Vikesland

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Königreich Vikesland
Kingdom of Vikesland
Vikingsland
Bandeira
Brasão
Bandeira Brasão
Lema: Liberdade, Igualdade, Anschluss
Hino nacional: Hidromel

Localização de Vikingsland

Capital Brandon Fraser
Cidade mais populosa Brandon Fraser
Língua inglês britânico e alemão
Religião oficial Catolicismo
Governo monarquia absolutista
 - Quem manda Christopher I
Heróis Nacionais Otto von Bismarck e Adolf Hitler
Área  
 - Total 6,5 m² km² 
 - Água (%) 0,65
 
População 26 
 
 
Moeda Coroa vikeslandesa


Vikesland é uma nação de faz de conta muito legal no sul do Canadá com o norte dos Estados Unidos. O reino pode ser considerado o sucessor do Império Alemão não só pela bandeira parecida, mas também por ter sido fundado por um gordão branquelo com mania de grandeza.

Também foi a primeira micronação a patrocinar uma viagem espacial.

História[editar]

Desenho do Rei feito por uma criança fã dele. Ops, a criança é ele... foi mal...

O reino de Vikesland surgiu por meio de Christopher Barry Joseph Baguette, um franco-canadense gordão que ganhava um salário de merda trampando de cameraman pra TV Colosso no Canadá. Desde pequeno (na verdade ele sempre foi uma bola) Christopher sabia que estava destinado a se tornar um grande monarca. Suas suspeitas foram confirmadas em 2005, quando Chris foi visitado em sonho por Otto von Bismarck que informou a ele de seu 0,000005% de sangue kraut e deu a ele a missão de restaurar o Império Alemão. Chris logo tomou a providência de pegar a bandeira do Segundo Reich, adicionou uma águia bonitinha e anexou o próprio rancho na divisa com os EUA. Chris foi coroado Christopher I, Sua Alteza Real. Era o início do Novo Império Fritz.

Desde então apesar de nunca ter aparecido em nenhum programa de tv famoso ou arrumado treta com a coroa britânica, Vikesland vem sendo uma das figuras mais ativas da comunidade micronacional, principalmente no que se refere às relações com seu maior aliado, a Molossia, no que planejam ser a futura anexação dos Estados Unidos. Só que a audácia de Vikesland não para por aí: 2008 foi um marco histórico no universo micronacional com o mundo testemunhando Vikesland lançar um foguete ao espaço sideral... bem, na verdade foi só um adesivo com a bandeira vikeslandesa colada na asa do foguete particular de algum ricaço, mas se tratando de micronações, já é um sucesso.

Política[editar]

De acordo com a família real local, Vikesland consiste num reino não-secessionista, ou seja, ao contrário das outras micronações que são fundadas pra fugir daquele costume chato de ter que pagar impostos, o governo vikeslandês é humilde e pretende não entrar em treta contra a poderosa e intimidante polícia montada canadense.

Símbolos Nacionais[editar]

A bandeira vikeslandesa é quase chupinhada igual a bandeira do Segundo Reich, só que com um passarinho branco no estilo do urubu de duas cabeças europeu em referência a Smirnoff, drink favorito do rei Christopher I e bebida nacional obrigatória vikeslandesa.

Sealand fortress.jpg
Micronações do mundo
v d e h

Aeterna Lucina | Aramoana | Celestia | Domínio de Melchizedek | Elleore | EnenKio | Flórida Ocidental Britânica | Forvik | Frestonia | Grão-Ducado de Avram | Hay-on-Wye | Hutt River | Ilha Rosa | Império Aericano | Império Atlantium | Império Copeman | Império Romanov | Kugelmugel | Ladonia | Liberland | Marlborough | Minerva | Molossia | Navio Atlantis | Nova Utopia | País Global da Paz Mundial | Perloja | Rainbow Creek | Redonda | Reino do Amor | Reino Gay e Lésbico das Ilhas do Mar de Coral | Reino da Humanidade | Reino de Outro Mundo | República da Concha | República de Morac-Songhrati-Meads | República Socialista de Bjorn | Reunião | Rockall | Saugeais | Sealand | Seborga | Sudão do Norte | Talossa | Vaticano | Vikesland | Westarctica | Whangamomona