Circo Máximo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Romanopre.jpg ROMANI ITE DOMVM!!!

HÆC ARTICVLVS ROMANVM EST. LATIM LOQVÆBITVR. NON INTERLEGIT? HVMORIS PRIVATVS NON EST. MVITISSIMVS ENGRAÇATVS! SED ROLA MEAM VADE MAMARE! VADE FŒDERE CVM PORRIBVS NOSTRVM.

Spqrpre.jpg


NovoWikisplode.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: Circo Máximo.


Cquote1.png Você quis dizer: Autódromo de Interlagos? Cquote2.png
Google sobre Circo Máximo
Cquote1.png Você quis dizer: Fórmula 1? Cquote2.png
Google sobre Circo Máximo
Cquote1.png Eu e Xandy já visitamos esse Circo, tinha uns palhacinhos muito engraçados lá. Cquote2.png
Carla Perez sobre Circo Máximo.


Um dos primeiros Circos Máximo construídos.

Circo Máximo, em latidus Circus Maximiliano Maximus Prime e em português Circo do Márcio era um puta autódromo romano usado para o entretenimento do povo daquela época, que não tinha mais o que fazer, e iam ver cristãos e não-cristão serem mortos por carros de corrida ou caminhões, ou competindo entre sim até a morte, em uma corrida em que o ultimo a morrer vence.

Foi a maior pista de corridas da época, e foi nela que surgiram as principais modalidades esportivas e do automobilismo que conhecemos hoje.

História e Fatos[editar]

Um dos competidores posando para foto. Rosto conhecido, não?

Construído entre o Vale da Cafetina e o Vale da Guilhermina , inicialmente, o Circo Máximo servia apenas para que os participantes da elite romana pudessem praticar um cooper, caminhada, corrida, esportes elitistas e demais coisas que a massa pobre da sociedade nunca imaginou que existisse, ou imaginassem mas não tinham dinheiro o suficiente para praticar.

Após um certo período, por pressão da massa trabalhadora da cidade de Roma, o local foi aberto para a moçada fazer o que bem entendesse, e não deu outra, altamente influenciado pelos gregos além da pura falta de criatividade, eles começaram a realizar todo o tipo de jogos de azar, corridas, bingo entre outras formas de entretenimento.

Na intenção de fazer o maior centro de convenções que já existiu na face da terra, e assim deixar o Maracanã no chinelo, Júlio César ampliou o lugar, que antes recebia 200.000 pessoas, passou a receber aproximadamente 270.852.323 de pessoas sentadas, tirando as que ficavam de e as que pulavam os muros - e nunca se esqueçam das que sentavam no colo... Os ingressos custavam em média 5 reais, mas os cambistas compravam tudo e não vendiam a menos de 200 reais.

Mais tarde, foram construídos monumentos e estátuas em homenagem aos imperadores, o que começou a avacalhar com o lugar. Com o passar dos anos, o lugar passou a ser mais concorrido que concurso público federal. O imperador Domiciano mandou construir outro palácio mais próximo ao Circo Máximo, com a janela de sua suíte imperial voltada para o local onde eram realizadas as corridas de Fórmula 1, um de seus esportes favoritos. Mais tarde, Trajano acrescentou mais 50.000 lugares de cadeira numerada, além de ampliar mais o lugar onde o imperador ficava no Circo Máximo e a varanda do quarto, que de acordo com ele, estava curta demais.

Apesar da infinidade de esportes praticados no Circo Máximo, a população passou a se interessar mais pelas corridas mortais. As corridas eram sangrentas e quase sempre não tinha vencedores, todos morriam durante o percurso mortal e sombrio.

O Circo Máximo foi o primeiro grande circo de Roma, mas como tudo o que é bom deve ser copiado, (ou não), outros circos foram feitos em Roma, como o Circo de Nero, o Circo de Flamini, o Circo Maxêncio e o Circo Brasil.

Principais Modalidades de Corrida[editar]

Dias de glória do Circo Máximo. Reconstituição por Google Maps.

Corrida do Leão[editar]

Nesta corrida, os cristãos eram colocados lado a lado, cada um em sua raia. Após o disparo da flecha, leões são soltos e os crentes tem que se salvar dos mesmos, ou matando-os, ou após superar obstáculos insuperáveis, sobreviver. Todos morria e a multidão delirava.

Carroças Voadoras[editar]

Nesta modalidade, os escravos eram colocados para competir. Era colocada uma rampa de aproximadamente treze metros de altura, e o escravo que conseguisse dar um 360 completo no ar vencia. Infelizmente, eles não tinham como se segurar e na metade do salto (mais precisamente nos 180 graus), eles caíam e morriam de forma heróica.

Corrida com até 2 cavalos[editar]

DramaticQuestionMark.png
Você sabia que...

Era a uma corrida normal. A unica diferença era que os pilotos eram podre de ricos, muito similar ao que acontece hoje em dia. Por não ter escravos ou cristãos participando da corrida, não havia morte nem sangue. Infelizmente, a maioria das corridas eram manipuladas pelos cartolas, e como não existia STJD, muito menos Paulo Schmitt, ninguém era denunciado ou punido. Mas mesmo assim os romanos se amarravam nas corridas e nunca perdiam uma, apesar do narrador da época também ser muito chato.

Fórmula 1[editar]

Carro de corrida revolucionário criado pelos romanos.

Foi idealizado já no fim da era do Circo Máximo. Um filósofo-engenheiro teve a brilhante ideia de fazer as carroças de corrida ficarem menores, e conseqüentemente mais rápida. A ideia ainda chegou a ser testada em uma corrida, mas foi infeliz na escolha do piloto. Carlus Rubinhus Barrichellus SECVNDVS, um ancestral distante do nosso querido Rubens Barrichelo, que logo na largada, os cavalos não conseguiram sair até serem devidamente alimentados. Após este incidente, em uma segunda chance dada à este piloto, ele conseguiu largar, mas a carroça quebrou na primeira curva. O engenheiro, vendo que tinha feito merda e passado a maior vergonha de sua vida, desistiu de viver e se auto matou-se a si mesmo.

Dias Atuais[editar]

Parte do que se tornou o grandioso Circo Máximo.
Cartaz divulgando simultaneamente o jogo para video game e a corrida que seria realizada.

Foram vários motivos que levaram o Circo Máximo ao fracasso. Mas dentre tantos e tantos, podemos destacar dois como sendo os principais: A invenção dos filmes pornôs e as batalhas do Coliseu.

Com a chegada dos filmes pornôs à Roma a população passou a deixar de lado as corridas, e gradativamente, a procura por estes eventos passaram a diminuir. Com isso, os cambistas não lucravam tanto como no início, e passaram a buscar outras formas para sobreviver. O imperador, percebendo que o povo preferia sexo à corridas de carros, resolveu mais uma vez inovar, e praticamente aboliu este tipo de esporte em Roma, para poder lançar outro: as batalhas entre gladiadores.

Assim, o Coliseu se tornou o novo point de encontro da galera mais descolada de Roma. As batalhas entre homens, e os programas de sexo explícito na TV passaram a ter a atenção de todos, levando o Circo Máximo' à ruina.

Hoje em dia, onde havia o Circo Máximo há só grama. Não existe absolutamente nada, a não ser uma grande plantação de cana-de-açúcar e alguns cachorros vira-latas.


Ver Também[editar]