Yoná Magalhães

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikify.png Por favor, alguém arrume este pobre artigo segundo as diretrizes estabelecidas no livro de estilo antes que alguém infarte lendo esse artigo mal formatado...
AVISO: NÃO REMOVA ISSO ANTES DE TER CERTEZA ABSOLUTA QUE O ARTIGO JÁ FOI COMPLETAMENTE "WIKIFICADO", SENÃO VOCÊ PODERÁ SOFRER AS CONSEQUÊNCIAS!
Dica: não sabe como wikificar um artigo? Então leia AGORA o nosso Tutorial Wiki! Ou peça ajuda para os usuários mais experientes...
PoR-Death.gif
Yoná Magalhães já morreu!

E te vigia lá de cima (ou lá de baixo)

Clique aqui pra ver quem te espera no inferno

Yoná pelada aos 50 anos.

Yoná Magalhães Gonçalves Mendes da Costa Araujo Sorrah Viena Amaral Vieira da Silva Pinto Bruno, (Rio de Janeiro, 1 de janeiro de 10.000.000 a.C) é uma múmia brasileira. Yoná começou carreira na tv Abc em 1938, fazendo pequenos papéis e figuração, depois de muito trabalho teve sua pequena chance, e vieram os papéis de puta. Afastada do Rio de Janeiro para morar na Bahia,não abandonou seu trabalho. Em Salvador, com o grupo Putas,Unidas,Jamais serão vencidas, formado por putas virgens e Nerds Gostosas, sob direção de Dercy Gonçalves, participou de grandes clássicos montados na TV ABC. Convidada por AAA, fez muito oral, e o Diabo filmando na Glory Hole. No teatro trabalhou com vários autores gays como: Você , Justin Bieber, Seu Irmão Filho da Puta, porém dedicou-se mais à putaria, onde se encontra à maioria de seus trabalhos.

Yoná jovem tentando fracassadamente seduzir.

Em 1964, voltou ao Rio, estava grávida pela enésima vez, e foi em 2011 que nasceu seu 8868469468346340962464567240974567466669ª vez. À puta recebeu um convite da atriz Nathália Timberg para trabalhar na TV, onde também fez papéis de puta, que foi encenada em filmes pornos. Em seguida, participou das montagens de Terror e Putaria no Terceiro Reich, de Bertolt Brecht, e Os Físicos, de Dürrenmat, antes de criar sua própria Companhia, com a qual encenou Seu primeiro papel sem ser puta.

A popularidade veio, porém em 1966, precisamente em Março, teve 45023 filho, O Mister Sheik de Agadir (1966), Leila Diniz e Marieta Severo foram suas namoradas da novela lhe renderam 51 filhos, A Sombra de Rebecca (1967), O Homem Proibido (1968), A Gata de Vison (1968/1969), quando contracenou com Tarcísio Meira e Geraldo Del Rey, teve 375 filhos e A Ponte dos Suspiros (1969). Com o ator Carlos Alberto, teve 84. Yoná Magalhães foi a primeira atriz puta da Rede Globo. Transferiu-se para a TV Tupi de São Paulo em 1967, junto com Carlos Alberto, que lhe deu mais 67 filhos onde ambos participaram da novela Simplesmente Maria, dirigida por Walter Avancini. Em 1972, de volta à TV Globo, Yoná Magalhães atuou na novela Uma Rosa com Amor, ao lado de Marília Pêra e Paulo Goulart que lhe deram 6854 filhos. Escrita por Vicente Sesso, com a direção de Walter Campos.

No ano seguinte, integrou o elenco de O Semideus (1973),de Janete Clair, sob a direção de Daniel Filho e Walter Avancini. No elenco, Tarcísio Meira, Glória Menezes, Francisco Cuoco, entre outros. que lhe rendeu 6363895 filhos. Em 1974, atuou em Corrida do Ouro, de Lauro César Muniz, que teve a colaboração de Gilberto Braga e a direção de Reynaldo Boury. O elenco le deu 94353 filhos. Em 1975, a atriz participou de duas novelas de sucesso: Cuca Legal, de Marcos Rey, sob a direção de Oswaldo Loureiro, e O Grito, de Jorge Andrade, que foi dirigida por Walter Avancini, Roberto Talma e Gonzaga Blota no elenco das novels rendeu 9995235 filhos. No ano seguinte, Yoná Magalhães integrou o elenco de Saramandaia, de Dias Gomes, dirigida novamente pelo mesmo trio. Yoná participou, ainda, de Espelho Mágico (1977), de Lauro César Muniz, com direção de Daniel Filho, Gonzaga Blota e Marco Aurélio Bagno... Aff! O que importa é que ela tem 8868469468346340962464567240974567466669 filhos e que se foda!