Bandeira Olímpica

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Bandeira Olímpica
Olympic-condom-rings.jpg

A bandeira olímpica era a oficial bandeira da cidade de Olímpia, Grécia. Ela ficou internacionalmente conhecida por ser a bandeira dos jogos olímpicos.

História[editar]

A bandeira olímpica foi confeccionada por Pierre de Coubertin em 1914, oficialmente para as olimpíadas de 1916 em Berlin, Alemanha, portanto neste mesmo ano estava rolando o campeonato de War e a olimpíada daquele ano tive que ser cancelada. Esta primeira bandeira acabou por ser perdida devido a grande burrice mundial.

Foram apenas nos jogos olímpicos de 1920 na Antuérpia, Bélgica, que a bandeira foi apresentada, agora além de hastear a bandeira do país sede e da cidade sede, a bandeira olímpica era mais uma encheção de linguiça para manter o público no estadio por mais algum tempo. Com a bandeira também veio o Hino Olímpico, apenas entonado na edição de 1960 em grego.

Significado[editar]

A bandeira contém 5 bambolês num fundo branco, cada um com uma cor significando cada continente.

  • Aro Azul O: Os burrocratas europeus, está em primeiro da esquerda para direita por ser o luar onde mais ocorreu as olimpiadas e por dinheiro, claro.
  • Aro Preto O: Os pobretas africanos, está no meio da bandeira apenas por uma questão de pena mesmo, em mais de 100 anos este continente nunca teve a oportunidade de sediar os jogos.
  • Aro Vermelho O: Os ignorantes do continente americano, está do lado esquerdo da bandeira pois confundiram o continente com a URSS.
  • Aro Amarelo O: Os carinhas de olhos puxados, está na segunda linha simplesmente por estar.
  • Aro Verde O: Os náufragos, está na segunda linha no lado de lá por ser esquecido por outras delegações, não confundir com Austrália, uma colonia do Reino Unido.
  • Branco: O branco, que fica mal visualizado devido ao fundo branco da bandeira, simboliza o continente da Antártida, é claro.

Galeria[editar]