Cocktail

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Esta página se adequa à Nova Política de Conteúdo Sexual.
Conteúdo impróprio para menores de 18 anos! Tirem as crianças da sala! Este artigo tem conteúdo impróprio para menores!
Este artigo pode conter pornografia pesada ou leve. De preferência, leia-o de olhos fechados...

Se ele estiver cometendo uma infração à Política de Conteúdo Sexual, por favor, reporte à moderação.
SBTTV.JPG Este artigo é coisa da ex-vice maior audiência do mundo! Seu programa é chato e ruim, dá menos audiência que o Vídeo Show e ri das piadas do Chaves. Se vandalizar, você será forçado a ver briga de pobre no Teste de DNA e no Casos de Família. Conheça outros plágios mal-disfarçados clicando aqui.

Cquote1.png Sua intenção era pesquisar: Fantasia versão turbinado. Cquote2.png
Google dando uma de adivinho com a pesquisa de Cocktail
Cquote1.svg MENINO, MUDE DE CANAL! Cquote2.svg
Sua mãe sobre você assistir esse programa lá nos anos 90.
Cquote1.svg Pior merda que eu me enfiei na vida, pelo menos passei um ano sem precisar de Viagra... Cquote2.svg
Miele sobre o programa que ele apresentou.

CockTail foi um programa do Essibesteira que passou apenas entre 23 de agosto de 1991 até 13 de agosto de 1992, ou seja, quase um ano inteiro, apresentado pelo mestre-de-cerimônias (e arroz de festa) Luís Carlos Miele. Esse programa foi, de acordo com o Homem do Baú, um dos dez presentes do canal pelo aniversário de 10 anos de programação (os outros 9 presentes eram episódios perdidos do Chaves provavelmente). Presente né, seu Sílvio... safadeeeeeeenho!!!

O programa[editar]

As Garotas Tim-tim, sonho de consumo de todo homem por um mísero ano.

Basicamente consistia, como quase todos os programas da TV do Sílvio, uma cópia de um programa gringo, nesse caso foi um programa italiano chamado Colpo Grosso. Duas pessoas disputavam nesse game-show, e haviam três tipos de provas diferentes: as primeiras eram apresentadas pelas garotas Tim-tim, que sempre tinham desenhadas as provas nos seios. Os outros tipos de provas eram mostrados pelas Garotas-Estado, que mostravam quase tudo, só não tiravam a última parte do biquíni. No final do programa o vencedor, sendo ele homem ou sapatona (sempre eram disputas assim) ganhavam a chance de ver uma das garotas SUPER-ESTRELA tirar TODA a roupa (apesar que pras câmeras - e pra tristeza dos telespectadores de plantão - nunca aparecia a perseguida).

O programa foi o inventor das mulheres-fruta, pois as Garotas Tim-tim eram designadas por quase tudo que tinha na cabeça da Carmem Miranda e mais frutos que ninguém mais sabe de onde tiraram.

O programa saiu do ar após uma campanha enorme movida por falsos profetas e falsos moralistas (que ironicamente foram instigados pelo maior inimigo deles, o Alborghetti), que diziam ser um absurdo mulheres aparecerem nuas na TV, mesmo que fosse em um horário impossível de se assistir (ainda mais no SBT, que horário de programação muda mais que a Andréa de Nóbrega mudava de roupa no programa Mulheres Ricas). Isso é irônico porque esse mesmo grupo nunca se importou com o fato de a rival nº 1 do SBT à época, a Rede Bobo, apresentar em qualquer horário, até no Xou da Xuxa, a Valéria Valenssa peladona no comercial da Globeleza no Carnaval da Globo, feliz eu tou de bem com a vida...

Você assistia com o pau na mão também[editar]

Este esboço quer fumar maconha.
Acenda um baseado para ele.