Desnotícias:Série B 2021 termina da pior maneira possível

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar

Este artigo é parte do Desnotícias, a sua fonte de ignorância 24 horas por dia.

SÉRIE B, Brasileirão

Parabéns, Fogão, pelo bicampeonato!!!!

O famoso campeonato da Série B do Brasileirão. Aquele campeonato que assombra até os dias de hoje o Cruzeiro, o Vasco e o Grêmio. O campeonato que o Palmeiras é bicampeão. É desse mesmo que nós estamos falando. Ele nunca foi grandes coisas, só é considerado grande no quesito de ser uma grande fonte de memes, piadas e cenas tiradas duma comédia pastelão, e para piorar, nesse ano, ele conseguiu terminar da pior maneira possível. "E que maneira seria essa?" Você deve estar se perguntando, simples: Botafogo campeão...

O time mais bosta do ano de 2020, ocupando a lanterna, o esgoto, a fossa da Série A, conseguiu surpreender a todos, garantindo não só o acesso, como também o título da Série B 2021, que caí entre nós, principalmente se você for gremista, não é lá um título digno de se comemorar, então bem que outro time poderia ter ganho no lugar, como o Coritiba ou o Goiás, pois esses times de certeza irão cair no ano seguinte, então ao menos serviria de consolo, tal como a Chapecoense, que ganhou a Série B, porém terminou rebaixada, enquanto seu vice, o América-MG, conseguiu sobreviver por mais um ano na elite.

Para piorar a situação, caso já não bastasse ter de aturar esses times ioiôs subindo novamente pra descerem mais uma vez, na maior cara de pau, como fosse conseguir algum resultado bom, principalmente o Avaí, que dentre todos sempre foi o mais bosta, o mais lixo e o mais vergonhoso, ainda tivemos de encarar o rebaixamento do Reminho, que até tentou remar para águas mais calmas, porém foi afundado pela correnteza. Ao menos nós poderemos rir por mais 1 ano do Vascão e do Cruzeiro, além do rebaixamento do Derrota pra Série C...

Fontes[editar]

Compartilhe
essa desnotícia:
Compartilhar via Email Compartilhe via Facebook Tweet essa reportagem Compartilhe via WhatsApp Compartilhe via Telegram