Yucatán

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Yucatán era um estado pertencente ao Império Maia que foi anexado pelo México quando os primeiros faliram. É o estado menos pobre da região, isso só acontece porque umas ruinás maias localizadas em Yucatán ganharam o Concurso das Novas sete maravilhas do mundo numa votação bastante suspeita. Achando que é rico, Yucatán tentou se separar do México, mas fracassou.

Tabela de conteúdo

[editar] História

O brasão de Yucatan. Esse veado saltitante está me parecendo muito estranho...

Na Pré História, os maias, vindos da Guatemala, conseguiram entrar ilegalmente no território mexicano e se estabeleceram em Yucatán. O rei maia, para justificar um enorme desvio de verbas no seu governo, manda construir ruínas cidades com enormes pirâmides copiadas dos egípcios, onde eles realizavam sacrifícios porque os deuses com nomes complicados daqueles caras adoravam ver cenas violentas.

Mesmo quando todo o povo maia desapareceu misteriosamente, provavelmente abduzidos por ETs, ainda haviam maias em Yucatán, já que os aliens acharam muito arriscado entrar na selva que cobria o estado. O restante da população mfoi posteriormente morta pelos deuses, porque não havia mais pessoas a serem sacrificadas e assim eles pararam de fazer as cenas de violência que agradavam aos deuses.

Cidade mais importante de Yucatan sendo engolida pelo matagal.

Os espanhóis chegaram a Yucatán no século seguinte. Sem mais nada de lucrativo para se fazer por lá, os europeus se dedicaram ao contrabando de animais como gatinhos e chupa-cabras; e de ruínas (colecionadores idiotas pagam muito bem por essas velharias). Essas foram as principais atividades econômicas da região por bastante tempo.

Quando Yucatán se tornou independente dos espanhóis, os mexicanos a anexaram, interessados no contrabando de animais feito no estado. Os maias que escaparam do desaparecimento, maioria na região, tentaram se separar dos mexicanos. Porém, como eles eram apenas meia dúzia de rebeldes revoltados, ninguém apoiou os caras, e a independência se tornou um fracasso.

Várias comunidades maias espalhadas pelo estado se revoltaram contra o fracasso e se separaram de Yucatán, como se isso as tornassem mais desenvolvidas, dando origem a quase todos os estados localizados na América do Meio, como Campeche e Guatemala.

[editar] Economia

Grande parte dos lucros de Yucatán vem de turistas que visitam Chichén Itzá, Uxmal e outros restos de cidades [1]. Outra boa parte do dinheiro vem do tráfico de animais selvagens capturados na mata, que são vendidos para laboratórios e usados em pesquisas para vacinas armas biológicas.

[editar] Ver também

[editar] Notas

  1. Pelo menos para isso essas ruínas servem
Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas