Västerbotten

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Bandeira da Islandia (1918 e 1944).png Este artigo é GELAAAAAADO!

Mamutes vigiam o artigo, então vá pra casa, coloque um casaco e beba um chocolate-quente. Cuidado com o Yeti e não lute contra Sub-Zero!

Cquote1.png Você quis dizer: Condado de Victoria Silvstedt? Cquote2.png
Google sobre Västerbotten

Västerbotten é um condado sueco nórdico, mais frio que o normal, nem picolé aguenta o frio, é famoso pela produção única de queijos e liderança mundial na venda de fotografias de loiras nuas.

História[editar]

Bandeira de Västerbotten.

A história de Västerbotten é definida em um calendário próprio dividido em a.VS. antes de Victoria Silvstedt e d.VS. depois de Victoria Silvstedt.

Em 1.765 a.VS. o Condado de Västerbotten surgiu após a Guerra Finlandesa dos 345 anos, quando ficou estabelecido para o povo viking o que seria a terra sem graça (Finlândia) e o que seria a terra das loiras (Suécia).

O povo Sami, espécie de esquimós infelizes e suicídas que não conseguiram virar vikings quando cresceram e vivem de pesca nas paisagens gélidas da Lapônia, fizeram o favor de colonizarem a Västerbotten que durante eras foi uma região intocável, inatingível e inexistente.

Somente no ano 0 d.VS, quando a Victoria Silvstedt, a heroína sueca e símbolo de Victoria Silvstedt nasceu em um inverno rigoroso, que Västerbotten pode ser situado no mapa. Desde então várias loiras sensuais de Västerbotten são importadas por outras regiões e o Condado de Västerbotten passa a receber benefícios do governo central sueco.

Economia[editar]

Västerbotten possui os únicos queijos nacionais da Suécia inteira, é feito do leite de focas e elefantes marinhos e possui um característico gosto ruim de azedo.

A principal fonte de renda do condado porém, é a exploração da imagem de Victoria Silvstedt, que só para o governo do condado o torna mais rico que todo o restante da Suécia somado.

Símbolos[editar]

Västerbotten é simbolizado por uma calcinha e uma peruca loira. A neve, a foca e um finlandês morto também representam Västerbotten. Atualmente porém, qualquer foto os flâmula de Victoria Silvstedt representa Västerbotten.