Vestibular

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Vestibulando)
Ir para: navegação, pesquisa
Night creature.JPG
Vestibular surgiu das trevas!!!

E adora assustar criancinhas.

Puro osso.gif


"Este artigo é escolar! "
Professor Gira.png
Professor Raimundo02.png


Estude Vestibular hoje mesmo!
Quem sabe você não recebe uma nota 10 do Professor Linguiça...
Livrobase.jpg
A Desciclopédia possui um livro sobre esse assunto em sua biblioteca: Como passar no vestibular
60px-Bouncywikilogo.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: Vestibular.
Uma pergunta freqüente no ENEM.

Cquote1.pngVocê quis dizer: InfernoCquote2.png
Google sobre Vestibular
Cquote1.pngExperimente também: Holocausto Cquote2.png
Sugestão do Google para Vestibular
Cquote1.png Foi meu plano mais brilhante de me vingar dos adolescentes por eles serem tão chatos Cquote2.png
Deus sobre Vestibular
Cquote1.png Eu não sei purque fazeres o vestibu lá, afinal de contas podes fazer o vestibu aqui Cquote2.png
Português sobre Vestibulá
Cquote1.png Viva a Seleção Natural. Cquote2.png
Charles Darwin sobre vestibular
Cquote1.png Palma, palma... Não priemos cânico!!! Cquote2.png
Chapolin Colorado sobre Vestibular
Cquote1.png Enfia no seu c* Cquote2.png
Menina do Bambu sobre a pergunta: e o x?
Cquote1.png Só sei que nada sei Cquote2.png
Sócrates sobre Vestibular
Cquote1.png Na União Soviética, o vestibular não passa em VOCÊ!! Cquote2.png
Reversal Russa sobre Vestibular
Cquote1.png Axo que paçei pur qui fis uma boa redassão Cquote2.png
Carla Perez sobre Vestibular
Cquote1.png Eu tava dormindo daí minha mãe: "Acorda, acorda, acorda! Você ficou em primeiro!" Cquote2.png
Japonês da Fuvest filho da puta em propaganda de cursinho
Cquote1.png Não quero fazer pressão, MAS VOCÊ TEM QUE PASSAR!!! Cquote2.png
Seu pai sobre Vestibular
Cquote1.png YOU SHALL NOT PASS!!! Cquote2.png
Gandalf sobre Vestibulando
Cquote1.png Ah, que droga! Se eu tivesse acertado uma a mais minha nota teria sido maior! Cquote2.png
Vestibulando dando uma de Capitão Óbvio
Cquote1.png Tirei 9,0 na redacão da UFES! Cquote2.png
Chuck Norris sobre redação da UFES
Cquote1.png A origem da palavra Penal (Estojo) vem do inglês Pen (Caneta) All (Todas). Então significa Todas as canetas, não? Cquote2.png
Vestibulando sobre questão de português do vestibular da UFSC

Vestibular foi a maneira encontrada por Deus para se vingar dos adolescentes (afinal de contas, eles só bebem Smirnoff Ice e fazem sexo se masturbam). Criado com o auxílio de Darwin, o vestibular faz parte da natureza, como processo de seleção natural das espécies mais aptas a permanecerem sentadas estudando. E tenha a certeza de que, a menos que você seja nerd, rico ou principalmente, japonês, vestibular é foda pacarái!

Tabela de conteúdo

[editar] Vestibulando

Raça cada vez mais comum nos dias de hoje, já que adolescentes vagabundos não fazem a menor ideia ou tem a menor preocupação com suas carreiras até o último bimestre do 3º ano do Ensino Médio. Lá, mudam completamente e podem ser separados em dois principais tipos:

1) Nerds sem vida social, que buscam a redenção depois de uma vida totalmente inútil afim de passar em sua carreira sonhada, coisa em que falham miseravelmente apesar de se recusarem a sair com amigos, ter namorada(o) e passarem 95% do tempo falando sobre cursinhos, provas, como foram, quanto precisariam fazer, como se sentem burros, como realmente são burros, etc.

2) Vagabundos completos e assumidos que não vão pra aula, dormem quando vão e ainda passam no bar mais tarde, afirmando que vida de vestibulando é muito difícil e eles precisam de uma folga. Serão menos ainda que os Nerds sem vida, tendo um futuro provável de lixeiro, pipoqueiro, pedreiro, entre outros... O interessante é que na maioria das vezes os dois (o nerd e o vagabundo) não eram assim antes de entrar no cursinho.


Lula falando Latim


[editar] Oração do Vestibulando

Oração criada por adolescentes desesperados para passar no vestibular, pois nessas horas só a fé mesmo para ajudar... O amém pode ser para qualquer Deus (Bunda, Jesus, Maomé, etc.)

Vaga nossa que está na universidade,

Azarado seja o nosso concorrente.

Seja correta a nossa resposta,

Assim na certeza como no chute.

O cursinho nosso de cada dia que pagamos até hoje,

Justificai as nossas despesas,

Assim como nós justificamos as perguntas dissertativas.

E não nos deixe cair nas pegadinhas,

Mas livrai-nos do pau, Amém.

[editar] Alguns trechos de vestibulares

[editar] Física - Fuvest 2010

Alexandre Nardoni acertaria esta questão inteira.

[editar] Literatura Brasileira (Fuvest 2004)

Representação neoclassicista da figura feminina apresentada na obra de MC Serginho. Pintor desconhecido

Texto de instrução

Cquote1.png O jumento e o cavalinho

Eles nunca andão só

Quando sai pra passeá

Levão a eguinha pocotó
Eguinha pocotó (MC Serginho, 2003)



1. Eleita como acompanhante nos passeios dos dois protagonistas a Égua Pocotó rompe a solidão até então predominante no panorama urbano estabelecido. Mais do que um triângulo amoroso que remete ao contexto árcade, o autor atribui aos personagens Jumento e Cavalinho uma posição social que transcende a natureza metafísica convencional. Emerge, então, o caráter feminino no auge de sua autoafirmação como contraponto à promiscuidade. Descreva o papel da Égua Pocotó como elemento de instabilidade no equilíbrio social do início do século XXI.

O papel semântico da Égua Pocotó nos remete à ascensão da mulher no contexto da sociedade brasileira pós-Regime Militar, onde aquela representa a maior parcela da população absoluta brasileira. Ao duelar pelo amor da Égua, causando a instabilidade social comentada na questão, o Jumento e o Cavalinho demonstram que a mulher, então valorizada neste novo contexto, exige maiores esforços dos personagens masculinos, levando-nos a uma comparação do pocotoísmo ao Classicismo, num resgate dos valores greco-romanos.


2. O contexto adotado pelo autor do texto leva o leitor a uma reflexão crítica acerca de alguns elementos do estilo literário da época, ao mesmo tempo em que insere temáticas dotadas de valor universal. Assinale a passagem em que o autor expressa com maior intensidade tal dualismo. Identifique a figura de linguagem adotada.

"Levão a Égua Pocotó"; A figura de linguagem utilizada por Serginho é a onomatopeia. Tal figura de harmonia é empregada no nome da protagonista, visto que ao cavalgar a Égua faz um dado som, imitado por outro som, sendo este o nome da Égua.


3. Ao idealizar em um mesmo patamar personagens que até o momento só haviam sido tratados com devida separação de classes, o autor insere o Jumento e o Cavalinho como uma alegoria da realidade social do país na época. O brilhantismo dessa visão crítica é destacado por expressões que para um leitor menos atento podem parecer erros gramaticais, mas que na verdade geraram uma nova aplicabilidade da língua portuguesa. Identifique estes trechos e as inovações gramaticais por eles introduzidos e Justifique sua resposta.

Tal texto, por ser uma canção, muitas vezes pode exigir uma linguagem mais informal, permitindo o entendimento de todos que o leem. No caso de "Eguinha Pocotó", a linguagem informal é empregada na grafia de palavras com o mesmo som, mas com valores gramaticais diferentes. Tal erro proposital é empregado no texto em dois verbos da terceira pessoa do plural no presente do indicativo, "andam" e "levam", sendo as últimas sílabas trocadas por "ão", para uma melhor sonoridade da canção.


4. O texto de MC Serginho, precursor do movimento literário-cultural denominado pocotoísmo, propõe uma nova métrica e abordagem ao texto poético. Alguns críticos da época chegaram a compará-lo à "pedra no caminho" de Drummond, um poeta de menor importância no século XX, injustiça revertida mais tarde com a identificação da sua efetiva quebra de paradigma literário. Compare o estilo da obra de MC Serginho com os autores clássicos do século XX e justifique a relevância de sua obra."

A obra de MC Serginho vem carregada do mesmo escândalo dos autores da primeira fase do modernismo brasileiro. Causa tal espanto na sociedade brasileira, principalmente à oligarquia dominante, por representar um movimento que tenta resgatar os valores populares dos principais centros urbanos brasileiros, como o pansexualismo, o relacionamento aberto e a promiscuidade.


5. Caracterize e compare os personagens Jumento e Cavalinho em relação às tensões sociais vividas no Brasil no período pré-Revolta da Vacina. Cite qual modelo de urbanização é inaugurado nessa época, sendo que o mesmo viria ser um futuro palco de MC Serginho.

O personagem Jumento é uma alegoria a um animal muito comum no [[sudeste ]] brasileiro, sendo que assim o Jumento representa alegoricamente os povos oriundos daquele. Bem como o Cavalo trás a ideia do europeu, rico e de pele branca, visto que tal animal é representativo num dos maiores movimentos militares judaico-cristão da história europeia, as Cruzadas. Comparando tais alegorias ao contexto da Revolta da Vacina, os jumentos são aqueles que inauguram o modo de urbanização das periferias montanhosas do Rio de Janeiro, as favelas, após as reformas de caráter elitista no centro daquele no governo de Pereira Passos. Sendo assim, o centro da cidade, em disputa entre o Jumento e o Cavalo, pode ser representado pela Égua.


6. A alegoria representada na obra de MC Serginho nos remete a um mimetismo do Humanismo português. Em tal poema os personagens não carregam valor individual, mas representam uma personificação de ideias e instituições, sendo assim, generalizações representativas. Compare o poema pocotoísta a uma obra vicentina.

O poema pocotoísta pode ser comparado ao "O auto da barca do inferno", peça teatral de Gil Vicente. Podemos observar alegorias que representam classes sociais ou instituições nas duas obras, e o conflito dessas duas por interesse comum. Em "Eguinha Pocotó" o interesse é a própria égua, e no "Auto da Barca do Inferno" seria a barca do Anjo, que leva as almas para o paraíso.


Cquote1.png Vai tomar no CU!! Cquote2.png
Aluno sobre Questões acima

Cquote1.png EBA! Essa eu sei! Cquote2.png
MC Serginho sobre Questões acima

[editar] Literatura e Interpretação de Texto (Universidade Acreana - 2069)

Texto de Instrução

Autoria desconhecida

1. Analisando os elementos gráficos, os assuntos abordados, a sátira, a ironia, o humor e a crítica da charge ao lado, assinale a alternativa correta:

a) Se observarmos bem, podemos notar que, apesar da condição miserável do protagonista, seu sorriso demonstra que ainda é uma pessoa feliz, mesmo com todas as dificuldades do mundo atual globalizado monopolizador que só faz aumentar a desigualdade social.

b) O assunto em questão deveria ser tratado com mais responsabilidade e seriedade, visto que é motivo de sofrimento para milhares de dezenas de unidades de pessoas.

c) Isso tudo é culpa dos partidos financiados pelo grande capital internacional, que ignoram às necessidades do povo e assumem uma política de entreguismo antirrevolucionário. Vote PCO nessas eleições, o único partido fiel as demandas do proletariado.

d) A charge é hilária.

e) A revolução Russa, apesar do nome, ocorreu na África e suas principais conseqüências são sentidas até hoje no Suriname.

Alternativa correta: B

Comentários: Certamente o aluno mais débil escolheria a alternativa "a", visto que analisou somente a parte gráfica da charge, ou seja, o rosto felicíssimo do protagonista. O aluno que votou Rui Costa Pimenta presidente com certeza escolheu a alternativa "c", pois a frase nela contida está impregnada em seu cérebro. Quem escolheu a alternativa "d" está mentindo, pois a charge não tem graça nenhuma. A alternativa "e" não deveria estar aí, pertencia a outra questão e o digitador fez seu trabalho errado (ele será punido). Por último, quem escolheu a alternativa "b" acertou, mas com certeza não sabia o que estava escolhendo.


2. São evidências do brilhantismo da charge:

a) A propriedade comercial da charge, hilariamente denominada Venda do Zeca, é símbolo da vulgaridade e nos faz pensar melhor sobre a situação atual dos comerciantes de botequim de esquina, tão fundamentais na estrutura moderna da sociedade brasileira.

b) O esteriótipo do personagem falante da charge é a figura do malandro que, na charge, quer enganar o batalhador João, dono da venda, pai de 8 filhos. Nós, assíduos leitores, dotados de capacidade de raciocínio, percebemos isso facilmente na charge.

c) A intenção do autor em provocar, em você, leitor, uma onda eletromagnética proveniente da sua gargalhada quando acabou de ler a charge.

d) A ironia na charge é ímpar, fina e bem modelada, propiciando sensações sinestésicas no leitor. O autor certamente teve um orgasmo após acabar sua mais que excelente obra.

e) Viemos, através desta questão, comunicar ao leitor que não adianta mais você responder às questões propostas. Chuck Norris acabou sua prova e ocupou todas as vagas de todos os cursos. Boa sorte e até ano que vem.

Alternativa correta: E

Comentários: O candidato que escolheu a alternativa "a" está errado, pois a charge não tem graça nenhuma. Quem escolheu a alternativa "b" possui problemas visuais, pois o dono do estabelecimento da charge se chama Zeca. A letra "c" está errada pois a charge não causa gargalhadas, pois ela não tem graça nenhuma. A letra "d" é incorreta pois o autor não teve orgasmo algum, porque ele era emo e foi assassinado cinco minutos depois do término de sua obra por uma bala perdida chutada pelo mito, quer dizer, Obina. Logo, a alternativa "e" é a correta, pois Chuck Norris ocupou as vagas de todos os nossos cursos esse ano. Ano que vem teremos cotas para negros, albinos, índios, emos, Samuel Silva, Carla Perez, praticantes do cheiramento de gatinhos, Jeremias, traidores do movimento punk, Lula, fãs de Ciro Bottini, otakus, entre outros, então, você precisará de sorte. Ou Não.


Cursinho pré-vestibular.


[editar] Conhecimentos Gerais (Unicamp)

1. Três venerandas senhoras estão a conversar.

A primeira: Sou a mãe de Bill Clinton. Eu o criei com leite de búfala. Por causa disso é que ele fez tanto por nosso país e pelo mundo.

A segunda: Sou a mãe de Gorbachev e o criei com leite de ursa. Por isso ele é forte, inteligente e fez tanto pelo mundo.

A terceira: Eu criei meu filho com leite de magnésia. Por isso, ele não pára de fazer merda. Eu sou a mãe de:

Marque a alternativa verdadeira:

a) Tony Blair

b) FHC

c) Lula

d) George W. Bush

Alternativa correta: D

Comentários: Questão difícil, a qual demanda um pouco mais de raciocínio por parte do candidato. Em um primeiro momento, o aluno comprometido com as lutas sociais contra o capitalismo massificado pós-neo-liberal do século XXI acreditaria ser a reposta B a correta. Já o besta aluno descerebrado submetido a trepotomia pós-lobectomizda do córtex pré-frontal pela Globo, acreditaria se tratar da alteranativa C, já que em 2008, o PFL e o PSDB entregaram a propina mensal para a Globo falar mal do PT. Por fim, o aluno antenado, atento à mais nova gramática da língua portuguesa, instituída pelos companheiros da suprema corte da Língua Portuguesa Internacional(LPI), saberia que existe apenas o Magnésio e não Magnésia. Ficando evidente, assim, que a senhora autora da frase é ignorante, embora possua dinheiro para comprar magnésio e adicioná-lo ao leite, tratando-se obviamente de uma mulher que já nasceu em uma banheira de dinheiro, mas não sabe escolher as coisas certas. Fica evidente então se tratar da mãe do ex-presidente norte-americano George W. Bush, alternativa D.


2.Considere um verbo transitivo direto em movimento retilíneo uniforme num plano inclinado de 311 graus e 45 minutos. Sabendo-se que em relação ao solo esse plano é cartesiano, com heterozigotos e gametas Aa Bb com 21 genes no cromossomo 47, e que graças ao teorema da intertextualidade, tal movimento tem início no primeiro reinado a 373 K, possui base pseudo-pteridofita, e finaliza cortando a bissetriz do ângulo reto no carbono terciário sem fenótipo definido, então:

a) Oração subordinada pitagórica reduzida do tetraedro regular. b) Esparta não era uma cidade Estado. c) To be or not to be. d) Metonímia hiperbolizada no período tropical úmido.

Alternativa correta: A

Comentários: Questão média a difícil, que demanda atenção do aluno em relacionar o que foi dito na pergunta e na resposta. To be or not to be é a famosa frase do escritor inglês Milk Shake Espere, sendo que em sua época, não se estudava sobre planos inclinados com ângulos superiores a 300 graus, o que deixa a alternativa C incorreta. Na questão, o movimento do verbo transitivo direto citado tem início no primeiro reinado de 373 K, sendo que a forma política de SSSSPAAAAARTAAAAAA!!!! era a democracia-oligárquica-militarista-machista-escravista, e não um reinado, para você, que matou aula de História, o que deixa a alternativa B errada também. Segundo a Murphydinâmica Quântica, não pode existir verbos transitivos diretos em planos inclinados em uma região de clima Tropical Úmido, pois eles colapsam sobre tua cabeça, além de também não haver nenhum exagero de significado nem no plano inclinado, nem no verbo transitivo direto, logo não há nenhuma hiperbolização, logo a alternativa D também não possui lógica. Através de eliminação, chegamos a resposta como alternativa A.

[editar] Matemática (Universidade Baladeiros)

1.Uma latinha de 600ml de cerveja, com teor alcoolico de 4%, na Vila Olímpia custa R$5,00. Um copo de vodka de 300ml custa R$ 12,50 e tem teor alcoolico de 45%. Para não misturar as bebidas, um baladeiro pretende ficar chapado com o menor custo possível. Lembrando que há 7 litros de sangue em seu corpo, 18 pontos em sua carteira de motorista e uma capacidade de absorção álcoolica de 75% Qual bebida e em que quantidade o baladeiro deve ingerir? Justifique sua resposta.

O baladeiro não deve se preocupar - Basta levar 100 reais para a festa: Ele reserva 50 reais para subornar o guarda na blitz da fiscalização e o dinheiro restante pode comprar ou 10 latinhas de cerveja ou 4 garrafas de vodka - Neste caso é preferível consumir a vodka, pois irá proporcionar mais álcool a seu corpo.

[editar] Geografia (Universidade Gama Filho - RJ)

Vale do Paraiba.jpg

[editar] Guia moderno do Vestibulando

Confira aqui a carreira que tem tudo para não dar certo, pelo menos com você.

[editar] Ver também

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas