Alfabeto latino

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar

Cquote1.svg A de amor... Cquote2.svg
Xuxa
Cquote1.svg ...B de boceta, C de cuzão... Cquote2.svg
Dercy Gonçalves

Como você já deve ter percebido (ou não), o Alfabeto latino não é a escrita latida dos cachorros nem a escrita do cantor Latino. E sim as letras que estão digitadas aqui e escritas em 90,132466677742% das mais de oito mil línguas espalhadas no mundo.

Origem[editar]

Surgiu na aristocracia da Roma Antiga, quando os patrícios realizavam os bacanais, grandes festas onde os convidados comiam, bebiam, "comiam" e eram comidos. E para registrar o gasto com que se "comia" além do que se comia para se alimentar, era necessário um alfabeto diferente e mais fácil com o antigo, que parece grego (literalmente era grego). Então começaram a usar o alfabeto Latino com a língua latina, escrevendo na porta do bacanal:

BACNAVS IMPRAEDORIS CAIICGUILAUS

POBVE NAE ENTRAE. CVSTO XLII AUROUS SIUVIVS SANTVS MOEDES

Tradução: Bacanal do Imperador Calígula. Pobre não entra. Custa 42 moedas de ouro que valem mais do que dinheiro.

Então, a língua e o Alfabeto Latino começaram a se espalhar pelo mundo masi rápido do que fofoca, até que o Alfabeto Latino ser abrangentemente utilizado no mundo todo em vária línguas, como:

O alfabeto latino segundo a Desciclopédia[editar]

Eis que foi assim que aprendemos o alfabeto, certo? Mas por trás desse ingênuo material infernal, existe uma palavra mortífera, assassinua, que influência nós a cantar o alfabeto do mal, aquele A de assalto, B de Bombardeio, C de Criminoso, D de Dinamite, E de Espião, F de Faca, G de Granada... V de vai pro inferno, W de WTF?, X de Xarope envenenado, Y de Ylapedopidaretuyioasderiudo e Z de Zero.

Ver também[editar]

ABCDEFUCK.jpg
v d e h
Alfabetos
أبجدية عربيةՀայոց այբուբենမြန်မာအက္ခရာ汉字 / 漢字(拼音)Kириллицаदेवनागरीግዕዝქართული დამწერლობაΕλληνικό αλφάβητο한글עִבְרִי日本語の表記体系 (平仮名片仮名漢字ローマ字)Latinoالفبای فارسیAbecadłoอักษร