Travesseiro (Rio Grande do Sul)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome-searchtool blue.png Travesseiro (Rio Grande do Sul) é uma pequena cidade desconhecida.
Você pode estar perdendo seu tempo à-toa ao ler sobre essa joça.
Pra pegar sinal de TV aqui, só com antena parabólica.

Sciences de la terre.svg.png
Ironicamente, uma cidade com o nome de travesseiro não produz travesseiros e também não vende travesseiros criativos como esse da imagem. Aliás, acho que por metade do povo local ser de mendigos ninguém lá deve ter um Travesseiro.

Cquote1.png WTF?????????? Cquote2.png
Você sobre Travesseiro (Rio Grande do Sul)

Travesseiro (Rio Grande do Sul) é uma cidade com nome bizarro localizada no Rio Grande do Sul, na região dos vales propriamente dita. A cidade podia ser bem uma piada como a cidade de Progresso que ironicamente NÃO PROGRIDE, então dá pra fazer piadinhas com Travesseiro: "Sim! Moro no em um travesseiro! Sério!".

História[editar]

Fundada por um Mendigo, ele achava que tinha mais chances de sobreviver no mato em uma cidade que cheirava a merda e que ele tinha que comer capim para sobreviver do que em uma cidade em que há a proliferação de ratos, como São Paulo. Como ele queria virar vegetariano se mudou para o rio grande do sul para comer capim como Vacas.

Era bem melhor do que comer ratos... Mas eis que se descobre que esse mendigo era de 1970, isso mesmo! E que na verdade estou falando exatamente em 1970. E assim é que se criou a cidade quando um hospício inteiro acabou batendo o carro perto dali e criando uma cidade mentalmente estável, os loucos criaram a sua cidade e assim nasceu travesseiro.

Uma homenagem a... Algo. Tinha que ter mesmo um hospício inteiro ter caído ali para que existisse cidade.

Emancipação[editar]

A cidade se emancipou quando um vereador pediu e falsificou todas as notas e votações da população para emancipar, nem dava pra contar quantos deles discordaram mas quando o vereador benzeu a água todos acabaram concordando e ele virou prefeito. Ele deu o nome de Travesseiro (Rio Grande do Sul) não por causa de um travesseiro confortável.

Isso é uma almofada, mas enfim ele deu o nome pois as pessoas só atravessavam a cidade e o lugar, apesar de ser bastante movimentado, ninguém parava. Tanto que um dia o presidente acabou quebrando o carro lá e ninguém parou para ver, só as pessoas de travesseiro ajudaram o cara.

Na verdade nem mesmo a polícia conseguia achar travesseiro, no fim ele foi embora prometendo fazer a cidade entrar no mapa... Ainda não entrou...

Cidade[editar]

A cidade é como uma cidade que se chama Macieira, ela é uma coisa desprezível: Tem isso no nome mas não tem macieiras, por exemplo. Não é diferente com Travesseiro (Rio Grande do Sul), as empresas de almofadas e "artigos macios" acham que seria piada fazer uma fábrica em uma cidade que tem o nome do produto, sendo assim nenhuma empresa aceitou o pedido da prefeitura de Travesseiro de se colocar no lugar.

Enfim, a cidade é agora praticamente fantasma, com casas amontoadas e que cresce ao redor da maldita BR. A prefeitura é anexada à pastelaria, por exemplo... Enfim, é basicamente isso um resumo de Travesseiro (Rio Grande do Sul).