Crunch Bandicoot

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Silviofortao.jpg Crunch Bandicoot usa esteroides anabolizantes!

Isso explica porque tem músculos enormes, voz grossa pra caralho,
pinto pequeno e nenhum cérebro.

250px-Wario WWare.gif Este artigo é sobre um personagem secundário!

Quase ninguém sabe da existência deste zé ruela que só serve pra encher linguiça na trama e provavelmente está morto. Se bobear, nem no Google tá!

Clique aqui para ver gente que só fãs alienados conhecem.

Esse é Crunch após ter batido malhado por um ano.

Cquote1.png Já dei pra ele! Cquote2.png
Coco Bandicoot sobre Crunch
Cquote1.png Meu rival! Cquote2.png
Tiny Tiger sobre Crunch

Crunch Bandicoot é um bandicoot criado pelo Neo Cortex para que se tornasse o Bandicoot supremo e mais forte que o protagonista (onde já vimos isso antes?), porém acaba sendo outra criação fracassada musculosa que pulou o "dia das pernas" (que é o jeito de como o Cortex vê criaturas musculosas).

De tanto ficar brincando consigo mesmo, acabou machucando um de seus braços e teve que trocar ele por uma versão robótica, a qual Crunch usa até hoje.

Aparições[editar]

Crash Bandicoot: The Wrath of Cortex[editar]

Crunch e Crash em um momento íntimo.
Cquote1.png É assim, ó! Cquote2.png
Crunch explicando para Coco ou a Pasadena sobre o tamanho de seus documentos

Crunch inicia aparecendo no jogo The Wrath of Cortex, onde ele acabou sendo criado, já que se irritou com Tiny sendo mais burro que uma porta nos jogos anteriores e não mudou nada com Crunch, porém como achava que ele iria ser um Crash mais forte, acabou optando por ele mesmo e acabou sendo lobotomizado pela primeira vez para virar inimigo do Crash, e como Cortex não tinha mais cobaias para que testasse o poder dos Elementais, acaba usando Crunch como uma cobaia.

Com isso, Crunch ganhou vários poderes, o que tornou o jogo repetitivo por ser o único chefe dele, e aprendeu a formar uma esfera de terra, a fazer hadoukens de água e copiar a bossfight do N. Tropy, a virar uma criatura de fogo e voar com o poder do ar, mas mesmo assim acabou sendo derrotado por Crash quatro vezes. Na última, se reuniu com Neo Cortex para dar um jeito no marsupial laranja, mas nem isso acabou dando certo para Cortex, que pistolou ao ser vítima de abuso de Crunch e acabou sem querer querendo desfazer a lobotomização de Cortex e enfim fugindo com Crash para Wumpa Island.

Na ilha, não se sabe como Crunch consegue achar a casa de Crash, Coco e Aku-Aku, e resolve se juntar aos dois bandicoots pro resto dos jogos, virando o irmão adotado dos dois.


Crash Twinsanity[editar]

Crunch sem saber o que fazer com esse bolo.

Depois de passar alguns anos morando com Crash e Coco, Crunch resolve finalmente sair daquele cabaré e conhecer mais da Wumpa Island, onde ele começa a ouvir alguns vilões falando sobre uma possível festa de aniversário feita na boa fé para Crash e como Crunch era realmente burro para não perceber que aquilo era uma cilada Bino, acaba realmente preparando um bolo naquela ocasião e se reúne com outros vilões, que como não sabiam ainda que Crunch havia traído eles, deixaram ele participar daquela suruba toda.

Crunch aparece na festa junto com Polar, que tá com aquela cara de irritado por ser vítima de abuso do Crash disserem que ia ter uma piñata e não ter absolutamente nada e fica com uma cara de confuso quando não é uma festa de aniversário (ah, vá!) e não se sabe o que acontece com aquele bolo, se vai para algum vilão faminto, já que o próprio Crunch, Tiny Tiger e Koala Kong recusariam comer aquilo, ou é jogado fora em algum lugar da caverna ou da praia.

Crash Bandicoot 2: N-Tranced[editar]

Crunch vai passear em algum lugar de Wumpa Island para fazer nada de sua vida, onde acaba se deparando com um pênis mutante, que o leva para uma cilada e Crunch acaba virando escravo dele. Como Crunch realmente era burro, Trance não quis usar ele como um chefe decente e é o primeiro daquele jogo. Crunch usa uma roupa estilosa (ui!) com um escudo e um jetpack com uma arma para tentar derrotar Crash, porém é acertado por caixas de nitro voadoras (WTF?) e volta novamente a ficar junto com Crash e Coco. Depois disso, Crunch consegue ser um personagem jogável em um jogo de aventura da série, sendo pela primeira e última vez.

Crash Nitro Kart[editar]

Quase o mesmo enredo do jogo de corrida anterior, o planeta de Crash & Amigos corre risco de extinção por uma raça alienígena e Crash (ou outros) tem que derrotar quatro chefes em várias corridas para enfim batalhar com o chefão final. Dessa vez Crunch possui seu próprio carro de corrida, onde foi chamado pela equipe de Crash só por que Polar e Pura foram vítimas de estupro do mesmo pênis mutante do jogo anterior.

Crash Tag Team Racing[editar]

Crunch e Crash fugindo da polícia.

Participa novamente junto com os outros bandicoots, que entraram no parque de Von Clutch sem autorização e vira um dos oito corredores principais daquela budega, onde Crunch não serve pra porra nenhuma naquele jogo, apenas para ter uma das piores armas do jogo, imitar o Mr. T, fazer rimas toscas, tentar dar uns pegas na Pasadena O'Possum (embora ela só queira o Crash mesmo) e procurar seu ursinho de pelúcia perdido do jogo que Crunch vai ficar lhe insistindo que não é dele.

Crash Boom Bang![editar]

Um dos vários personagens jogáveis nessa suruba, mas ninguém se importa para esse jogo.

Crash of the Titans[editar]

Crunch aparece no jogo mandando o Cortex tomar refrigerante japonês, mas caba virando picolé no jogo inteiro e nem tenta sair daquilo, já que Crunch estava com bastante preguiça para fazer algo de útil. Crunch fica naquele estado por horas, sorte que não virou absolutamente congelado como Cortex e Uka Uka antes de Crash Twinsanity, já que na última fase Crunch finalmente resolve fazer força para sair daquilo e consegue. No final, os três patetas bandicoots acabam indo comer panquecas, já que quase todos personagens do jogo são viciados naquilo. Em resumo, Crunch é realmente inútil nesse jogo.

Crash Mind Over Mutant[editar]

Em Mind Over Mutant, Crunch começa fazendo nada de sua vida, até que ele resolve olhar televisão e se viciando em canais bostas, ele tem a ideia de comprar o NV de Neo Cortex, a qual teria 1001 funções e resolve colocar aquela invenção, mas acaba sendo uma bilada e ganha uma forma monstruosa, onde acaba tendo fetiches sexuais com macacos no depósito de lixo de Wumpa Island e acaba sendo derrotado por Crash naquela luta e depois de tirar o NV dele, acaba sendo ainda mais espancado por Crash e acaba desmaiando de tanta porrada que tomou naquela cena.

Crash Team Racing Nitro Fueled[editar]

É um dos corredores novos do jogo e é do tipo apelão, o tipo Speed e quase ninguém joga com ele por não ser um dos clássicos, por atualmente não ser dos mais novos ou por não ser do Esquadrão Nitro. Possui como skins versão Husky, Rottweiler, Dálmata (plágios da Tiny Doberman), robô (um universo paralelo quando Crunch acabou parando no universo de Sonic e se deparou com Dr. Eggman), Corredor de motos (versão piorada da skin de motoqueiro do Tiny), Corredor normal (versão piorada das skins Motorsport do Esquadrão Nitro inteiro) e o Crunch de Mind Over Mutant (pra não esquecer daquela porcaria).