Associação Desportiva Recreativa Cultural Icasa

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


Associação Desportiva Recreativa Cultural Icasa
Escudo do Icasa.png
Brasão
Hino Ilariê
Nome Oficial Ibarraco Esporte Clube
Origem Bandeira do Brasil Brasil - link={{{3}}} Ceará, Juazeiro do Norte
Apelidos Verdinho, Tentativa de Palmeiras; VIce
Torcedores Hã, tem o...e o...err...
Torcidas Fúria Icasianal
Fatos Inúteis
Mascote Padre Cícero
Torcedor Ilustre Ninguém
Estádio Rameirão
Capacidade 20.000 de pé do lado de fora
Sede Debaixo da ponte
Presidente O mesmo do sindicato.
Coisas do Time
Treinador Muda a cada semana.
Pior Jogador Nuvola apps core.png Todos
Melhor Jogador Crystal Clear action bookmark.svg.png Xuxa
Patrocinador Botequim do Zé
Time
Material Esportivo Dias Sports[1]
Liga Campeonato Cearense; Campeonato Brasileiro
Divisão Segunda (rumo à terceira)
Títulos Bi-Campeão da Segundona Cearense e trocentas vezes campeão da Copa Armazém Godofredo de Futebol[2]
Ranking Nacional 100º na Federação Juazeirense Cearense Brasileira de Futebol.
Uniformes Icasa titular.jpg
Icasa reserva.jpg



Cquote1.png Você quis dizer: ICAGA Cquote2.png
Google sobre Associação Desportiva Recreativa Cultural Icasa

A Associação Desportiva Recreativa e Cultural Icasa é um bando de gente correndo por aí vestido com roupas verdes iguais, e que ganhou o simpático apelido de "time de futebol". O clube é sediado na vila de Juazeiro do Norte, no Ceará, e sua principal importância para o futebol brasileiro é apenas o de nunca ter ganho nada na vida.

O time é conhecido como Vasco cearense, pelo fato de vencer todos os times do estado e de fora, mas quando chega na final, arrega para alguém da capital e fica com o vice. Em 2011, conseguiu o tão sonhado patrocínio da apple e mudará o seu nome para iCasa.

A maior glória do time foi ser tri-vice-campeão, fato que o motiva a tentar superar o Vasco no quesito perdas de finais de campeonato.

História[editar]

Fundação[editar]

O Icasa conta com uma estrutura maaaraaaaa.

O Icasa foi fundado em 2002 aproveitando os restos mortais do falecido Icasa Esporte Clube. O autor dessa inputil empreitada foi um dono de indústria de bucho de cabra do interior do Ceará, que pelo visto não entendia nada de futebol. Inspirado em Roman Abramovich, ele decidiu fundar um time para apenas tentar ganhar ainda mais dinheiro, utilizando para isso uns empregados da fábrica para jogarem o futebol, aproveitando o baixio nível do futebol cearense, isso seria o bastante para a equipe ganhar notoriedade.

Para botar sorte, ele resolveu colocar o nome do padim no meio, por isso, ele virou o mascote do clube. Portanto, sempre que o time vai jogar alguma partida que sabe que vai perder, mandam o sujeito e depois dizem que "o santo deles é mais forte".

O time foi aceito pela Federação Cearense porque não tinha time que bastasse, só Fortaleza, Ceará e Ferroviário, então colocaram um qualquer para completar a tabela.

Temporada de 2003[editar]

Em 2003 já conquistou sua primeira glória, o grandioso título de campeão da Segunda Dimensão do Campeonato Cearense, enfrentando poderosos times como Uniclinic e Crato.

Tri-vice[editar]

Na primeira divisão cearense, sagrou-se saco de pancadas do Fortaleza vice-campeão cearense por três vezes quase consecutivas, ganhando notoriedade no estado do Ceará, e um time desprezível a nível nacional.

Sua primeira participação numa Copa do Brasil ocorreu em 2006, pela primeira vez a Copa do Brasil, quando comemorou o empate de 0x0 em casa contra o Coritiba, e pela primeira vez em sua história viajou para outro lugar que não fosse Fortaleza, indo perder de 3x1 em Curitiba no segundo fora.

Temporada 2008[editar]

Disputa pela segunda vez a Copa do Brasil em 2008. O time do Padim Ciço foi bem na 1ª fase e eliminou o Jahia, passando para a segunda fase. Depois, o time foi eliminado ao levar uma goleada de 6x1 para o poderoso Criciúma, estabelecendo assim a melhor campanha da história de um clube de Juazeiro do Norte numa Copa do Brasil.

Temporada 2009[editar]

Em 2009 foi miseravelmente rebaixado para a Segunda Dimensão do Futebol Cearense, mesmo isso parecendo ser tão impossível.

Sua maior glória em toda a história (se é que seis anos de existência seja história) foi eliminar outros projetos de times da Copa do Brasil, a Portuguesa e o Confiança, viajando pela primeira vez em sua história para o Rio de Janeiro, só para ser goleado e eliminado pelo Vasco.

Apesar do rebaixamento cearense, de uma forma maluca e inexplicável conquistou um cagado acesso à série B do campeonato brasileiro (onde a partir de então foi constantemente sério candidato ao rebaixamento), orgulhou-se desse acesso porque é onde o Ferroviário jamais conseguiu chegar.

Talvez o maior feito da história do Icaga Icasa foi esse acesso, e foi conquistado de maneira bonita, após golear o falido Pai dá o cu por 6x2! Mas como o time é muito ruim, não demorou a futuramente cair de novo que nem uma manga madura.

Temporada 2010[editar]

O treinamento do Icasa é tão efetivo que dois jogadores disputam a bola... e perdem!

Tornou-se em 2010 bi-Campeão da Segunda Dimensão do Campeonato Cearense (aí sim o Icasa ganha), e não contente com os vices do campeonato cearense, o Icasa fatura o vice-campeonato da Copa Unimed Fortaleza após perder pro Horizonte.

Temporada 2011[editar]

De volta à primeira divisão cearense, aparece por lá só para ver se levam o título que nunca ganharam, perdendo como sempre para o Fortaleza EC.

Temporada 2014[editar]

Manteve-se no Campeonato Brasileiro Serie B por 5 anos consecutivos, mesmo com salários atrasados e um estádio deplorável, porque por várias vezes sempre existem 4 times extremamente mais falidos para rebaixarem no lugar do Icasa. Mas em 2014 finalmente o time rebaixa de maneira miserável. Perdeu umas 20 partidas consecutivas e rebaixou com 10 rodadas de antecedência. Mesmo assim teve chance de fazer bonito na última rodada e impedir que o Vasco subisse de divisão, mas nem pra isso o time prestou.

Temporada 2015[editar]

Continuando a decadência total absoluta, nem deveria ter jogado a Série C, pois perdeu absolutamente todas as partidas, tornando-se a segunda pior campanha de todos os tempos da Série C, só não superando em ruindade a memorável campanha do Rio Branco do Acre, que como não existe perdeu tudo de W.O.

Significado do nome[editar]

Ninguém sabe o que diabo quer dizer Icasa. A sugestão mais aceita seja que signifique "Imbecis Correndo Achando Serem Atletas".

Também não se sabe porquê o Cultural.

Mascote[editar]

O mascote do Icasa, já citado, é o padre Cícero, que nem aguenta mais o tanto que rezam pra ver se o time consegue alguma coisa.

Por isso, o time planeja trocar o atual mascote pelo Zé Carioca.

Títulos[editar]


  1. Alguém já ouviu falar disso?
  2. Quase todas por W.O.