Deslistas:Super-heróis do kuduro

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar

Deslistas.gif

Este artigo é parte do Deslistas, o sumário livre de conteúdo.

Rei do Kuduro rodando com sua cinquentinha pela Angola, recrutando para os super-heróis do kuduro os maiores kuduristas do país.

Reunidos pelo Rei do Kuduro, o Nick Fury angolano, os super-heróis do kuduro são os melhores dançarinos de kuduro que já existiram na história. Selecionados criteriosamente, eles não possuem apenas habilidade no passinho. Com os seus corpos e mentes fortalecidos após anos de práticas kuduristas nas periferias de Luanda, todos os super-heróis do kuduro possuem poderes sobre-humanos, como capacidade de beber óleo de motor, engolir fogo, quebrar as leis da física ou invocar do nada uma sucuri caolha de três metros. Por isso eles dedicam suas vidas a lutar em batalhas musicais contra a maior organização criminosa de Angola, os super-vilões do paumole, que desejam acabar com o kuduro e implementar o forró e o axé no país. Segue uma lista de todos os bravos combatentes kuduristas em atividade no momento.

Hosmem Come Lasmina[editar]

Um vigilante zeloso, Come Lasmina é o Batman do universo kudurista.

Hosmem Come Lasmina, o hosmem que bebe o olho dos trovões meeeeen, é o líder dos super-heróis do kuduro, e a entidade mais poderosa a fazer parte do grupo. Além de ter muita ousadia e alegria nas pernas, assim sendo considerado pelo próprio Rei do Kuduro como o melhor bailarino do mundo, Come Lasmina é claramente um mutante, pois bebe óleo de motor como se fosse água, mastiga lâminas de barbeador, come vidro, dança kuduro com tudo isso no estômago e pula de uma altura de até cinco metros como se fosse nada, ignorando qualquer dano de queda. Ele é o único hosmem que o terreno de Dark Souls não consegue matar.

Apesar de ser o super-herói angolano mais importante e o que mais está disposto a proteger o seu país, Come Lasmina é incompreendido pelo seu próprio povo, que foge quando ele começa a demonstrar nas vias públicas as suas habilidades peculiares. Assim como em X-Men, as pessoas ainda não estão preparadas para aceitar os poderes desconhecidos do kudurista.

Hosmem Fosgo[editar]

Hosmem Fosgo com seu inseparável bastão arcano incendiário, que serve como catalisador para suas habilidades.

Hosmem Fosgo, o hosmem losco, é o Tocha Humana do kuduro. A habilidade especial deste super-herói consiste em controlar livremente o fosgo. Além de conseguir cuspir o elemento nos inimigos do kuduro, ele é a prova de fosgo, não sentindo nada nem quando encosta uma tocha acesa na birola. Para conseguir este poder, o Hosmem Fosgo passou anos bebendo fosgo, comendo fosgo, dormindo com fosgo, namorando com fosgo, se masturbando com fosgo... ele é um losco mesmo, talvez o mais losco do Planeta Toairra. Por sua afinidade com o fosgo, ele acabou se tornando uno com o elemento, e dizem que ele consegue até virar uma chama viva, incendiando os palcos quando começa a dançar.

Para esconder sua real identidade, quando vai fazer suas performances kuduristas e loscas nos semáforos de Angola, o Hosmem Fosgo faz uma pintura de guerra na cara, que deixa ele parecido com o Ossos Cruzados.

Hosmem Cinto[editar]

Hosmem Cinto, o Hefesto do grupo, mostrando o cinto tecnologicamente avançado que forjou no Vesúvio.

Hosmem Cinto, o hosmem inspirado, pode até não ser um super-herói tão poderoso quanto os demais, mas é peça importante para completar o Exodia do kuduro. Um especialista na arte da forja, o Hosmem Cinto possui uma habilidade bem única e importante, que consiste em criar acessórios e roupas estilosas para os demais super-heróis, afinal não se pode dançar kuduro sem estar bem vestido, isso é um desrespeito para com o ritmo. Mas o que poucos sabem é que, em momentos de necessidade, o Hosmem Cinto se mostra um exímio combatente e invocador, na hora do pau, ele arranca o seu cinto feito com barbante amarelo e invoca do nada uma sucuri caolha que deixa os inimigos do kuduro sem conseguir andar por período indeterminado.

É claro que alguém com tanto estilo não poderia ser encontrado no meio da rua, então o Rei do Kuduro apenas conseguiu recrutar este poderoso guerreiro por acaso, quando foi no salão de beleza se preparar para uma performance noturna.

Hosmem Asranha[editar]

Hosmem Asranha, o aracnídeo do kuduro, escalando a laje para dançar kuduro no ponto mais alto de sua cidade.

Hosmem Asranha, o hosmem que faz de tudo pelo kuduro, é um dos mais poderosos kuduristas do grupo, dizem até que ele é o único que pode lutar de igual pra igual com o Hosmem Come Lasmina. Antes apenas um angolano como qualquer outro, a vida de Pedro Parque mudou após ser picado por um kudurista radioativo, acidente que fez com que ele se tornasse o Hosmem Asranha, o dançarino com poderes de aracnídeo. Com sua capacidade sobre-humana de escalar lajes e de não tomar dano físico e nem dano de queda, o Hosmem Asranha é o tanker do grupo, se colocando na linha de frente durante as batalhas musicais e estando disposto a levar chapada pelo kuduro.

Considerado o amigo da comunidade, o Hosmem Asranha não é temido pelas pessoas, pelo contrário, elas idolatram este super-herói, fazendo fila para se reunir na laje para assistir as apresentações kuduristas dele ao vivo.

Hosmem Buneico do Poisto[editar]

Hosmem Buneico do Poisto, o único que consegue fazer os passinhos de kuduro mesmo sendo imóvel.

Hosmem Buneico do Poisto, o hosmem sem gravidade, é considerado um super-herói filler, mas nem por isso é menos poderoso do que os demais, muito pelo contrário. Sua habilidade de quebrar as leis da física é considerada uma das mais úteis do kuduro, e não pode ser ignorada. A ciência ainda não é avançada o suficiente para explicar o que acontece com esse kudurista, que consegue controlar a própria massa e assim, se movimentar como um boneco de posto e fazer uma performance de kuduro bem única.

O ponto fraco do Hosmem Buneico de Poisto é que ele não consegue se movimentar enquanto manipula sua massa, assim virando quase que uma planta, passando boa parte de seu dia imóvel na praia. Quando a presença do Homem Buneico do Poisto é necessária em alguma batalha, os demais super-heróis kuduristas levam ele como uma mochila até o local do confronto.

Hosmem Pistoila[editar]

Hosmem Pistoila fazendo uma de suas raras aparições em um semáforo de Angola, já preparado para derrotar os inimigos do kuduro com sua pistola one hit dance.

Hosmem Pistoila, o hosmem do gatilho mais rápido do kuduro, é o Erron Black kudurista, um anti-herói e mercenário que de vez em quando ajuda os super-heróis do kuduro em batalhas mais difíceis, como quando os guerreiros angolanos enfrentaram os dançarinos de break na batalha derradeira pelo controle de Luanda. O Hosmem Pistoila, com sua pistola .12 one hit dance que apenas ele consegue sacar, é temido em qualquer campo de batalha, e apenas sua presença é o suficiente para aterrorizar os inimigos. Mas apesar de ser poderoso, o Hosmem Pistoila não pode ser encontrado, é ele quem encontra o Rei do Kuduro quando quer oferecer os seus serviços.

Ele é o super-herói mais misterioso do anime kudurista, aparecendo em apenas um episódio quando sua presença era realmente necessária para proteger o kuduro contra a ameaça iminente dos super-vilões do paumole. Ninguém sabe exatamente quem ele é ou quais são suas intenções, apenas que ele está disposto a fazer qualquer coisa pelo kuduro, assim como todos os outros super-heróis. E apenas isso é o bastante para ele ser bastante respeitado pelos demais heróis deste universo.

Hosmem Matemaitica[editar]

Pai Diesel, o hosmem que conhece a tabuada todinha, esse é o seu ponto forte.

Pai Diesel, o greinde matemeitico do kuduro, é o cérebro da equipe. Um especialista em tabuada e businessman de sucesso, o Hosmem Matemaitica, cujo QI é de 300, é uma mistura de Bruce Banner com Tony Stark, e foi o professor de Albert Einstein e Nikola Tesla, tendo até ensinado estes aprendizes menos inteligentes como dançar kuduro. Com os seus extensos conhecimentos matemáticos e cálculos precisos, sua principal habilidade consiste em calcular o ângulo exato em que as pernas dos demais super-heróis deve ficar para a perfeita execução dos passinhos kuduristas mais complexos.

A mente do Hosmem Matemaitica é tão complexa, que intriga cientistas e kuduristas do mundo inteiro. Provando que além de matemaitico ele é economista, o Hosmem Matemaitica é a única pessoa de todos os multiversos que consegue fazer cálculos já considerando a inflação diária, por isso ele diz, sem pestanejar, que sete vezes sete é igual a setenta e nove.

Hosmem Vampairo, o Konde Kuduracula[editar]

Konde Kuduracula, o kudurista vampiresco cujo ponto fraco não são estacas ou luz solar, e sim qualquer música que não seja kuduro.

Hosmem Vampairo, o Konde Kudurakula, é um anti-herói que, assim como o Hosmem Pistoila, não se importa muito com a Angola, apenas com o kuduro, e por isso aparece apenas quando dá na telha. Aparentemente apenas um angolano comum que passa seus dias com os amigos na laje, o Hosmem Vampairo esconde um segredo. Quando escuta um kuduro, o Hosmem Vampairo passa por uma transformação consciente bem peculiar. Ao fazer seus caninos crescerem e sua pupila ficar branca, este kudurista vira o Konde Kuduracula, e está pronto para derrotar os inimigos do kuduro com seus passinhos demoníacos, aprendidos após treinar por 350 anos com os maiores mestres do ritmo.

Mestre do Boneiko de Madoaira[editar]

Mestre do Boneiko de Madoaira usando seu jutsu de manipulação a distância para controlar suas criações e fazer elas dançarem kuduro.

Mestre do Boneiko de Madoaira, o hosmem da manipulação, é o Sasori do universo kudurista. Sua técnica máxima suprema consiste em manipular a distância uma dupla de pequenos bonecos de madeira, fazendo com que eles executem os principais passinhos do kuduro sem nenhuma dificuldade. Por também ser um tiozão engraçadão, o Mestre do Boneiko de Madoaira as vezes coloca seus dois bonecos em posição de acasalamento, não sabemos se apenas para desopilar ou se para desconcentrar os inimigos do kuduro.

Apesar de ser poderoso no combate a distância, o Mestre do Boneiko de Madoaira não possui grande força física ou resistência, e nem consegue se movimentar enquanto está controlando suas criações, assim sendo vulnerável no corpo a corpo e um alvo fácil para os inimigos que cheguem perto demais e o desafiem para um duelo de dança ao vivo.

Pispino[editar]

Pispino observando com admiração o seu irmão Cara Faia, que segue a tradição familiar e treina para masterizar as principais técnicas de kuduro.

Pispino, o hosmem do Sempre a Subir, é um antigo membro dos super-heróis do kuduro, que se aposentou do grupo para aparecer na televisão angolana e ajudar a espalhar o ritmo pelos quatro cantos do mundo. Apesar de não ser mais um membro fixo, Pispino ainda goza de prestígio por ser um dos membros fundadores da equipe e um grande dançarino de kuduro, portanto é muito respeitado pelos demais super-heróis, que sempre se reúnem quando Pispino vai se apresentar junto de seu irmão, Cara Faia, este que possui potencial para ser um dos maiores dançarinos de kuduro no futuro e por isso está em processo de admissão para fazer parte dos super-heróis do kuduro.

Assim como o Rei do Kuduro, Pispino é uma celebridade da internet, e apesar de não mais enfrentar os membros dos super-vilões do paumole, consegue zelar pelo kuduro de outras maneiras, fazendo as pessoas gostarem do ritmo ao apresentar publicamente os seus passinhos 100% originais criados com o conhecimento adquirido após anos de treinos e quedas nos estúdios da TPA.

Hosmem COVID[editar]

O perigoso Hosmem COVID, destruindo sem piedade uma apresentação ao vivo de nossos heróis kuduristas. Apesar de seu poder, os super-heróis do kuduro ainda não se deram por vencido.

O maior vilão que já apareceu no universo do kuduro, o Hosmem COVID é um poderoso oponente, que ameaça a paz entre os kuduristas com a sua habilidade máxima secreta, que consiste em eliminar o público das apresentações e acabar com a felicidade dos dançarinos, que não mais podem exibir publicamente os seus passinhos aperfeiçoados após árduos treinamentos.

Para combater esta ameaça, o Rei do Kuduro sequer conseguiu reunir todos os heróis que recrutou, já que isso seria aglomeração e iria aumentar ainda mais os poderes do Hosmem COVID. Sem saída, o jeito foi organizar batalhas 1x1 transmitidas pelo YouTube, com um super-herói indo de cada vez lutar contra o vilão. Até o momento, ele ainda não foi derrotado, já tendo conseguido nocautear alguns dos heróis kuduristas em combate.

Pra piorar, o Hosmem COVID, como bom vilão, possui vários asseclas, que com habilidade de hipnose, conseguem fazer o povo angolano se cumprimentar com um aperto de mão, algo que aumenta ainda mais os poderes do Hosmem COVID. De qualquer forma, o povo angolano deposita todas as suas esperanças nos super-heróis do kuduro, que ainda não se deram por vencido e continuam tentando vencer o Hosmem COVID em batalhas musicais transmitidas em lives.