Yesterday and Today

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
A melhor capa dos Beatles, a única que mostrou como a banda é pesada.

Babel fish.gifTraduzindo: Yesterday and Today: Hontem e Oje
Babel Fish sobre Yesterday and Today


Yesterday and Today é uma coletânea, disco oficial ou sei lá o que da banda Os Bizorros. Esse disco nem devia valer merda nenhuma, já que é apenas uma coletânea como outra qualquer feita por gravadoras sugadoras de dinheiro, maaaaaaaaaaaaas graças a um insight fabuloso percebido pelos membros da banda, eles decidiram antecipar as bandas Repulsion, Carcass e Napalm Death em pelo menos uns 25 anos e lançaram o primeiro disco de grindcore da história. Sim, esse disco é de grindcore. Eu não estou brincando. Ah, não é grindcore não? Pow meu, mas com uma capa dessas, eu tinha certeza absoluta que o disco era de grindcore. ... Minha vida inteira foi uma mentira!

As músicas[editar]

O disco na verdade era uma forma preguiçosa dos americanos ouvir os discos Help!, Rubber Soul e Revolver, ou pelo menos uma parte dos três, de uma única vez. Só os americanos faziam isso com os discos dos Beatles, vai saber porque...

Todas as músicas creditadas como o Lennon/McCartney, exceto onde indicado.

OBS: todas as músicas sem querer querendo formam uma história triste que fizeram com o Paul McCartney, quando roubaram o carro dele.

Lado 1

  • "Roubaro meu carro" - 2:30
  • "Tava cochilando" - 3:01
  • "Foi um ninguém ai" - 2:45
  • "Doctor Robert" - 2:15
  • "Ontem" - 2:08
  • "Bem naturalmente" (Morrison-Russel) - 2:33

Lado 2

  • "E seu pássaro riu de mim" - 2:01
  • "Se eu tivesse o que eu preciso" (George Harrison) - 2:24
  • "Ia poder comer o cu dele" - 2:25
  • "Como eu quiser estar" (Lennon-McCartney-Starr) - 2:51
  • "O dia todinho" - 2:50

A belíssima capa[editar]

A arte da capa foi uma ideia vinda de George Harrison. Ele idealizou um ritual ao seu mestre da Meditação Transcedental...