Capão do Leão

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome-searchtool blue.png Capão do Leão é uma pequena cidade desconhecida.
Você pode estar perdendo seu tempo à-toa ao ler sobre essa joça.
Bois são mais comuns que carros aqui.

Sciences de la terre.svg.png

Cquote1.png Você quis dizer: MACUMBA MAL FEITA? Cquote2.png
Google sobre Capão do Leão
Cquote1.png Você quis dizer: POBRERIL? Cquote2.png
Google sobre Capão do Leão

Uma das casas mais ricas da cidade.

Cquote1.png It's Capão do Leão, Bitch! Cquote2.png
Britney Spears sobre sobre Capão do Leão
Cquote1.png Só tem viadinn! Cquote2.png
Paulista Bambi sobre sobre Capão do Leão
Cquote1.png Na Reversal Russa, Capão do Leão mora em VOCÊ !! Cquote2.png
Reversal Russa sobre sobre Capão do Leão
Cquote1.png Cidade em que escondo as barras de ouro que valem mais do que dinheiro, já que ninguém conhece. Cquote2.png
Silvio Santos sobre sobre Capão do Leão
Cquote1.png Em Capão tem bambú? Cquote2.png
Menina do Bambú sobre sobre Capão do Leão
Cquote1.png Aham Cláudia, senta lá ! Cquote2.png
Xuxa sobre sobre Capão do Leão
Cquote1.png VamUxX dOmInArXx U mUnDuXx Cquote2.png
Emo Leonense sobre sobre Capão do Leão
Cquote1.png Não me perguntes onde fica Capão do Leão ..(8) Cquote2.png
Guri de Uruguaiana sobre Capão do Leão
Cquote1.png Área Rural. Cquote2.png
IBGE sobre sobre Capão do Leão
Cquote1.png Sei que no pombal rola maconha ! Cquote2.png
Ke$ha sobre sobre Capão do Leão
Cquote1.png Onde eu tava com a cabeça ! Cquote2.png
Deus sobre sobre Capão do Leão
Cquote1.png Arquivo Não Encontrado, Pesquisa Completa Cquote2.png
Windows Vista sobre sobre Capão do Leão
Cquote1.png Não tem biscoito ! Cquote2.png
Chaves sobre sobre Capão do Leão
Cquote1.png Que milagre aparecer por aqui ! Cquote2.png
Dona Florinda sobre sobre Capão do Leão
Cquote1.png Error 404 not found Cquote2.png
Twitter sobre sobre Capão do Leão
Bem-vindo à página de Capão do Leão, Rio Grande do Sul, mais conhecida como a Cidade do Pau Fincado ou Beco da Punhalada.

É uma cidade que tem em torno de 30 mil habitantes, sendo que a maioria mora no Jardim América.

Em 1982 fizeram a maior cagada: emanciparam o Capão do Leão de Pelotas para "libertarem" o município. Hoje em dia, ele continua sendo um distrito pelotense, já que o Capão depende de Pelotas e Rio Grande. Tendo estas informações, deduzimos que o Capão só foi emancipado pra ter mais políticos e funcionários públicos mamando na teta do governo.

Política[editar]

Na questão Prefeito você tem duas opções:

  • 1: Aliar-se ao PDT e sempre ter privilégios na Prefeitura;
  • 2: Não aliar-se a PDT, ver seus candidatos serem massacrados nas eleições e sempre se foderem bonito!

Na questão Vereadores você vota no seu vizinho, no seu professor, ou no primeiro bêbado que te entregar um santinho e te pedir um dinheiro pra pegar o ônibus pra Pelotas e visitar sua pobre mãe que está definhando na Santa Casa.

A estrutura das Secretarias, da Câmara de Vereadores e da prefeitura é precária. As secretarias são casas alugadas ao longo da Avenida. A Prefeitura é um casarão antigo que está mais pra lá do que pra cá; e a Câmara foi construída quase no fim da vila e é um prédio quadrado com tijoleta barata e tintas verde bebê. Hum...

Economia[editar]

A cidade sobrevive - e muito bem dito, SOBREVIVE! - da extração de pedra feita por Pelotas e Rio Grande, e não ganha quase nada; tem também a produção de melancia - daí vem a Festa da Melancia -; e também ganha dinheiro pegando o lixo produzido por Pelotas e armazenando nas valetas dos bairros carentes, porque Pelotas não tem q se preocupar com essas coisas se tem a escrava cidade de Capão do Leão.

Não podemos esquecer o comércio, com suas vendas, seus três supermercados, as milhares casas escrotas de lanches, da casa de Macumba no fim da Narciso, os ambulantes da Praça e os bicões que cobram mais caro que o McDonalds.

Bairros[editar]

Centro[editar]

É onde vivem as múmias da cidade, aquele povo que se mudou pra trabalhar na pedreira. Tem as melhores casas, pagam o maior IPTU, tem todos os órgãos públicos e estabelecimentos comerciais encontrados na Sede. O centro fica exprimido entre a pedreira e a sanga, o Tietê do Capão do Leão. No centro, fica a única escola de ensino médio da cidade, o Castelo Branco. Ali, se reúne tudo quanto é tipo de gente da cidade: os marginais do Jardim América, os filhinhos de papai do centro, os pobres de todo lado, o pessoal que vem das partes mais remotas da cidade em ônibus ou Kombi escolar ou qualquer outro que terminou o ensino fundamental e que não teve a capacidade ou não quis estudar em Pelotas. O centro é marcado especialmente pela Avenida Narciso Silva, que no ano de 2010 foi asfaltada, assim, podendo "valorizar" mais as casas, ou melhor, fazer o IPTU ser mais caro por uma migalha de terreno. Nela, acontece o desfile de 20 de setembro - perda da Revolução Farroupilha. É uma data de merda. Explico: em comemoração à cultura gaúcha, os cavalarianos são recebidos como heróis pela população leonense. Em troca disto, põem seus cavalos a cagar no meio da avenida. Além disso, sempre tem um outro cavalo que se assusta com a feiura da multidão e fica em pânico, causando o maior rebuliço. O desfile de 7 de setembro e o Carnaval também acontecem nessa Avenida. Os moradores do Centro, se acham superiores pois tem o logradouro mais privilegiado, humilhando moradores de outros bairros dizendo que moram no Centro, só porque pegam o ônibus vazio.

Teodósio[editar]

É divido em dois:

  • Teodósio Alto : Fica ao norte do Barão de Arroio Grande, depois dos trilhos, comumente é confundida com o Casaubom, porém são dois bairros distintos. É onde vivem alguns pobres e um povo bem de vida que não queria pagar muito pelo terreno, pela casa ou o IPTU mesmo. Na beira dos trilhos nesse bairro ocorre muito cheiramento de gatinhos e muitos assaltos pelos estudantes do Castelo Noturno. Seu ponto de identificação mais nobre é a casa do Prof. Renato Costa.
  • Teodósio Baixo: É o Teodósio domesticado, com hábitos burgueses mais aprimorados, vivem quase na saída pra faixa. Tem grandes pedaços de terra que não são utilizados, a não ser pelas casas populares que a Caixa Econômica Federal está vendendo por preço de mansão nesta localidade. Seu ponto de identificação é a Casa de Carnes Zanusso.

Casaubom[editar]

Dizem que lá foi criada a AIDS, e que há uma passagem subterrânea para o esconderijo onde estão Michael Jackson e Elvis Presley, mas ninguém pode provar porque não há a localização certa do bairro. Possui uma vila: a Vila Maria, lá está concentrado o cérebro do crime organizado leonense. Estão as drogas, os puteiros e tudo de mais ruim que você possa, ou não, imaginar. Aliás, dizem por aí que o Capitão Nascimento não conseguiu entrar lá e pediu para voltar ao Rio de Janeiro. Também é chamada de Favelão do Pau Fincado. O nome vem de uma visita que Motumbo fez ao Capão. Ele teve um acidente em que seu órgão cravou-se em uma das milhares de ruas de terra bruta quando sentava-se para descansar.

Jardim América[editar]

Jardim América é o maior bairro da cidade, podendo ser dividido em 6 partes: Loteamento Vila Nova (Pombal) , Sangão, Embrapa, 3 de maio , Loteamento Zona Sul ( Posto Chico) e o "Outro lado da faixa". Loteamento Vila Nova, vugo Pombal, é onde mora toda a RAÇA RUIM do bairro. Traficantes, ladrões, macumbeiros entre outros. É composto por duas ruas que são próxima aos trilhos. Pra ter uma noção, nem ônibus passa por lá. Sangão, é onde mora o pobreril do bairro. Embrapa, é onde não mora ninguém, pelo difícil acesso (estrada mais esburacada que a bunda dos moradores) e por ser no meio do mato, lá, existe um Cemitério de Magnatas. Também é onde fica o Campus Capão do Leão da UFPel, que já teve a maioria dos cursos deslocados para o Campus Porto, já que Capão é muito longe pros maconheirinhos irem estudar. 3 de maio, é onde passam todo o tipo de locomoção, todos os ônibus passam por ali, então se você mora no Pombal, (aprox. 18 quadras da 3 de maio) e pegou um ônibus via 3 de maio, foda-se ! Caminhe. Loteamento Zona Sul, é marcado pelo único posto de gasolina do bairro, que também os moradores de Capão do Leão vem abastecer -já que o Posto do Capão nunca tem gasolina- já foi chamado de posto Chico, Fortaleza e agora é Leão, é formado por duas ruas, das quais uma é sem saída, que dá de frente pro matagal do Extremo Sul. O "outro lado da faixa" ainda é um tanto desconhecido. Lá não existe nenhum tipo de calçamento ou afins, é marcado pelo campo do estrela, pelo Supermercado Coelho e pela canchinha de areia.Lá residem os garotos que se conhecem desde a infância, ou seja, se criaram juntos,e que nada fazem. Também é marcado pela ponte que acerca os arredores da Votorantim. Há duas opções básicas de renda: trabalhar no Mercosul ou na SLC. Ainda, como opção, pode-se abrir uma igreja evangélica, que tem 2 a cada esquina e é mais fácil pegar numa bíblia que numa faca. 8 horas por dia. No mais é um lugar legal é aonde se concentra o mulheril da cidade. Apesar disso, atenção: não mexa com as mulheres desse lugar se não conhecer seu estado civil. Elas podem ser dos caras do Pombal e nunca se deve mexer com os caras do Pombal.

Cerro do Estado[editar]

É o bairro mais podre, excluído, tosco e representa o quão tosca é a cidade. O Cerro do Estado parece a ilha de Lost, não há tecnologia, internet banda larga, tem meia dúzias de ruas e sua única serventia é ter uma praça velha pra abrigar o Natal Luz numa escavadeira enferrujada.

Lá fica a EPEM e a Superintendência do Porto de Rio Grande que controla a exportação de pedra. Por mais que já tenha escrito que é um lugar pobre, o Cerro do Estado é sede do Formandos da Pedra, uma das escolas de samba mais vencedoras da história do grandioso e perigoso carnaval leonense. Lá também fica o Fluminense, clube de futebol cujo campo fica "do lado de lá" da pedreira, comandado pelos mesmos caras do Formandos da Pedra. Aliás, o nome da escola de samba só não é mais tosco porque poderiam inventar um nome mais tosco que esse.

Há também o Cerro das Almas, mas como ninguém sabe, ninguém viu, não tem o que escrever sobre.

Festas[editar]

Anualmente, acontece a "Festa da Melancia", que na verdade era uma festa de Pedro Osório da qual Capão do Leão roubou, só pra ter mais uma fuzarca e para as bibas da cidade soltarem a franga, contendo shows de renomadas bandas emocore da cidade .

Também há o carnaval, que acontece na Avenida Narciso Silva, centro da cidade, que é uma rua paralela, onde só acontecem bandalheiras.Nesse dia acontece a revelação: os homens soltam a franga e mostram o "verdadeiro eu" por 3 noites, principalmente aos arredores da Padaria Mamut's.

Também o semear no Jardim América que canta até o Alemão Preto no negócio que é de Igreja, mas não importa sabe-se que se reune ali todos que vão a igreja e as criança que vao ali pra brinca no troço e joga espuma nos outros, tambem compram churrasquinho sei-la de onde e chega a policia e acaba com o bolo que tem.

Praça de Capão do Leão[editar]

Umas das distrações dos leonenses é ir para a praça, que nada mais é que uma praça de uns 60 mts² com alguns brinquedos e uns bancos . As bancas de churrasquinho e a de creps quebraram, agora você só pode ir até a Padaria Mamut's e comprar quase o que quiser por lá. Aquela praça, principalmente sextas à noite, os "guris" pegam os carros dos seus pais, normalmente um gol bolinha, e vão disputar o som mais alto dos automóveis, enquanto as paga paus ficam na volta, querendo periguetear a noite toda.

Sem falar que todas as noites agora uma senhora vai com sua cama elástica e barraquinha vender bagulhetes inúteis para crianças que gostam de gastar o dinheiro suado ou não dos pais, pois muitas famílias tem de ir ao DAS para buscar seu sacolão mensal.

Pontos Turísticos[editar]

Bom, na verdade "pontos turísticos" não é o forte dessa cidade. Temos a Pedreira, que é a 1ª maior do mundo, mas vai acabar perdendo para os molhes da barra de Rio Grande.

A Estação, que hoje em dia nem é estação mais,tornou-se uma Casa de Cultura composta por uma biblioteca velha com livros doados pelas escolas e aulas de violão e canto que não formam ninguém.

E também o Ginásio Municipal de Esportes, que não passa de um motel grátis.

Na entrada da cidade, há um leão igual ao do Paulo Leitte, só que amarelo, o do Paulo é rosa (ui!), isso mostra a hegemonia do PDT na cidade.

Lazer Leonense[editar]

Aqui no lazer, você possui 4 opções:

  • 1 . Ir Pra casa da vizinha tomar chimarrão com pipoca e falar dos outros,
  • 2 . Assistir Tv em casa pela sua antena mágica ou espinho de peixe,
  • 3 . Ir na praça e ver mais um dia quem você vê todo dia ,
  • 4 . Pegar um ônibus e ir à Pelotas.

Antigamente, existia o "Gitana Nights" que, por motivos de força maior (drogas, chão de assoalho apodrecendo e teto caindo), foi fechado há quatro anos e nunca mais voltou. Localizava-se na Narciso Silva. Sendo que, uma das maiores distrações leonenses é fazer aquele churrasco em cima da laje e colocar o som do carro alto, tocando Djavú, assim, perturbando os vizinhos, que por sua vez, não podem fazer nada . Muitas vezes, os pobres moradores leonenses desistem de ir à Pelotas, pois a passagem custa em torno de 3 reais se for desde os Cerros até Pelotas, e também é considerada uma viagem, por demorar uns 40 minutos. Quem mora no Jardim América não se arrisca a pegar ônibus que vem do Capão do Leão, por medo de virar uma verdadeira sardinha. Outra opção de lazer leonense é jogar taco no meio da estrada, ou ainda, jogar futebol na frente da casa dos vizinhos e impedindo a passagem dos caminhões que carregam pedra. Aos finais de semana um dos melhores lugares para serem frequentados é o "BAR do ZÉ" que conta com shows ao vivo de figuras ilustres como: Alemão Preto e Silvinho, entre outros. Além de todas essas excelentes opções, ainda temos a opção de assistir à saída das escolas nos três turnos. É normalmente comum ver várias pessoas desconhecidas assistirem à saída das escolas mais badaladas da cidade. Normalmente, são rapazes que ficam procurando alguma put... mocinha para ser sua namoradinha.

Problemas[editar]

O efeito estufa está afetando a esta cidade. Todo verão há alguma enchente(que afeta a minha casa) que quebra alguma ponte que provavelmente não vai ser reconstruída ou vai demorar muito, assim como a ponte do Extremo Sul que caiu dia 29/01/2009, e foi concluída em meados de julho de 2010.

Cidadãos[editar]

Podemos inclusive, classificá - los .

  • Paga - Paus
  • Emos , Góticos, Darks e/ou afins
  • Patricinhas
  • Pobres
  • Ruralistas
  • Classe Mais ou menos

Podemos classificar como Paga - Paus aquelas mulheres que ficam na volta dos guris que tem alguma espécie de automóvel. Emos, Góticos, Darks e afins como aqueles que tocam, (ou não) em algum tipo de banda emo, ou aqueles que fazem escova definitiva e pintam o cabelo de preto ou mechados. Patricinhas, como aquelas que têm 2 calças e 2 blusas com alguma marca e usam apenas aquelas pra dizerem que usam algum tipo de marca, normalmente estudam no Castelo Branco. Pobres, são aqueles que buscam sacolão mensal no DAS Ruralistas, são aqueles que moram no Cerro, tanto do Estado quanto das Almas. Classe mais ou menos, como aqueles que moram na Narciso, ou perto, ou até na 3 de maio.

Educação[editar]

A cidade de Capão do Leão possui oito escolas, sendo sete de ensino fundamental e uma de ensino fundamental e médio que se chama Presidente Castelo Branco ou, simplesmente, Castelo. Quem estuda no Castelo vem dos 4 cantos da cidade e, inclusive, do inferno. Pois bem, acredito que educação não seja o forte desse município, visto que esta página havia sofrido reformulações completas de erros ortográficos de Língua Portuguesa, até a correção ser feita. Educaçao precaria, um lixo, um verdadeiro lixo. De mais conhecido tem o Castelo citado acima e o Elberto conhecido de ginasio. Tudo umas bosta, mais bosta ainda é que estuda la.

Novidades sobre Capão do Leão[editar]

Uma grande tragédia abateu a cidade, o assassinato de Paulete, uma das celebridades do Capão. Como de costume, a Polícia não sabe quem o matou, e acredita-se que nem sequer estão a procura do meliante. Paulete era famosíssimo na cidade devido ao seu salão de cabeleireiro e, também, por fornecer Bis aos garotos para uma sessão de relações sexuais homossexuais. Além disso, nenhuma novidade.