sina li moku e ko jaki
  • Para inserir um objeto direto, use e (que é uma abreviação para "e daí?")
    • mi unpa e lupa monsi sina
  • Para estabelecer uma relação de dependência entre orações, use la (que é uma abreviação de "lá no meu país falamos uma língua muito melhor")
    • sina moli la mi pilin pona
  • Há três pronomes: mi (eu, meu, me, a mim etc), sina (tu, você, teu, seu, te, se, a ti, a si etc) e ona (ele, ela, dele, dela, seu, sua, o, a, se etc).
  • Não há necessariamente plural. Mas, caso deseje especificar o plural, use mute, que significa "muito(s)".
  • Não há necessariamente gênero. Mas, caso deseje especificar o gênero, use meli para o gênero feminino e mije para o masculino.
  • Não há necessariamente tempo verbal. Mas, caso deseje especificar o tempo, use tenpo pini la para algo passado, tenpo ni la para algo presente e tenpo kama la para algo futuro.
  • Não há necessariamente porra nenhuma. Mas, caso deseje especifical qualquer merda, sempre há uma gambiarra.
  • As letras não têm nomes em toki pona de tão bosta que a língua é, por isso, para soletrar algo, é preciso citar uma seqüência de palavras começadas com as letras desejadas. A escolha das palavras fica por conta do soletrador, que pode usar palavras menores para passar a mesma idéia que se tem ao soletrar algo em qualquer língua (exemplo: pona soletra-se pi-o-ni-a", que significa porra nenhuma) ou formar uma espécie de acróstico usando palavras que ajudam a descrever a palavra soletrada (exemplo: pona soletra-se pu-olin-nimi-ale, que significa " livro-amor-palavras-tudo", ou seja, também significa porra nenhuma).
  • Como se não bastasse essa baitolagem toda, ainda há inúmeros sistemas de escrita para toki pona, como hieróglifos, runas e até letras élficas (pior que isso não foi uma piada). Mas, se quase ninguém usa toki pona com o alfabeto latino, menos ainda usam esses alfabetos de bicha que não sabe escrever.

Frases úteis[editar]

Como você deve pronunciar para não ser um retardado tentando.

Como só há pouco mais de uma centena de palavras oficiais em todo o vocabulário de toki pona, poderíamos ensinar todas aqui… Mas como não somos pagos pra isso, ensinaremos apenas algumas frases essenciais. Como não há softwares tradutores na internet, você jamais saberá se as traduções apresentadas na lista a seguir são confiáveis, a não ser que você aprenda a língua, coisa que certamente não fará (se bem que, se você está lendo este artigo, provavelmente já fala toki pona, por isso é o único lendo).

  • toki!
    • Olá!
  • sina wile ala wile unpa e mi?
    • Olá! Está tudo bem com você?
  • o moku e ko jaki!
    • Está tudo ótimo!
  • kon li tawa, tan lupa monsi mi…
    • Na verdade, não me sinto muito bem…
  • palisa mi li kiwen, tan sina!
    • Fico muito feliz em te ver!
  • mi wile unpa e monsi sina!
    • Você está realmente belíssima!
  • mama sina li jo e jan unpa ante.
    • Espero que esteja tudo bem com sua família.
  • mi unpa uta e soweli suli. ni li pona, tawa mi.
    • Desculpe, mas eu não sei falar toki pona.
  • jan Satan li olin e sina
    • Você é deveras adorável!
  • jan li esun e kasi nasa, lon ma seme?"
    • Com licença, onde é o banheiro?
  • mi esun e sijelo pi jan moli.
    • Eu vim para a entrevista de emprego.

Notas[editar]

  1. tokipona.org
  2. http://tokipona.net/tp/janpije/okamasona2.php
  3. http://tokipona.net/tp/janpije/okamasona2.php
  4. http://tokipona.net/tp/janpije/okamasona2.php
  5. http://tokipona.net/tp/Transliterate.aspx
  6. http://tokipona.net/tp/janpije/okamasona6.php

Ver também[editar]