WataMote

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Esta página se adequa à Nova Política de Conteúdo Sexual.
Conteúdo impróprio para menores de 18 anos! Tirem as crianças da sala! Este artigo tem conteúdo impróprio para menores!
Este artigo pode conter pornografia pesada ou leve. De preferência, leia-o de olhos fechados...

Se ele estiver cometendo uma infração à Política de Conteúdo Sexual, por favor, reporte à moderação.
Watashi ga Motenai no wa Dō Kangaetemo Omaera ga Warui! (WataMote)
私がモテないのはどう考えてもお前らが悪い!
Watamote-05.png
Kawaii, não?
Gênero Shounen, Comédia, Slice of Life e talvez Hentai
Mangá
Autor Nico Tanigawa
Divulgação Square Enix
Onde sai Nas bancas
Primeira publicação 2011
N° de volumes 8 e sem pressa de terminar
Anime
Dirigido por Shin Ōnuma
Estúdio Silver Link
Onde passa Japão, sua casa
Primeira exibição 2013
N° de episódios 12
Filmes Nenhum
OVAs 1

Cquote1.png Você quis dizer: WataShit Cquote2.png
Google sobre WataMote

Watashi ga Motenai no wa Dō Kangaetemo Omaera ga Warui!, abreviado para WataMote para você não perder tempo decorando e escrevendo esse texto enorme (tradução: A culpa de eu ser impopular é de vocês, não minha) é NHK ni Youkoso feito para atingir o público alvo da tua irmã mais nova.

O mangá que virou anime mostra o cotidiano de Tomoko Kuroki, uma fujoshi solitária que não tem amigos e que tenta de todas as formas ser popular, mas sempre acaba falhando. Parece familiar?

A Internet, principalmente os otakus falhos do 4chan, se apaixonaram pela Tomoko, por terem se identificado com ela, já que ela é praticamente um otaku falho e solitário no corpo de uma loli. Por causa disso, o mangá se tornou tão popular que abriu espaço para uma adaptação em anime e mais tarde, um OVA sem graça de 30 minutos.

Sinopse[editar]

Spoiler5.JPG
Atenção! O texto abaixo pode conter (ou não) um ou mais spoilers.
Ou seja, além de deixar o artigo com mais pressão aerodinâmica nas retas e mais estável nas curvas de alta, ele pode revelar, por exemplo, que Riquinho é rico, ou que Shevchenko erra o pênalti e o Liverpool é campeão.
Spoiler3.jpg

Tomoko se preparando para tocar uma.

Tomoko achou que ela, magicamente, iria se tornar popular ao entrar no ensino médio. Ela já treinou bastante suas habilidades sociais... Em jogos de otome, sem falar que no fundamental ela era muito popular, por exemplo, uma vez um moleque pegou a borracha dela que caiu no chão. Então, como podem ver, Tomoko tem extrema presença em ambientes públicos, sem falar que os garotos caem aos seus pés.

Infelizmente, as coisas não saíram exatamente como Tomoko queria no ensino médio... De fato, é totalmente o oposto, já que ela acabou sozinha, isolada, sem amigos e outros termos que são usados para definir antissociais. Já que Tomoko finalmente se deu conta de que ela é uma fracassada impopular, ela decidiu, finalmente, dar uma boa olhada em si mesma (e quase vomitou ao se ver no espelho) para tentar mudas as coisas. Só que seus esforços foram em vão já que ela acabou falhando e se humilhando várias vezes, contribuindo para um trauma que vai causar síndrome do pânico nela no futuro.

O anime mostra a Tomoko falhando em se tornar popular do primeiro até o último episódio. No final, ela demonstra aceitar que é uma fracassada nojenta e solitária que nunca vai mudar, e aprende a ser feliz assim (você deveria fazer isso também, apenas um conselho, não vá se iludir achando que um dia vai perder a virgindade sem ser com puta).

Personagens[editar]

PORRA, cadê as minhas garotas fofas de anime? Isso é mais nojento que Ren & Stimpy!
Uma das coisas que Tomoko fez para tentar ser popular.
Tomoko Kuroki
É uma garota desesperada, solitária e desligada que tenta ser popular. Além disso, ela também é pervertida e já teve teve 50 anos de experiência em encontros com cerca de 100 garotos... no mundo dos jogos para garotas. Ela tem somente 15 anos e está no Ensino Médio. Possui a característica de ter olheiras enormes de tantas horas de jogos e noites em claro. Tomoko é a típica garota otaku que bate siririca para desenhos chinês e é exatamente por isso que ela não consegue ter amigos e principalmente um namorado. Por isso, Tomoko apela para o incesto e relacionamento lésbico mas ela é tão estranha que nem seu irmão e amiga a querem.
Tomoki Kuroki
O irmão da Tomoko Kuroki. Ela vai até ele às vezes para tentar seduzi-lo pedir conselhos. Talvez seja tão parecido com a irmã no comportamento, pois ambos têm olheiras enormes, dignas de zumbis. Apesar de não aparentar, Tomoki é mais novo que Tomoko, e eles eram muito chegados quando crianças, mas daí o Tomoki cresceu e notou a falha de irmã que ele tem e resolveu pular fora.
Yuu
A única grande amiga de Tomoko Kuroki. Elas têm gostos em comum, apesar de não parecer no visual, que lembra de uma garota educada e estudiosa. Yuu é constantemente assediada por Tomoko por causa de seus enormes seios e sua bunda empinada. Elas têm uma relação bastante aberta, quando Yuu têm dúvidas sobre que roupa íntima comprar, pede conselhos à Tomoko, que por sua vez, se tiver aprovado responde dizendo que está de pau duro um simples sim (isto é, ela ficou molhadinha). Yuu admira Tomoko, isso porque desconhece o fracasso que ela é.
Kii
Prima de Tomoko e estudante do ensino fundamental. Perdeu sua inocência após ir à casa de sua prima que contou suas aventuras sexuais que não existem para ela.
Hahaoya Kuroki
A mãe de Tomoko e Tomoki, e também uma das poucas pessoas com quem Tomoko consegue falar sem gaguejar e ter ataques de pânico. Ela já deu um cacete na Tomoko quando a mesma quis inventar de se marcar com o aspirador de pó para parecer que foi chupada pelo namorado inexistente para impressionar a priminha Kii.
Kosaka
É um garoto gay cavalheiro e gentil. Ele comprou um guarda-chuva para Tomoko quando notou que a mesma estava sem mas ela não percebeu pois estava no banheiro siriricando. Alguns episódios depois, ambos se reencontram e quando Tomoko descobre o que ele havia feito, num ataque por algum garoto ter dado atenção a ela, passa a considerá-lo seu namorado (é tipo quando aquele gordo virgem que está na friendzone recebe um beijo na bochecha e já conta para meio mundo que transou). Um dia, Tomoko o vê com uma garota e fica muito triste por ele ter traído-a, mas descobre que na verdade Kosaka é gay assim trazendo a decepção de ambas as garotas que queriam dar para ele (veja que mulher só quer dar para viado).
Megumi Imae
É a presidente do conselho estudantil e só aparece nos capítulos finais da série. Para a alegria de Tomoko, Megumi também é lésbica e diferentemente dos outros personagens, se importa com a protagonista (mesmo só a conhecendo de vista). Em um episódio, Megumi, com vergonha de demonstrar seus sentimentos para sua kouhai, se veste em uma fantasia de cachorro e estupra dá uma bexiga para a tão ignorada tábua. Tomoko descobre quem havia dado a bexiga para ela e resolve revelar seus sentimentos para sua senpai, mas assim que a encontra, Megumi sobe a saia pervertidamente e mostra a calcinha para Kuroki para tentar seduzi-la, Tomoko muito envergonhada por sua senpai ter feito aquilo sai correndo deixando a vida a levar. E assim termina essa história.

Estudo[editar]

Tomoko, puta com a sociedade, desceu a faca em todo mundo.

A dúvida que fica: será que WataMote é uma representação fiel da ansiedade, timidez e isolamento social ou a Tomoko só se fode o anime inteiro para fazer você rir (e você, por ser filho da puta, ri da cara da coitada)?

Muitas pessoas sofrem de ansiedade social, alguns casos são mais graves que os outros, mas o da Tomoko é tão grave que desafia a própria gravidade. Ela não consegue olhar para o rosto das pessoas e não consegue falar uma sílaba sem gaguejar mais que o David Brasil. É difícil imaginar alguém que seja tão falho assim (só você mesmo, principalmente quando você vai falar com aquela menina bonita da tua escola que você é otimista demais em pensar que ela vai te dar atenção), por isso, é seguro dizer que o caso da Tomoko é o exagero de algo real, de um problema sério, para mostrar o quanto pode afetar negativamente uma pessoa.

Ou seja, podemos considerar que a situação da Tomoko é uma sátira dos casos de ansiedade, exagerado propositalmente para chamar atenção para um caso social sério que afeta os japoneses. O caso da Tomoko é o estágio inicial que leva àqueles japoneses falhos e otakus a se isolarem e virarem hikikomoris, que são gordões que fracassaram na vida e resolvem se isolar na casa dos pais, sendo sustentados por eles enquanto se masturbam o dia inteiro pra hentai.

Agora, no caso dos Estados Unidos, quem se isola feito a Tomoko geralmente é um psicopata que, em vez de fazer como os gordões hikikomoris que para não incomodar ninguém se isolam e viram um peso morto da sociedade, planejam um plano suicida para matar geral e depois aparecer nas notícias, como o Elliot Rodger fez. Um caso parecido aconteceu no Brasil, com o Wellington Menezes de Oliveira.

Para concluir, as Tomokos do Japão simplesmente se isolam da sociedade, sendo um peso morto, enquanto que as Tomokos do resto do mundo resolvem invadir uma escola ou cinema para matar geral para depois aparecer na TV.

Resumo[editar]

É isso que acontece no anime inteiro.

Ver também[editar]

v d e h
Este artigo fala sobre um anime.