Universidade Federal de Pernambuco

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
60px-Bouncywikilogo.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: Universidade Federal de Pernambuco.
Bandeira de Pernambuco.JPG Oxe, mô véi! Ess'artigo foi'xcrito por um caba pernambucano arretado da porra,
visse? E num é que ele tá arrumadinquisó, fera? Oxente, q'porréessa?! Goxtasse
não?! Ora, porra!! Vátilaxcá, seu fi di rapariga!! Tái feito baiano, é?!
Cquote1.png Isso non ecziste! Cquote2.png
Padre Quevedo sobre Restaurante Universitário

Cquote1.png Heitor e Rommel são amigos! Cquote2.png
Pedrinho pé de muleke sobre Amizade colorica
Cquote1.png A gente existe! Cquote2.png
Aluno do Campus Caruaru sobre Centro Acadêmico do Agreste
Cquote1.png Barba grande, feia e suja? Legal!!! Cquote2.png
Marx, sobre os alunos do CFCH que se acham filósofos
Cquote1.png E ontem fiz um enxerto de "Cannabis sativa"' com "Papaveraceae sp.". Adorei o resultado! Cquote2.png
Biólogo/Bacharel sobre sua tese de doutorado
Cquote1.png Hã??? Cquote2.png
Beethoven sobre UFPE
Cquote1.png È um deus! Cquote2.png
Aluna de pedagogia da UFPE sobre sobre Paulo Freire
Cquote1.png Prefiro morrer de vodka do que de tédio Cquote2.png
Maiakóvski sobre as aulas na UFPE
Cquote1.png É por isso que eu não vou... Cquote2.png
Eu sobre Aulas da Área II
Cquote1.png Fui!! Deu pra mim não da mais! Cquote2.png
Aluno pagodeiro sobre Aulas da Área II
Cquote1.png AaAhHhH... MiNhA fACulll é Mttttt XxXouU! Cquote2.png
Aluno Emo de Publicidade sobre UFPE
Cquote1.png A minha não tem greve... Cquote2.png
Viadinho Aluno da UNICAP sobre UFPE
Cquote1.png É uma cilada, Bino!!! Cquote2.png
Pedro sobre UFPE
Cquote1.png Hoje vai ter testinho! Cquote2.png
Tia Jú aterrorizando na aula de Orgânica A
Cquote1.png AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!! Cquote2.png
estudantes de filosofia que se jogam do CFCH sobre UFPE
Cquote1.png você non saber hiçço!!! Cquote2.png
Oleg Viadimorovic Krasilnicov Pederastov sobre UFPE
Cquote1.png Eu entrei na faculdade! Finalmente vou conseguir comer alguma mulher! Cquote2.png
Calouro do CTG achando que tem mulheres no prédio dele
Cquote1.png Mulher? Oq é isso? Cquote2.png
Aluno Veterano do CTG
Cquote1.png Hmmm... boiola Cquote2.png
Aluno de qualquer outro centro sobre aluno do CAC
Cquote1.png Eu tenho medo Cquote2.png
Regina Duarte sobre Área II
Cquote1.png Dominó I Cquote2.png
Aluno veterano do CTG sobre Introdução à Engenharia
Cquote1.png Quí-quê-rrô foi mio alumno acuí mismo! Cquote2.png
Velho padre ex-professor de latim do CAC sobre c
Cquote1.png Pra conseguir se formar e comer alguém, vá pra Poli! Cquote2.png
Veterano da Área II sobre Calouro da Área II
Cquote1.png Aew Odonto AewWW! Cquote2.png
Odonto sobre UFPE
Cquote1.png Pêra, uva, maça, salada mista Cquote2.png
Professor de Informática sobre Design
Cquote1.png Nem posso sair hoje... vou fazer programa! Cquote2.png
Putinha Aluno de Ciência da Computação do CIn
Cquote1.png Isso non faz sentido! Cquote2.png
Borelli respondendo a um bom dia na area II
Cquote1.png TA BÃÃÃÃÃÃÃÃÃO??? Cquote2.png
NApoleão tirando uma dúvida
Cquote1.png Vamos pro cavanhaque, não adianta mais. Cquote2.png
Hitler sobre opção do curso engenharia CTG
Cquote1.png Isso pra mim é magia negra! Cquote2.png
Ségio Santa Cruz na revisão de prova
Cquote1.png Quando você ACHAR que sabe a resposta, lembre-se da minha voz no seu ouvido: "Você errou" Cquote2.png
Ségio Santa Cruz incentivando seus alunos
Cquote1.png Eu tiro tudo mesmo! Cquote2.png
Pablo alertando sobre revisão de prova de cálculo
Cquote1.png Passei em álgebra linear em 2009.2 com Borelli e Sergio Santa Cruz na banca Cquote2.png
Aluno sobre efeito de lissérgicos
Cquote1.png Duas invenções do demônio: Dominó e D.A. Cquote2.png
NERD comentando com os amigos
Cquote1.png D.A.(diretório anarquista) Cquote2.png
opiniões sobre o D.A.
Cquote1.png Um Passáro? Um jarro? não um aluno Cquote2.png
aluno passando por baixo do CFCH e olhando pra cima
Cquote1.png Nói somu os melhor, simprismente or melhor Cquote2.png
aluno de Medicina sobre os outros alunos
Cquote1.png É preciso entender o processo dialético para assim visualizar melhor a sociedade complexa e pós-moderna Cquote2.png
aluno de Ciências Sociais sobre o Mundo
Cquote1.png Aaaa De Medicina, eu vou Cquote2.png
alunas de Enfermagem sobre calourada de Medicina
Cquote1.png Preciso comprar um carro, se não vão achar que sou pobre Cquote2.png
aluno de Medicina
Cquote1.png Vamos baixar os preços das passagens! Abaixou os D.A's! Abaixo a Reitoria Burguêsa Cquote2.png
alunos Anarquistas que tem carro, fazem parte de tudo e o pai é funcionário da Universidade
Cquote1.png VAMOS INSTALAR O COMUNISMO NO BRASIL! VAMO QUEBRAR TUDO! Cquote2.png
membro do movimento Correnteza
Encravada distante do centro do Recife, a UFPE (Universidade Fedorenta da Putaria Exacerbada), foi fundada no ano de 7852a.C. por tribos nômades que migravam do Engenho do Meio lá perto da Casa do Caralho, destaca-se ainda hoje por ser a maior (se não for, passa a ser a partir de agora) universidade pública federal de Recife. Motivo de inveja por parte dos alunos da UPE e principalmente dos da Unicap (que pagam R$30.000.000 por ano), tem como vantagem ser pública e gratuita, e olhe lá... Marcada pela boa gerencia de seus magníficos reitores, que mudam a disposição das plantas nos 7589 jardins do campus 3 vezes por semana, e pelo bom nível das teses dos que lá se formam, esta grande universidade (nem tão grande assim) tem como principal característica topográfica e morfológica ter sido construida sobre palafitas em um mangue tal qual Veneza.

Como forma de querer dominar o estado, recentemente foram construídas mais duas unidades da UFPE. Uma situada na cidade de Vitória de Santo Antão é a UFPE Centro Acadêmico de Vitória (UFPE - CAV, ou CAVINHEIRO = CAV + Galinheiro) e outra unidade na cidade de Caruaru, que é a UFPE Centro Acadêmico do Agreste (UFPE - CAA).

Alunas formadas e satisfeitas com o sistema de ensino da UFPE

Calendário Acadêmico[editar]

Como universidade reconhecida internacionalmente por ter criado o Siga (Sistema Inteligente de Gerenciamento de Aperreio), a UFPE se destaca por um modelo curricular muito peculiar: greve período sim, período não, com duração variável, mas sempre nunca cumprindo seu programa no calendário flexível de duração de um ano. Para conseguir tal façanha os terroristas sindicalistas forçam o uso da expressão latina Inutilia Truncat (corta-se o que é inútil) forçando os estudantes a assimilarem o conteúdo de suas atividades por osmose. Por exemplo: um semestre de aula com duração de 3 meses, com aulas de madrugada aos sábados, domingos e feriados nacionais.


CTG (Centro de Treinamento de Gambiarras Centro de Tecnologia e Geociências)[editar]

Com a maior concentração do universo (Recife, pois Recife é o universo ) de almofadinhas e coxinhas. O CTG é composto por muitas engenharias (minas, ser rico, dar o cu, ser playboy e minas). No prédio existem os alunos, maioria de engenharia (os Oompa Loompas da ciência), fascinados por pedrinhas e por golfinhos que não são ricos e portanto são renegados e estuprados nos banheiros da instituição pelos superiores engenheiros. Oceanógrafos e geólogos que só servem pra criar barba, fumar maconha e reprovar na Área 2. No primeiro andar do prédio do CTG se encontra um restaurante onde foi aplicado recentemente o raio gourmetizador, consequência do filhinho de MC DUDU CAMPOS HE is WATCHING YOU lá poder pagar 30 reais num prato de comida enquanto poderia comer feijão dormido com geleia de detergente e pele de frango guizada por apenas 3 reais no maGavilhoso Restaurante Universitário (RU). É muito comum nesse prédio conversarmos com pessoas que estão cursando o 12° periodo e pagando Calculo 2, ou seja, estudantes profissionais que não pretendem se formar nunca; como também é comum ver caras que andam de Volvo falarem sobre meritocracia, e igualmente comum é o alto índice de mulher gostosa que estuda engenharia e de mulé feia que estuda Oceano e Geologia (ê cursinho de mendigo). Um detalhe: a maioria dos alunos do CTG, diferentemente dos membros do CAC, não fala TODXS, ou qualquer tipo de frescurite da linha de pensamento "meu corpo minhas regras".

Alunos Famosos[editar]

Entre seus alunos reconhecidos mundialmente destacam-se: Dercy Gonçalves que inaugurou o Teatro da UFPE, dando inicio ao panteão de artistas muito conhecidos que lá se apresentam, Téspis e Sófocles que fundaram o Departamento de Física logo após o dilúvio anual em 7851a.C., Aristófanes primeiro aluno do CTG - Centro de Técnicas em Gambiarra -, Rebeca Gusmão primeira "mulher" - e a única até então - a estudar no CTG e Mikhail Baryshnikov que fundou o CAC - Centro de Aids e Contaminação, após um surto de sífilis na região.

Linhas de Ônibus[editar]

  • Barro/Macaxeira (Via-Várzea): Conhecido também como Sarro/Macaxeira. O risco de uma mulher engravidar neste ônibus, principalmente em horários de pico é alto, graças a sua grande lotação, que faz com que seus passageiros sintam-se num ritual de acasalamento semelhante a um baile funk, onde uns ficam se esfregando nos outros. O ônibus é do Inferno, é só ver a cor. Leva os alunos para a integração da Macaxeira, onde podem se deslocar, após algumas brigas e discussões, até a suas residências. Ano passado, uma bela aluna do CTG venceu o concurso garota Barro/Macaxeira (todo mundo pega), a qual, por questões éticas, não será revelado seu nome.
  • Rio Doce/CDU: Antigo ônibus do inferno, perdendo esse posto para o Barro/Macaxeira. Conhecido como Cata corno, esse ônibus, faz um tour pelo Recife, para mostrar aos alunos de Olinda que Recife é melhor do que essas cidades.
  • Camaragibe/CDU: Conhecido como ônibus do interior, leva seus passageiros (Você) para conhecer a Favela cidade de Camaragibe. Apesar de ser ao lado da UFPE, o tempo de viagem é superior a 1 hora, com intervalos médios de 50 minutos entre um ônibus e outro.

Órgãos em decomposição suplementares[editar]

Restaurante Universitário[editar]

Originalmente, o Restaurante Universitário (RU) fundado por D. Pedro I fornecia quentinhas gratuitas para todos que lá passassem se dizendo estudantes universitários, o que dava mais de cem mil refeições além da quantidade de estudantes universitários efetivamente matriculados, exigindo uma tremenda logística e tudo na conta na outrora Pró-Reitoria Acadêmica. No entanto, tal utopia gastronômica teve suas atividades encerradas em 1991 após um quebra-quebra seguido de saque e incêndio criminoso causado por moradores da Residência Universitária masculina, uns até eram universitários mesmo, mas, todos comunistas puxa-sacos do regime castrista que se autoproclamavam Libertadores do Povo, que receberam reforço do grupo anarquista de viados autodenominados Aurora da Primavera, mas na verdade tudo só serviu para a reitoria puta com a boca livre encerrar as atividades do RU e os saqueadores trocaram todo o jabá e a farinha seca saqueados por baseados que fumaram ao longo da semana. Os integrantes do Libertadores do Povo posteriormente integraram os quadros do PT ou do PC do B, e participaram do esquema de roubar o Brasil pelo mensalão. Já os integrantes da Aurora da Primavera foram ser garotos de programa na Avenida Paulista. A Polícia Federal foi chamada, mas, após analisar as imagens das câmeras escondidas chegaram a conclusão que as câmeras estavam escondidas demais para que eles pudessem achá-las.

Décadas depois, algum abnegado porra louca contra todas as expectativas conseguiu uma verba de algum fundo perdido, e, pasmem, conseguiu construir um novo RU em local diferente do anterior, pois, o lugar inicial passou a abrigar maconheiros e prostitutas da residência universitária, mas isto é uma outra história.

Com o início do ano letivo 2011.1, o então reitor da UFPE Amaro Lins, eleito com 105,789% do votos válidos da comunidade universitária, decidiu inaugurar o tão esperado Restaurante Universitário, garantindo assim votos pro seu candidato a sucessão, Anísio Brasileiro. Apesar da UFPE contar com 35000 alunos, são oferecidas apenas 3000 almoços, e algumas dúzias de jantares, cada refeição ao custo absurdo de dois centavos e meio, o que está indignando o corpo discente da Universidade. Embora a sua maioria seja filhinho da papai com automóveis do último tipo, pois, só eles podem estudar de graça em universidade pública, quem não tem onde cair vai estudar em universidade paga. Uma exceção a esta regra tem acontecido recentemente no vulgarmente conhecido Programa Universidade para Todos, no qual metade das vagas tem sido reservadas para os portadores dos seguintes superpoderes: índios, prostitutas, homossexuais, nordestinos, e negros oriundos de iscolas púbricas, se o indivíduo juntar 4 destes 5 superpoderes ganha automaticamente o diploma que quiser, e se reunir todas os 5 superpoderes, automaticamente ganha um doutorado no que ele ou ela quiser e se torna professor catedrático da universidade pública que desejar. Como a UFPE foi uma das primeiras universidades públicas a embarcar neste barco furado, a primeira turma de prostitutas e viados formados em merdicina sai este ano e já estão com emprego garantido no Programa Mais Médicos para reforçar as equipes de açogueiros médicos cubanos que desconhecem os remédios que receitam aos incautos que vão às UPAs e hospitais públicos. Por enquanto, o único problema é que esta turma de novos doutores só querem atender homens. Michel o Temerário sugeriu que esforços sejam envidados para que uma turma de lésbicas receba logo o grau de mérdicas para equilibrar este jogo de poder na Saúde Pública brasileira. Voltaremos ao tema em momento oportuno.

Mapa altamente detalhado do Restaurante Universitário

O Novo RU em sua inauguração contou com o reitor e o ministro da educação, tudo correu perfeitamente, sem filas, e com comida de primeiríssima qualidade, a saber: jabá e farinha seca. Porém, com o passar das semanas, as refeições voltaram à normalidade, ou seja, foram ficando cada vez piores, a não ser que você seja fã de feijão e arroz crus, acompanhados por um fígado petrificado e salada de larvas, digo salada de frutas composta por uma única fruta.

O melhor do RU são os sucos, eles usam uma proporção que para cada pacotinho de kisuki da Angelica são colocados 10 litros de água e 50 kg de açúcar, e ainda servem o suco em um copinho de café, às vezes é o dia do suco vermelho, do suco rosa, suco laranja, enfim impossível identificar o sabor, só o gosto que é doce. Felizmente, existem dias de fartura do RU, em que servem suco de polpa de fruta, como: cajágua, goiágua, acerágua, entre outros. Para os que se recusarem a tomar os líquidos coloridos servidos no RU também é disponibilizado água da torneira geladinha e de graça dentro do restaurante, mas não se esqueça de levar seu copo.

Para poder comer no restaurante, os estudantes precisam passar uns 10 minutos na fila para pagar o almoço (a menos que sejam espertos e tenham pago em algum outro dia para vários dias). Depois de pagar seus almoços, eles devem ir para o final de uma das filas para entrar. As 3 filas são divididas por ordem alfabética, de forma que o aluno com inicial A tem que ir para a fila da letra A e o que tem L vai para a fila da letra L, por exemplo. Então os universitários precisam tomar cuidado para não pegar a fila errada, o que não é muito fácil, pois as filas são quilométricas e dão um nó uma na outra debaixo da tenda que fica na frente da entrada. Depois de mais ou menos uma hora, quando o universitário consegue entrar no RU, ainda tem outra fila para pegar a comida. Quando o sujeito finalmente vê a comida, ele já está tão faminto que consegue comer até pedra se colocar no prato.

Restaurante Universitário de Caruaru[editar]

Em março de 2017, conforme promessa de campanha, o magnífico reitor Anísio Brasileiro inaugurou o Restaurante Universitário (RU) de Caruaru, que fornecerá inicialmente 1.500 almoços e outros tantos jantares gratuitos para bolsistas de assistência estudantil (níveis 3 e 4), mais conhecidos como a comunidade universitária caruaruense carente, a CU-CC; os demais estudantes e integrantes da comunidade acadêmica poderão utilizar o restaurante pagando o preço integral de dois centavos e meio.

Esteve também presente ao ato pró-reitores e funcionários puxa-sacos, juntamente com otoridades locais. No rega-bofe de inauguração foi servido o tradicional jabá com farinha seca, regado com a autêntica pitú. Quis o magnífico ainda salientar que está em adiantado estado de decomposição a conversão do Campus de Caruaru na Universidade Federal do Agreste, a UFA.

Com área total de 833,3333 m², o RU da UFA terá 280 tamboretes disponíveis aos usuários, todos adquiridos de artesãos da feira de Caruaru. A divisão das refeições foi planejada a partir da demanda por horário. O RU da UFA também será um local para integrar as pessoas através de atividades paralelas, ou seja, será um ponto de encontro para atividades típicas do interior de Pernambuco como dormir em rede e dançar xaxado, para os estudantes oriundos de Recife será franqueado que dancem o frevo. O RU funcionará de segunda a sexta-feira, das 11h às 14h, para o almoço, e das 17h30 às 20h30, para o jantar. Para as atividades atividades paralelas utilizar-se-ão os outros horários.

Biblioteca Central[editar]

Local onde foi filmado "O nome da rosa". O shangrilá das bactérias e fungos, a biblioteca abriga exemplares tão antigos quanto aqueles que se esfarelavam na mão em "A máquina do tempo". Contra-indicada para portadores de pulmões.

Originalmente, a Biblioteca central (BC) continha praticamente todos os livros da UFPE, porém, por volta de 1993 foi saqueada pelas bibliotecas setoriais e perdeu suas principais obras acadêmicas, ficando apenas com publicações que não interessavam a seu ninguém. Consequentemente perdeu sua clientela, caiu no marasmo, parte dos funcionários pediu para sair, parte se aposentou ou morreu, e lá se encontram como múmias. Hoje, como não houve reposição de pessoal, seu imenso prédio é um museusão abandonado às baratas e traças, mas, ainda tem a utilidade de servir de ponto de referência ou de encontro, ou para aqueles que gostam de ouvir o eco de sua voz.

Apesar dos pesares, a BC é um lugar para saudosistas, lá se encontram guardados livros ultrapassados, documentos sem valor, e outras publicações alternativas como papiros, tabletes gravados e manuscritos variados, como também exemplares de placas de argila com escrita cuneiforme do assírio Assurbanípal do século VII A.C.

Lema atual: "Biblioteca Central, babau."

Editora Universitária[editar]

Particularmente nunca vi um livro publicado por ela. Deve ser mais uma das subdivisões que gastam todo o dinheiro do CNPq. Quer dizer, tem um tal de atlas de citologia do senhor e senhora Padovan (papai smurf e He-man, respectivamente) que e publicado pela editora e é vendido a 25 reais no HE, álém de dois livros da Semana de Arte e Cultura.

Hospital das Clínicas[editar]

Um hospital que, apesar de público, tem promoção: entre com uma doença e saia com duas! Vá visitar e acabe internado!

TV Universitária- TVU[editar]

Localizada bem longe do campus, para que ninguém a veja, a TVU não tem nada de universitária. Já teve um programa de música brega (Marcos Silva- Mega Sábado) e hoje se contenta em repassar a programação da TV Cultura/ SP. Criada na época que ninguém tinha TV em casa, a TVU foi pioneira no estado e apresentava programas de alto nível, mas nenhum deles universitário. Hoje, com TV em qualquer esquina, a TVU não produz quase nada. Seus únicos programas próprios são "Samir Abou Hana - O secretário da Cidade", o maior talk-show da TV pernambucana de Pernambuco, o "Curta Pernambuco", que exibe a maravilhosa produção da cena cinematográfica bilionária recifense e o programa "Cabeça de Área", com a turma de Educação Física e apresentado pelo prof. Edilson Fernandes.

Centro de Informática[editar]

Residência dos virgens, jogadores de RPG, garotos de programa e pessoas sem vida em geral. Fundado na parceria Lúcifer/Clylton/Silvio Meira em 42 a.C., os 2 últimos arregaram. O centro de informática possui estrutura física agradabilíssima dispondo de praça-de-alimentação-faça-você-mesmo, copinhos de café pra matar a sede, sala de desconvivência, aquário sem peixes e computadores (ORLY?) pra sugar a alma dos alunos na véspera da entrega das listas de algoritmos. Há quem diga já ter visto mulheres no centro, fato que é desmentido pelos veteranos.

Cquote1.png Nunca vi nem comi, eu só ouço falar Cquote2.png
Aluno do CIn sobre pepeca
Cquote1.png Desliga o monitor Cquote2.png
Professor Sérgio mostrando que POG não se faz com aba do facebook aberta
Cquote1.png Não vai blocar ninguém!! Cquote2.png
Capitão Nascimento sobre pagar as 3 infra-estruturas
Cquote1.png É mais fácil do que bater em cego Cquote2.png
Ruy sobre qualquer coisa
Cquote1.png Só que no claro! Porque no escuro é pau a pau. Cquote2.png
Ruy complementando a frase acima inesperadamente
Cquote1.png Mas isso é trivial... Cquote2.png
Professor Silvio Melo sobre Algebra
Cquote1.png Entretanto nós veremos isso com mais... tarimba Cquote2.png
Professor Silvio Melo ainda sobre Algebra

Centro Acadêmico do Agreste[editar]

Situa-se no Sítio do Pica-Pau Mole, na zona rural de Toritama, há 852km de Caruaru. Apesar de 98% dos estudantes serem naturais de recife e os 2% que entraram pelo sistema de cotas, Caruaru se orgulha de ter (ou não) uma Universidade Federal. Já recebeu visitas de celebridades como o presidente Lula e a cantora Preta Gil. Abriga em suas instalações os cursos de Pedreiro, Gerente de loja, Caixa de banco, Maconheiro "malamanhado", Professor de maternal, Professor de cursinho e, mais recentemente, curso pra fazer aquelas coisas em linha de produção de fabrico de modinha. Tem como personalidade o professor Valença, com o título de recordista mundial em reprovação por metro quadrado, a Tia da barraca que vende lanche barato e cachaça na porteira da universidade. Lá também existe o CU (cantina universitária) com lanches tão caros, que os alunos preferem a Tia da barraca. No já citado CU funciona um cassino clandestino formado principalmente por alunos do curso de pedreiro onde são disponibilizados os jogos de strip poker,relancinho(jogo onde as pessoas se relam uma nas outras) e dominó, mas só os mais ricos(classe média)alunos do caa(casa de apoio do agreste)podem desfrutar dos prazeres que os jogos de azar propõem, pois as fichas de poker tem o valor altíssimo de 5 centavos e há mesas onde esse valor exorbitante chega a dez centavos, já pra entrar na brincadeira do relancinho é preciso pagar 25 centavos por rodada...preço por rodada de dominó não disponibilizado(acho que eles apostam o cú como um certo aluno baixinho do curso de pedreiro)...

Histórico[editar]

  • 7852 a.C. - É fundada por tribos nômades do Engenho do Meio interior que fugiam de Marco Maciel e se refugiaram no pântano.
  • 7851 a.C. - Jack Bauer e Chuck Norris fundam o Departamento de Física da UFPE.
  • 7848 a.C. - São iniciadas as obras de construção do Restaurante Universitário.
  • 7838 a.C. - Lúcifer - Satanás - Cria a Área II, e deixa por lá alguns dominós e sinucas, além de Assunção, para dificultar ainda mais a saída de quem lá chega.5
  • 6500 a.C. - Dercy Gonçalves estreia no Teatro da UFPE contracenando na peça "A Bela e a Fera" com Woody Allen, mas os registros de quem fazia qual papel se perderam devido a um suicida do CFCH revoltado.
  • 5850 a.C. - São concluídas as obras de construção do Restaurante Universitário.
  • 4200 a.C. - A reitoria comemora a milésima reforma dos jardins da Federal.
  • 4198 a.C. - Abertura da [Casa-Grande] Faculdade de Geografia no sexto andar do CFCH, suas marcas resistem até hoje.
  • 2865 a.C. - É inaugurado o Restaurante Universitário.
  • 2864 a.C. - É desativado o Restaurante Universitário.
  • 1500 a.C. - Ariano Suassuna dá a sua primeira palestra, digo, aula-show. Não... Aula-show não, porque isso é coisa de americano. Aula-espetáculo.
  • 68 a.C. - A Reitoria é ocupada pelos estudantes em protesto contra a desativação do Restaurante Universitário. A mobilização ganha peso e é apoiada amplamente pela classe trabalhadora. Barricadas são montadas. O movimento fica conhecido como o maio holandês.
  • 750 d.C. - Ruth Lemos se forma em Nutrição com ênfase em psico-pedagogia da nutrição com habilitação em sistemas de informação e marketing. Logo após ela fez uma pós-graduação Lato Sensu em gestão de Sistemas de gestão de negócios com MBA em relações públicas e gerenciamentos de Redes Wi-Fi de Aeroportos.
  • 754 d.C. - Ruth Lemos faz doutorado Sandwichh ich-ich-ich na Universidade de Hamburger
  • 1068 d.C. - A polícia chega para responder ao chamado da Reitoria contra a invasão dos estudantes insurgentes.
  • 1124 d.C. - A Reitoria participa da inauguração da Colônia Penal Feminina Casa da Estudante Feminina.
  • 1500 d.C. - O mega-empresário Belloto Belloto investe na área, inaugurando uma filial de sua cadeia alimentícia nos arredores da universidade.
  • 1627 d.C. - Após a Revolução da Sacissa, Cida, a loira, toma toda a rede do empresário Belloto, passando a comandar o setor alimentício.
  • 1788 d.C. - É inaugurada a rede de restaurantes McPato's em todas as faculdades da UFPE. O diretor da rede, no dia da inauguração, revelou à TVU o prato principal, um tanto quanto enigmático, do novo faz-te-fode universitário: "RU de CO é pomba-rola".
  • 1945 d.c.- mulher gato,o t-rex, oleg kaolho(prof. de harry potter no quarto livro) e bob marley criam o CCB, cheio de plantas e felinos,4 laboratórios de artes contra a magia das trevas, e um jurassic park, chamado depto. de zoologia
  • 1945 d.C. - No fim da segunda guerra mundial, Hitler viaja da Alemanha para o recife e se suicida pulando do CFCH.
  • 1946 d.C. - O atual reitor faz um pacto com o criador da área II (Satanás) e trás, diretamente do inferno, Eronides, professor de física, e seu bigode escroto.
  • 1947 d.C. - O Guiness (livro dos recordes) registra o mais novo recorde na categoria "maior número de mulheres gostosas por metro quadrado" no Centro de Ciências da Saúde (CCS).
  • 2015 É acordado a Jailson Mendes o premio nobel da paz por ter acabado todas as guerras dando o cu para todas as nações e tornando o mundo um lugar para todos mais delicioso.
  • 2016 - O ator porno delicioso Jailson Mendes recebeu premio nobel da matematica pelas suas obras no desenvolvimento função latus rectum

Ver também[editar]

Bandeira do Brasil
v d e h
Universidades federais do Brasil

Acre: UFAC · UNIBLAH · UFTSMURF | Alagoas: UFAL | Amapá: UNIFAP | Amazonas: UFAM | Bahia: UFBA · UFRB | Ceará: UFC | Distrito Federal: UnB | Espírito Santo: UFES | Goiás: UFG | Maranhão: UFMA | Mato Grosso: UFMT | Mato Grosso do Sul: UFGD · UFB · UFMS · UFPAN | Minas Gerais: UNIFAL · UNIFEI · UFJF · UFLA · UFMG · UFOP · UFSJ · UFU · UFV · UFTM · UFVJM | Pará: UFPA · UFRA · UFOPA | Paraíba: UFPB · UFCG | Paraná: UFPR · UTFPR | Pernambuco: UFPE · UNIVASF · UFRPE | Piauí: UFPI | Rio de Janeiro: UNIRIO · UFRJ · UFF · UFRRJ · IME | Rio Grande do Norte: UFRN · UFERSA | Rio Grande do Sul: · UFCSPA ·UFRGS · FURG · UNIPAMPA · UFPel · UFSM | Rondônia: UNIR | Roraima: UFRR | Santa Catarina: UFSC | São Paulo: UFSCar · UNIFESP · UFABC · ITA | Sergipe: UFS | Tocantins: UFT