Tomás Antônio Gonzaga

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Capitao Nascimento.jpg PEDE PRA PÔR NOVAS IMAGENS!!!
Quem não colocou imagens nessa porra??!! FOI VOCÊ! FOI VOCÊ, SEU VIADO!!! Tu não é um Caveira, tu é MOLEQUE! Acho melhor colocar mais imagens, senão o Capitão Nascimento te põe no saco, seu vagabundo! E faca na caveira!!!

Cquote1.png Você quis dizer: Thomas e Seus Amigos Cquote2.png
Google sobre Tomás Antônio Gonzaga

Cquote1.png Você quis dizer: José Dirceu Cquote2.png
Google sobre Tomás Antônio Gonzaga

Cquote1.png Eu não sabia de nada! Cquote2.png
Tiradentes, inspiração de Lula, quando perguntado em júri se conhecia Tomás na Inconfidência Mineira

Tomás Antônio Gonzaga, nascido em Portugal no ano de 1744, foi um dos maiores poetas Árcades brasileiros. Homem muito à frente de seu tempo, foi fortemente inspirado por jogos Arcade, como Donkey Kong e Street Fighter. Historiadores renomados afirmam que ele viajou no tempo para obter inspiração para suas obras.

Vida e obra[editar]

Em suas obras, Tomás usava o pseudônimo Dirceu.

Coincidência ou não, em 1789 Tomás foi preso por participar do Petrolão da Inconfidência Mineira, tendo sido deportado para Moçambique, onde se casou e morreu.

Sua maior obra foi Marília de Dirceu, um apanhado de poemas para sua musa inspiradora, Marília. São, ao todo, 134 textos em verso, sendo que alguns ele escreveu na prisão - coisa que Lula nunca vai poder se orgulhar de ter feito, já que é analfabeto.

Legado[editar]

Hoje em dia, na Pátria Educadora, Tomás e sua obra foi deixada de lado, dando lugar a grandes filósofos, pensadores e escritores como MC Guimê, Sabrina Sato, Dilma Rousseff e Faustão.