Toxoplasmose

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Você sabe o que é toxoplasmose? Eu não sei, nunca vi eu só ouço falar. Cquote2.png
Zeca Pagodinho sobre toxoplasmose

A toxoplasmose é uma doença de distribuição mundial. É uma doença infecciosa, congênita e adquirida, causada pelo um protozoário com mais um daqueles nomes difíceis para caralho de se pronunciar, e que certamente não serei eu a pronunciá-lo.

Transmissão[editar]

Exemplo de transmissor.

A toxoplasmose pode ser pega (de jeito ainda) pela ingestão de água ou alimentos contaminados com os oocistos esporulados, presentes nas fezes de gatos e outros felídeos, por carnes cruas ou mal passadas, principalmente de porco e de carneiro, que abriguem os cistos do protozoário Toxoplasma gondii, porém, vamos tratá-lo apenas como Ele Ele. A ingestão de leite cru (?) contendo taquizoítos do parasito, principalmente de cabras, pode ser uma forma de infecção, mas provavelmente rara, pois a cabra tem de se infectar durante a lactação para que exista a possibilidade de passagem de taquizoítos para o leite, ou seja, é apenas uma teoria fail.

A toxoplasmose pode ser hereditária, mas não se transmite de uma pessoa para outra apesar de que já foi constatado a transmissão por transfusão sanguínea e transplante de órgãos de pessoas infectadas, mas isso tudo não passa de mentira, pois hoje em dia qualquer médico que completo a primeira série do ensino funamental, sabe que antes de fazer alguma cirurgia, deve-se verificar se há alguma doença, conselhos de Dr. Roberto. Seu diagnóstico é feito levando em conta exames clínicos e exames laboratoriais de sangue, onde serão pesquisadas imunoglobulinas como a IgM e IgG, que na real, não tem diferença alguma.

Epidemiologia[editar]

Existe em todo o mundo. Mais de mil metade da população, mesmo em países desenvolvidos, tem anticorpos específicos contra o parasita, o que significa que está ou já esteve infectada. O ser humano é infectado após ingerir oocistos (merda) expelidos com as fezes por gatos infectados, ou ao comer carne mal cozida de um animal que tenha ingerido o parasita de fezes de felídeos (ovelhas, vacas e porcos, e até os humanos). Levando em conta também, que o modo de contaminação mais comum é ingerindo carne mal cozida e contaminada.

Sintomas[editar]

Se a infecção se der durante a gravidez, os parasitas podem atravessar a placenta e infectar o feto, o que pode levar a abortos e a malformações em um terço dos casos, malformações como hidrocefalia podendo também ocorrer neuropatias e oftalmopatias na criança como défices neurológicos e cegueira, mas se a infecção tiver sido antes do início da gravidez não há qualquer perigo, mesmo que existam cistos, portanto, se sua filha chegar com um pansão do caralho em casa, de mãos dadas com o Ricardão, fica tranquilo, ela não irá atrair tão facilmente a toxoplasmose. Os cistos contêm uma forma infectante do parasita, que é o bradizoíto, e em vez de se reproduzir rapidamente, formaram antes estruturas derivadas da célula que infectou, forte e resistente, cheia de liquido e onde o parasita se reproduz lentamente.

Diagnóstico[editar]

Marte Uma toxoplasmose ocular. Ou um Chefão do Gradius

O diagnóstico é pela sorologia, ou seja, detecção dos anticorpos específicos contra Ele. Na maioria dos casos não é necessário tratamento já que o sistema imunitário geralmente resolve o problema, portanto, foda-se tudo e vá dormir aproveite este resto de vida editanto a Desciclopédia, porra. Na gravidez ou em imunodeprimidos usa-se espiramicina, pirimetamina e sulfadiazina, para controlar a multiplicação dEle, mas também deve ser fornecido ao paciente ácido fólínico ou levedura de cerveja, para regularizar o sistema imunológico. Clinicamente é difícil fazer o diagnóstico porque os médicos são todos uns inúteis imprestáveis os casos agudos podem levar à morte ou evoluir para a forma crônica.

Como prevenir[editar]

Impossível, MUAHAHAHAHA Não existem exames que detectam se os gatos possuem ou não o Ele; As gestantes devem evitar o contato com fezes de gatos, pois estas podem conter oocistos, não ingerir água de origem desconhecida e sem estar fervida, nem carne crua ou mal cozida durante a gravidez. No caso dos gatos, lavar as caixas com água, ferver frequentemente e nunca tocá-las por mãos sem luvas. Alimentar os gatos com comida enlatada, ração, água fervida ou filtrada, não lhes permitir caçar animais também reduz o risco e nunca alimentá-los com carne crua ou mal passada, e também jamais dê carne humana para o animal, pois além de vomitar, este irá atrair a toxoplasmose, e foder com você, ou eu.