Universidade Norte do Paraná

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Aviso importante: Politicagem aqui NÃO, cazzo!
A Desciclopédia é um site de humor, logo, NINGUÉM aqui se importa com sua opinião sobre a Dilma Rousseff, o Mensalão ou o Marcos Valério. Seja engraçado e não apenas idiota.
Wikisplode.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: Universidade Norte do Paraná.


Cquote1.png Isto non ecziste Cquote2.png
Padre Quevedo sobre a unopar
Cquote1.png Aqui você passa sem fazer vestibular! Cquote2.png
Unopar sobre a unopar
Cquote1.png Você passou em primeiro lugar! Cquote2.png
Recepcionista da Unopar sobre qualquer um
Cquote1.png Pq o brazil tem muitos poblema sociau e o gov n investi em educacao Cquote2.png
Trecho da redação de N.J que passou na Unopar
Cquote1.png O dinheiro investido era meu! Cquote2.png
Tio bila sobre a Unopar
Cquote1.png Que curso tu faz?! Cquote2.png
Garoto perguntando para 432 pessoas diferentes da Unopar
Cquote1.png Educação Física! Cquote2.png
Resposta dos alunos ao garoto
Cquote1.png Eu faço unopar, porque meu curso não tem nada UEL Cquote2.png
Aluno da Unopar para justificar não estar na uel
Cquote1.png A unopar é melhor, tem mais equipamento Cquote2.png
Aluno da Unopar para justificar não estar na uel
Cquote1.png Hoje eu tenho aula de dança de salão Cquote2.png
Aluno de Educação Física conversando com outro aluno de Educação Física

Universidade Norte do Paraná

Universidade Norte do Paraná – Está situada na cidade: “little London” (para os londrinenses), “fazendinha iluminada” (para os curitibanos” ou “onde?” (para você); e também em regiões isoladas nos mapas onde apenas por intervenção divina são capazes de ser encontradas. A Universidade Norte do Paraná estabelece suas sedes com seus alunos “prodígios” (para os alunos da unopar), “incapazes de passar na uel” (para alunos da uel) em centros com muros de 3 metros de altura para inibir a violência do lado de fora da faculdade, já que facilmente (para não dizer mensalmente) são encontrados corpos escondidos dentro da universidade. Tornando-se em breve um cemitério/universidade.

Histórico[editar]

Criada em meados de 1970, em pleno embalo do movimento estúpido hippie, iniciaram a instituição criando a maior praga da cidade, fazenda iluminada, que é o curso de Educação Física. Onde a cada 10 alunos da unopar 13 fazem educação física; a cada 10 alunos da unopar 9.5 não sabem calcular fração, mas a cada 10 alunos da unopar 18 sabem passos de dança qualquer. Em torno da década de 80, onde Michael Jackson comecará a papar, dançar, cantar com seu sucesso thriller, a nossa querida Unopar com apoio do nosso não menos querido, protetor da bugrada do cincão, “tio Bila”.

Misteriosamente cresce a ponto de se expandir para outras cidades em poucos anos e enquanto os cofres públicos não menos misteriosamente diminuíam. Foi chamados o teólogo, padre, exorcista, ginecologista, urologista, ansião, jedi, e etc. Padre Quevedo para constatar o problema enigmático, onde as más línguas disseram que o dinheiro simplesmente sumia, e o seu verídico foi:

Cquote1.png Isto non ecziste Cquote2.png
Padre Quevedo sobre a unopar

Centros[editar]

Aluno do centro CCBS

Centro de Ciências Biológicas e da Saúde – CCBS

Cursos sediados no centro homicida da unopar, onde o poder aquisitivo é médio. As alunas deste centro, 60% são gostosas rebolando de branco pelos corredores e em salas dissecando corpos dos alunos, quer dizer, dos indigentes mortos e 99% dos homens que estão nesse centro são gays assumidos freqüentadores do teatro Friends.

Neste centro foi encontrado após dias o corpo de uma aluna morta com uma paulada, exatamente, com uma paulada. E dizem que agora ela vive rondando os centros, pelos corredores, pátios. Mas para encontra-lá basta ir ao banheiro masculino (infelizmente ou felizmente, isto é apenas valido para possuidores de pau) e dizer alguns versos escritos na porta de trás do banheiro com o pau de fora e eis que surgira a guria morta a paulada. Dizem as más línguas, que neste centro houveram outros casos de mortos e para não haver qualquer tipo de descoberta da policia, a universidade os fatiou em pedaços e até hoje esta guardado em tanques.

Oficina dos Alunos do CCECA com Srs e Sras.

Centro de Ciências Humanas, Educação, Comunicação e Artes – CCECA

Cursos sediados no centro ao lado do homicida, onde o poder aquisitivo é baixo/alto. Os alunos deste centro são hippies, reggaieros, rastas (sem saber realmente o que isso quer dizer), playboys e as alunas são paty's, reggaeiras e afins (o que é afins?). Neste centro se encontra o maior trafico de ilícitos de toda universidade junta, desde heroína a orégano puro. Onde em aula é permitido sair para fumar um baseado no corredor, desde que ofereça a todos, e voltar. Neste centro também é o possuidor de o maior número de duendes já vistos e também ganha o titulo para o maior possuidor de insetos desde do Aedes Aegypti ao Anopheles de toda a universidade.

Pessoal de ADM indo para à aula.

Centro de Ciências Empresariais e Sociais Aplicadas – CCESA

Este centro é o complexo de superioridade dos alunos, pois estão perto do super,mega,hiper estabelecimento de londrina, o shopping Cattuai (oh oh). Neste centro estão outros cursos que concorrem com o curso de Educação física para o melhor da universidade. E o mais fortes desses é o curso de Administração, também com uma bagagem bem pesada de inutilidades.

Nerd do CCET

Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas – CCET

Neste centro a lendas de contato direto e de alunos abduzidos por extraterrestres, o que pode ser uma grande mentira já que 99% dos alunos são nerds que passam o dia se punhetando em cálculos, então só lhe restam criar histórias inúteis sobre seu centro. Tirando isso não tem muito a ser dito desse centro. Boatos se espalham pelos centros dizendo que eles tem pacto com capeta para aguentar anos sem avistar uma buceta no centro... Este também é o local onde pessoas tem cadernetas pretas dos seus alvos, ou seja, nunca seja estupido com algum et, aluno, de lá.

UNIVERSIDADES DO PARANÁ
v d e h
PR
PR