Turvo (Paraná)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Datenamuitobrabo.JPG ME DÁ AS IBAGENS! Eu quero ibagens!!!
Este artigo possui poucas ou nenhuma ibagem o ilustrando. Por favor considere adicionar novas ibagens para impedir que o Datena tente te processar!
Gnome-searchtool blue.png Turvo (Paraná) é uma pequena cidade desconhecida.
Você pode estar perdendo seu tempo à-toa ao ler sobre essa joça.
Aqui não tem mais do que dois postos de gasolina.

Sciences de la terre.svg.png
Cquote1.png Você quiz dizer Guarapuava Cquote2.png
Google sobre Turvo.

Cquote1.png Você quiz dizer Guarapuava Cquote2.png
Rede Globo sobre Turvo.
Cquote1.png Você quiz dizer Guarapuava Cquote2.png
RPC sobre Turvo.
Cquote1.png Já fiz um comício lá! Cquote2.png
Lula sobre Turvo.
Cquote1.png É o meu curral eleitoral Cquote2.png
Artagão Jr sobre Turvo.
Cquote1.png Putz, é melhor que Pitanga! Cquote2.png
Pitanguense sobre Turvo.
Cquote1.png Eu amo minha terra! Cquote2.png
Banana sobre Turvo.
Cquote1.png Eu sustento esta cidade! Cquote2.png
Ibema sobre Turvo.
Cquote1.png Meu sonho é ir morar em Guarapuava Cquote2.png
Prefeito sobre Turvo.
Cquote1.png Iste lugar não ecxiste! Cquote2.png
Padre Quemedo sobre Turvo.
Cquote1.png É meu sonho é morar lá. Cquote2.png
Índio Guarapuavano sobre Turvo.
Cquote1.png Vou morar lá. Cquote2.png
Você sobre Turvo.
Cquote1.png Vou voltar a mandar lá. Cquote2.png
Nacir sobre Turvo.
Cquote1.png Guarapuava é pertinho e o asfalto é bão. Cquote2.png
Turvense sobre Fazer compras em Turvo.
Cquote1.png Nem chegue no Turvo, vá direto para Guarapuava... Cquote2.png
Ibemense sobre Fazer compras em Turvo.
Cquote1.png Ai que inveja dele! Cquote2.png
Tuvense que não faz compras em Guarapauava sobre Turvenses que só fazem compras em Guarapuava.
Cquote1.png É uma cidade encima da laje. Cquote2.png
IBGE sobre Turvo.
Cquote1.png Eu que inventei esta cidade. Cquote2.png
Bolacha sobre Turvo.
Cquote1.png Se eles não viessem tanto prá cá, eu ia montar um mercado lá. Cquote2.png
Dalpozzo sobre Turvo.
Cquote1.png Guaratuba!. Cquote2.png
Tuvense sobre Lazer em Turvo.
Cquote1.png Esse cara sou eu!. Cquote2.png
Marcão, O Fodão sobre Único Prefeito Reeleito na História de Turvo!.

O único evento que atrai gente de fora é o Torneio de Peido mais alto que agora virou Olimpíadas Rurais e tem cobertura do Fantástico, que sempre um Guarapuavano ou Pitanguense ganha. Mas no momento em que os turistas se conscientizarem de que Turvo é bom... aí sim a cidade vai despontar como o ponto turístico mais importante do Brasil!

  • Todos os turvenses agora 'têm o direito' de ir fazer compras uma vez por mês na cidade de Guarapuava, com ônibus pago pela Prefeitura Municipal.
  • Quando se encontram fazendo compras no Dalpozzo, eles fazem de conta que não conhecem seus conterrâneos.
  • Os turvenses ficam brincando de mudar esta página todos os dias. Um escreve, o outro apaga e escreve outra coisa. E assim vai...

Tabela de conteúdo

História que o povo conta:

O processo de fixação das primeiras famílias que chegaram na região, onde está situado hoje o Município de Turvo, teve muitas dificuldades para a sua declaração de independência de Guarapuava, como, por exemplo:

  • O carreiro para fazer a ligação de Guarapuava com Pitanga, passando por Turvo, só começou a ser feitas as primeiras picadas no ano de 1924;
  • A rua de asfalto (diabo preto do Requião) do município com as demais regiões do Estado só foi concluída em 1980;
  • Os primeiros crentes somente apareceram em 1924, o que originou a organização da congregação Presbiteriana quatro anos mais tarde, a macumba também veio nesta época e, os católicos também;
  • Os turvenses são um povo muito estudioso(boa tarde talico), e a primeira escola localizada no município de Turvo fez a sua primeira merenda em 1934, na Igreja Presbiteriana, com a professora Frida Rickli Naiverth que, hoje virou nome de escola (afinal, todas as professoras antigas viram nome de escola) e os participantes do processo de independência, primeiros colonizadores (pioneiros) viraram nome de rua, prédios públicos, etc. E, também, sempre possuem um sobrenome em comum (afinal, são tudo parentes, ou farinha do mesmo saco, pra usar uma gíria local, outros preferem dizer que são tudo da mesma 'láia');
  • Turvo, na década de 30, iniciou o ciclo econômico de revolução industrial através da exploração da madeira, existente "quenem praga" na época, chegando ao seu auge em 1960, quando acabou todo o mato. A erva-mate e criação de suínos também contribuíram para o desenvolvimento do município nesta época, fazendo parte dos principais ciclos econômicos e o povo gostava muito de comer banha de porco com pão (um prato típico da cidade) e daí surgiu a expressão “o fulano se criou disputando guavirova com porco no Turvo e agora quer dar uma de bão” para aqueles que querem ser metidos a ricos e sofisticados;
  • A cristianização do povo turvense iniciou com a construção da Capela Nossa Senhora Aparecida, em abril de 1956, sendo que a primeira missa foi celebrada em julho do mesmo ano, na presença dos índios da época e, depois se iniciou s processo de catequização dos coitados (ô coitado). Em dezembro de 1957, a capela foi inaugurada (que tinha um lado que era mais alto que o outro, onde as pessoas que ficavam em cima,cuspiam nas cabeças dos que estavam embaixo);
  • Pela Lei Estadual N. º 7.576, de 12 de maio de 1982, Turvo foi declarado como município INDEPENDENTE DA COROA DE GUARAPUAVA pelo ex-governador do Paraná, Dom Nei Amintas Braga. A declaração de independência oficial deu-se no dia 1º de fevereiro de 1983, deixando os turvenseses livres do jugo de Guarapuava-PR e foi proclamada às margens plácidas do Rio Turvo, numa época em que ele ainda era um rio ao invés de esgoto (hoje na verdade os turvenses chamam de arroio de merda do turvo). Segundo as fontes das gentes pobres, na época também foi realizado um plebiscito para saber se para o bem de toda a população era necessária a independência, e que os votantes era todos os "cuzões" da cidade, que podem ter os nomes encontrados nas listas feitas pelos historiadores oficiais do município disponível em qualquer biblioteca municipal.


Origem do Nome

O paulista Antonio Leonel Ferreira, com medo de morrer, fugindo da Revolução Federativa de 1893, refugiou-se nos sertões do Paraná, passou pela localidade e durante uma caganeira, ou uma puta dor de barriga (xurrio), ele foi lavar a bunda no rio que cortava o Faxinal e disse que este era parecido com o rio de sua cidade “São Pedro do Turvo” (que também era cheio de bosta), aí o nome do Rio Turvo que virou a localidade de Turvo. Outra versão atribuiu o nome à cor de barro preto das águas do rio, em cujas margens se estabeleceu a civilização turvense.


Área e Localização Geográfica

O município de Turvo situa-se na Região Centro-oeste Paranaense, nas desordenadas 25º02’34”, latiSul 51º31’47” longiW-GR.

A superfície do município é de 100 arqueres de praticamente pura lage²; essa área corresponde a uns 4% da área total de Guarapuava. Localiza-se a 1.044 mil parmos acima do nível das águas salgadas e a umas 295 braças da capital.


Formação Étnica e Cultural da População

Atualmente Turvo possui cerca de 500.000 mil habitantes, sendo 15.000 deles ainda vivos!

Existem em torno de 12 tribos indígenas que sabem falar vários idiomas (inclusive português), e até 1768, quando os portugueses, partindo de São Paulo, decidiram “ promover o povoamento da região” e sairam comendo todas as índias que encontravam pelo caminho, na disputa do território contra os espanhóis, tudo se misturou e, hoje, você encontra até remanescentes quilombolas. E as cruzas entre diferentes etnias continuam acontecendo.

As tribos indígenas da região viviam da caça, pesca e extrativismo vegetal, não tinham praticamente o costume de trabalhar com cultivo e criações. Remanescentes desta população indígena estão situados no município de Turvo, na reserva de Marrecas,com uma área de 16.538.58 arqueres e uma população de 385 índios das tribos Guaranis e Kaingang, que não puderam ser conquistadas pelos brancos.

Da miscigenação com os invasores brancos resultou hoje a chamada população nativa ou cabloca dessa região, que são conhecidos por turvenses e outros por pachecanos.

A partir dos anos 50 deste século, chegaram os imigrantes guarapuavanos, poloneses, ucranianos, polacos e alemães. Mais recentemente chegaram filhos de italianos e alemães gaúchos, e mais recentemente ainda, começaram a chegar migrantes nordestinos"MANÉ BALAIO", resultando numa mistura de índios, polacos, negros com gaúchos e uma mistura "dianhenta memo".


Diáspora

Segundo estudos de um professor de História Natural da Unicentro, é o processo que a civilização turvense vem passando desde o momento da emancipação, que ocorreu nos idos dos anos 80. A dispersão da população está ocorrendo para regiões diversas. No início era para o estado de São Paulo e agora é mais frequente para o estado de Santa Catarina. Tem até regiões dos Estados Unidos que estão recebendo turvenses. O mais preocupante é que em todas as regiões para onde estão indo, os turvenses estão levando a sua cultura e o jeito turvense de ser. Este fato pode ser constatado visualmente por qualquer curioso que se atreva a vistar qualquer canto do Turvo. E segundo os estudiosos, este processo está influenciando tão fortemente a cultura e a economia local que, prefeitos são trocados sem com promessa de reverter este processo e trazer de volta, os filhos que foram embora, para os braços das mães que estão em prantos, devido à ausência dos seu filhos. Mas nada de fato tem mudado isto. E não é por falta de interesse dos turvenses que nestas 3 últimas décadas tem quase se matado de tanto fazer crianças que, infelizmente, não tem adiantado de nada, quando pegam uns 12 anos já se bandieiam para outras terras. A última solução está sendo arquitetada por um estrangeiro e todas as fichas estão sendo jogadas para ele, ele que é um especilista em salvamento de processos deste gênero, inclusive dizem que foi ele quem levou os judeus de volta para a sua terra natal, que é o atual secretário de indústria e comércio, com seu planos mirabolantes e que acredita que os turveses caem em conversa de visage!


Política

  • Todos votam no Lula e no Coronel Marcão, o Fodão.
  • E este é o espaço do artigo mais sem graça nos últimos tempos.
  • Vou deixar reservado para os descontentes com a administração municipal preencherem. Ou os que estão no poder se gavarem. hahaha
  • Quem foi o melhor prefeito da história de Turvo?


Cultura

  • Não tem mais. A única Casa da Cultura que existia na cidade sumiu do mapa. Se bem que, desde quando isto foi inventada, foi sendo abandonada aos poucos e a tendência natural era desaparecer mesmo. Imaginem o slogam da próxima campanha: - "Tenho orgulho em anunciar ao povo turvense que acabei com a casa da cultura deles, hahaha"!

Inclusive o vereador Vilsão está com um projeto na câmara dos vereadores para tornar esta Música como Hino Oficial do Município e patrimônio cultural regional, e o Hélio dos Passos vai ser homenageado com um título de Cidadão Honorário de Turvo, porque ele tem a mesma importância que o Juvino e o Dalzotto. O prefeito homenageia os 'pioneiros' com um título de cidadão importante e, não contente com isto, aluga uma sala do pioneiro para ajudar financeiramente.

  • Tem também a Praça Municipal 31 de Outubro, até hoje ninguém sabe o motivo do desse nome, deve ser homenagem ao dia das bruxas. Transformada em ponto turístico do município, a praça tem hoje a academia ao ar livre, inaugurada no início do ano de 2010 para as pessoas da MELHOR (terceira) IDADE, onde tem a freqüência constantes de crianças e adolescente (devem estar treinando pra serem "velhinhos"). Agora inventaram uns monstros de pet em homenagem às bruxas.
  • AVENIDA 12 DE MAIO - Essa avenida situada no centro da cidade, ficou popularmente conhecida, por causa dos grandes eventos que tem acontecido: bebedeira, rachas, policiais assaltantes que fazem multas para assaltar os motoristas, os motoristas mais barbeiros se encontram trafegando por ela. A Avenida é um dos maiores pontos de encontros mundiais (hahaha), frequentada por turistas do mundo todo, especialmente os que vêm de Curitiba passear aqui, por ser uma cidade muiiiiiiito interessante...
  • QUADRA DA FRIDA é um excelente ponto de encontros esportivos, sendo realizados grandes campeonatos de futsal... De vez em quando, fazem combates de gladiadores, times do Turvo contra os da Ibema, que jogam MMA em formato de futsal.
  • E o programa do Banana - nos domingos, como de praxe ele sempre passa a frase do dia!!! As pessoas ligam, mandam seu torpedo e pedem música dedicando ao seus amigos e parentes.

Falando nisto, de tão importante que é este programa, neste ano de 2012 o programa será gravado e, obrigatóriamente, as professoras municipais e estaduais, deverão trabalhar o conteúdo em sala de aula. Então,o Programa do Banana é ou não um importante conteúdo cultural?

  • ESTÁDIO MONUMENTAL DO TURVO - só por Deus mesmo, sempre quando eu sei que tem campeonato, sempre aconteceu há dois ou três meses antes... a divulgação que é muito intensa
  • O CTG promove bailes funks! hehehe

Biodiversidade

O município tem a ave mais popular do estado do Paraná: a Gralha Azul!

Tem a maior floresta de araucária do mundo, que praticamente está sem madeira. Araucária é uma árvore mística venerada por todos os turvenses.

Único lugar no Brasil onde os motoristas não precisam ter carteira de motorista para dirigir.

Lugar onde uma madame vai pedir pro motorista do ônibus escolar dirigir com cuidado porque sua filha está nele...

Aqui tem bugio, tem passarinhos, tem peixe, é... tem tudo que é coisa, diz que tem até onça, tem uns viado também (ainda disfarçados), tem até animar em extinção, mas agora ninguém pode caçar, e nem caçar o marcão

conta a lenda que aqui antes tinha uma árvre: pinhêro, do tamanho do dia inteiro, dai ela que fazia sombra pra cidade, de onde vem o nome: Turvo, dai tinha um oco no pinheiro que o pessoar fazia festa, bailes, é... dai derrubaram o pinhêro e o turvo ficô claro... é.... boa tarde,talico


Pontos Turísticos:

  • Lajeado dos pachêco - teve muitos turvenses que foram concebidos nesta laje. É um dos moitéis que existem no município. O cara pega um pelego e leva a muié para comtemplar a natureza no lajeado e daí se rolar... já era...
  • Sarto São Francisco - este salto é somente de Turvo, mas os políticos de Guarapuava e Prudentópolis estão decididos a nos roubar o que é de Turvo de direito. Pois se está na nossa terra, é nosso. Dizem alguns boatos que os três envolvidos já estão preparando até exércitos para concluir a disputa no braço.
  • Lage do Arnordo
  • Laje, perto do frigorifico do "Grando"
  • Cachoeira dos Turco - ou cachoeira dos passaura
  • Piscinas do Ronaldo
  • Arroio perto do Marconato - lugar agradável para pescaria de lambaris.
  • Posto da Vilma
  • Bodéga do Mauri- O Point do Turvo e região(Varios Bebados de Fora vem Ali, saudade, ibema e pachecos)
  • Lan House do Paulinho - mas não vá, não perca seu tempo, nem existe mais, hahaha
  • Domingueira no seu Vardo
  • Praça (aeroporto de disco voador) - o chafaris não tem água e pode ser usado como palco para as atrações municipais; descida do papai noel;
  • Escada do mercado do Gilso - muitos neguinhos arranjaram casamento nesta escada.
  • Escada da Relojoaria - local onde se joga truco.
  • Escada da Barateira
  • Escada da farmácia do Chao
  • Barraquinha da Eroni (Não é mais, agora é do Pedrinho Ferreiro)- onde se encontram os turistas do Ivai e da Saudade para se alimentar e contar causos.
  • A fachada da Igreja Católica
  • IBEMA... onde que fica isso meu Jesus??
  • Campo - onde o Genoma Colorado só ganha dos time de fora; e da IBEMA; kkk'
  • Quadra da Frida - onde os da ibema também sempre perdem os campionato
  • Campeonato de jogar pedra pro outro lado do rio com disputas no Rio Ivaí (a prova mais difícil da competição, Rio Turvo, Rio Cachoeira, Rio Pachecos, Arroio do Marconato, entre outras menos importantes -
  • Ctg - patrimônio histórico da humanidade
  • Prefeitura municipal - patrimônio histórico da humanidade


  • Escadinha da Felue - Tudo santo dia que se passa la de noite tem gente naquele trein.

Reconhecimento Nacional e Internacional:

  • E como se não bastasse o reconhecimento estadual e nacional, nosso município ganha fama mundialmente - como a cidade que mais "gera empregos no mundo", é isso mesmo, devido ao grande número de fábricas e empresas instaladas aqui e que não param de gerar novos empregos a cada dia, nosso município vem crescendo mais e mais, e assim os habitantes daqui não precisam se deslocar de metropolitano para guarapuava para trabalharem de diarista ou irem embora para Santa Catarina para encontrarem oportunidades de trabalho.
  • Turvo é grande potência também quando se fala em Meio Ambiente - o município é líder sulamericano em plantação de florzinhas na avenida já faz três anos, pois todos sabemos que o investimento nesse setor é muito importante para toda a população, porque além de deixar a cidade linda e ganhar reconhecimento mundo afora, também contribui para a diminuição de gás carbônico na atmosfera.
  • Nossa cidade ocupa um dos primeiros lugares no ranking Paranaense das cidades que mais cuidam da educação dos seus habitantes - pois além de ter apenas uma escola estadual na sede para garantir um ensino de qualidade (exeto para aqueles que estudam no salão da igreja que no inverno é muito frio e no verão é muito quente), este ano não vai ter mais o EJA Educação de Jovens e Adultos, pelo motivo de que as pessoas não necessitam mais de educação, porque todo turvense já nasce sabendo tudo, nem para Guarapuava as pessoas podem ir para fazer o EJA ou curso técnicos, sendo que aqui no Turvo contamos com cerca de cem tipos de cursos nas mais diversas áreas, e o mais interessante é que não precisamos pagar nada e como já sabemos tudo, é só fazer para pegar o diploma.

VIRA CAMBOTE

  • Cidade onde estão as mulheres mais lindas do mundo - graças aos programas governamentais que incentivam a beleza feminina. Cada turvense que quiser ficar bonita, basta fazer um projetinho e mandar para a prefeitura que, após a análise de seus técnicos em beleza feminina, se aprovado, liberam recursos para fazer a reforma que for preciso para as mulheres ficarem show de bola.


Piadas Turvenses

Certa vez, um prefeito turvense viajou para Curitiba e na volta, se perdeu na cidade e não conseguia encontrar a saída. Decidiu com o colega de viagem parar num posto de combustível para pedir informação. Neste posto trabalhava um frentista que fazia pouco tempo que tinha ido embora de Turvo para trabalhar em Curitiba e sem reconhecer o conterrâneo, o prefeito perguntou: - Hei, moço! Você sabe qual é a saída para Turvo? Nisto o rapaz que também não reconheceu o prefeito, respondeu: - A única saída para o Turvo é trocar aquele prefeito cretino que está lá!

Sabe a piada do nao e nein eu? Se o piah responde Naum o se diz: Nein eu.

Frases antológicas de Turvenses

  • "Eu estava meditando" - quando é encontrado dormindo no trabalho.
  • "Meu povo demagogo da Passa Quatro" - anunciando uma obra na localidade.
  • "Meu povo e minha póva" - conclamando a todos os turvenses.


Hidrografia - riachos

A mega cidade tem um monte de ríos que atravéssum o meio dela... no meio da cidade tem o ríu Turvo, composto, entre a ponte do Paraguai, perto do mercado do Marconato, até a ponte da BR (PR 466), que é um esgoto horrívio... la pro lado dos Pacheco tem o Rio Pacheco (Praia dos Pacheco)... Tem o Rio Marreca... Tem o rio Ivai que é pro lado do Ivai... Tem o rio do Arnordo (Praia do Arnordo)...


Dicionário turvês:

Caso esteja planejando uma viagem para Turvo, para não passar apuros no município, favor imprimir este minidicionário com alguns verbetes utilizados pelos nativos.

  • Boa tarde Talico! - em Turvo, Boa tarde Talico! é equivalente ao Teu cú, Burro! para os guarapuavanos.
  • Muérengo - Turvense metido à comedô.
  • Tongo- pessoa com intelecto baixo ou melhor burra!
  • Facão - idem ao anterior.
  • Truco - idem ao anterior.
  • Seis - idem ao anterior.
  • É só lavá... - quando querem dizer que já conseguiram conquistar uma mulher.
  • Disgracento - desgraçado
  • Laxético - desgraçado
  • Caipora - desgraçado
  • Lazarento - idem ao anterior
  • Mas é largo - quando o cara tem sorte
  • macaio
  • Vá assusta o charrete!!!!
  • Cú de sola
  • Coxinha amanhecida
  • Bocão de chupa foco
  • igual uma pentiadera de puta
  • o pior que é né - tipo uma confirmação do que alguém falou
  • o pior que é memo - mesma coisa do anterior
  • guarda-chuva do madeo - para coisas velhas e feias
  • Tóchico - para intoxicações
  • intochicado - pessoa intoxicada.
  • malarreado - para meninos traquinas e que não respeitam os mais véios.
  • Vá Catá pinhão - vá se fuder.
  • Bota de pegar Porco no Banhado - botas da moda que a muiérada gosta de usar.
  • Carção de Pegá porco no banhado - tipo legue.
  • ÃRRRRDE - é como falar: mais já é burro. Quando alguém fala uma coisa muito idiota usa-se o ÃRRRRDE.
  • Cabeça de mico - imortalizada pelo emilio ribero.
  • Finado tomé é testemunha, pode se informar. Para comprovar que o fato narrado não é um talico.
  • avéde - capaz que isso aconteceu

Veja também...

v d e h
PARANÁ
PR
PR
Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas