Vianópolis

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Porra! Mais uma cidade que só serve para produzir tijolos para o Distrito Federal Cquote2.png

Vianópolis é mais um município ali naquele limbo entre Goiânia e Brasília. Se você já assistiu aqueles filmes de faroeste já tem uma ideia mais ou menos de como é Vianópolis, um vilarejo pequeno e desconhecido, conhecido apenas pelos seus próprios habitantes.

História[editar]

Uma das principais e mais movimentadas avenidas de Vianópolis.

Desgraça surgiu em 1924, talvez em virtude da construção da Estrada de Ferro de Goiás que interligava Goiás, o Inferno e a Terra do Metal, com o objetivo de dar mais vasão aos carregamentos de soja. Provavelmente alguém chamado Viana viveu por ali, para a cidade hoje ter esse nome esquisito.

Em 1926 por algum milagre do destino, a energia elétrica chega em Vianópolis, o que foi fundamental para o povoado se tornar uma das mais influentes de sua região, afinal nas redondezas há cidades que até hoje não receberam energia elétrica, o que transforma Vianópolis no polo da sua região.

Em 1948 já era um município. Tinha tudo para ser uma grande bosta, mas como construíram Brasília ali por perto em 1960, Vianópolis ficou só uma bostinha mesmo.

Atualmente alimenta grande rivalidade com Silvânia na disputa sobre qual cidade é a pior daquela zona do limbo entre Brasília e Goiânia.

Subdivisões[editar]

Bairros[editar]

Centro - Onde ficam quase todas as lojas da cidade. Mercados, 100 lojas de 10 reais, lan houses, algumas casas, mais lojas de 10 reais, padarias, pamonharias, mais lojas. É na avenida principal do Bairro Centro que se gasta mais piche pra tapar os buracos feitos pela água da chuva, vinda do Bairro Michelle. Tem também uma praça, farmácia, bar, banco. A praça é a única atração de lazer da cidade.

Michelle - Onde você encontra várias casas dos 'americanos' (um povo que não sei por qual motivo saiu dos EUA e foi parar ali), mais casas, lojas, uma escola e mais casas.

São José - Apelidado por muitos moradores como 'cerrado', é um bairro sem asfalto e que por ser bastante distante da cidade o povo pensa que já está no Esmeril.

ão Vicente - Também apelidado de 'cerrado', é o mesmo que o Bairro São José.

Setor Santos Dummont -Aapelidado de 'Setô das Manção', ali ficam várias casas de ricos e ricos e ricos, onde você nunca vê ninguém na porta da casa. O asfalto é todo esburacado, resultado da água da chuva que vem do Bairro Centro que vem da água da chuva do Bairro Michelle.

Economia[editar]

Como Vianópolis é uma cidade goiana e nada mais, a sua economia precisa ser apenas uma coisa: Plantação de soja e indústria de tijolo. Então se o cidadão não ganhar o carguinho na prefeitura, não abrir o boteco ou não virar padre, a única opção é ir pra roça cuidar de soja ou ir pra fábrica fazer tijolo.

Turismo[editar]

Desculpe, não foi encontrado nenhuma atração de turismo na cidade. Só a Praça 19 de Agosto, que é apenas uma praça. Então o turismo traz R$0,50 reais para esta cidade.

Lazer[editar]

O passatempo predileto das pessoas viventes dessa corrutela é cuidar da vida de outros moradores. Senhoras, damas da sociedade, empresárias, velhas e piriguetes gastam quase todo seu dinheiro em ligações exclusivamente para fofocar, cuidar e se preocupar com a vida das outras pessoas. Fofoqueiras de primeira, gostam de falar quem está traindo, quem está usando "tóxicos", quem bebe até cair. Vianópolis é famosa por ter os moradores mais bem informados da vida dos outros do Brasil.

Na praça central há ainda muitas coisas para fazer, como ir nas farmácias que lá existem, visitar a funerária e depois sentar no banco da praça para falar da vida dos outros.