Ceuta

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Meio Marrocos, Meio Espanha
Território Árabe da Espanha
Celta
Bandeira
Brasão
Bandeira Brasão
Lema: Povo Celta!! Original e único!!
Hino nacional: Viva Espanha

Localização de Celta

Capital Celta
Cidade mais populosa Gália
Religião oficial Islamismo Catolicismo
Governo Subordinação de Fronteira
 - Prefeito Um cara lá
Heróis Nacionais Abdul Mata-Europeu
Área  
 - Total 45 m2 km² 
 - Água (%) 10
Analfabetismo
População 153 
PIB per Capita 20.000 
IDH
Moeda Dinar Marroquino
Fuso horário 0
Clima Clima desértico, mas chove um pouco
Website governamental ??


Ceuta é uma região neutra, na divisa da Espanha com Marrocos, aonde fica a Ponte da Amizade que liga os dois países no Estreito de Gibraltar.

Ceuta fica no lado africano ao passo que Gibraltar (seu vizinho) fica no lado europeu. Então Ceuta é uma Ciudad del Este africana e Gibraltar uma Foz do Iguaçu europeia.

História[editar]

Ceuta é uma região que desde que se conhece história, é disputada por muçulmanos e cristãos. A região então é uma mistura dessas duas culturas, porém o povo que mais dominou a região, além dos gauleses, foram os celtas, daí o nome da região.

A região ficou sob domínio lusitano por muito tempo, mas como Portugal nunca possuiu uma administração decente de seus territórios, em um golpe de cartório, a Espanha roubou Ceuta para si.

Durante a invasão dos vândalos do século XIII a região, muçulmanos que caçavam cães infiéis conquistaram a Espanha e chamaram a região de Marrocos. A partir de então a região é tomada e retomada frequentemente.

Recentemente, cansados da disputa medíocre de Espanha e Marrocos o território de Ceuta se autoproclamou independente e funciona atualmente como uma alfândega gigantesca

Política[editar]

Além de muita burocracia mesmo (não é qualquer africano que adentra os domínios xenófobos da Europa), Ceuta abriga apenas o partido pacifista do ETA, que sempre se corresponde educadamente com Madrid ao passo que o Talibã, também acolhido nas dependências ceutas se corresponde educadamente com Bagdá.

Geografia[editar]

Situado oficialmente no Deserto do Saara, Ceuta não passa de uma vila burguesa africana que possui planos de transportar seus domíneos para a Europa.

Um riacho denominado Mar Mediterrâneo, separa a região da terra dos sonhos.

Economia[editar]

Ceuta é a única cidade o único território africano desenvolvido, e subexiste mamando nas tetas da Espanha.

Ver Artigos Relacionados[editar]


Salve mãe África, mano!
África
v d e h

Países: África do Sul | Angola | Argélia | Benim | Botswana | Burkina Faso | Burundi | Cabo Verde | Camarões | Chade | Comores | Congo | Costa do Marfim | Djibouti | Egito | Eritreia | Eswatini | Etiópia | Gabão | Gâmbia | Gana | Guiné | Guiné-Bissau | Guiné Equatorial | Lesoto | Libéria | Líbia | Madagascar | Malawi | Mali | Marrocos | Maurício | Mauritânia | Moçambique | Namíbia | Níger | Nigéria | Quênia | República Centro-Africana | República Democrática do Congo | Ruanda | São Tomé e Príncipe | Senegal | Serra Leoa | Seychelles | Somália | Sudão | Sudão do Sul | Tanzânia | Togo | Tunísia | Uganda | Zâmbia | Zimbabwe

Territórios: Canárias | Ceuta | Galmudug | Mayotte | Melilla | Reunião | Saara Ocidental | Santa Helena, Ascensão e Tristão da Cunha | Somalilândia