Pedolinha

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Novo logotipo da Wikinet.png Para os brainlets newfags que macaqueiam nos recintos, aquela merda possui um paliçádico sobre:
Emerson Eduardo Rodrigues.
No Wikipedia.png QUEBRARAM A CARA!

Os espertalhões da Wikipédia NÃO têm um artigo sobre Emerson Eduardo Rodrigues.

Emerson Eduardo Rodrigues Setim (Pedola) sendo conduzido para apreciar o sol nascendo quadrado em Curitiba, 2012.
Incels: Virgens de 40 anos

Engenheiro Emerson Eduardo Rodrigues Setim (Inferno, 29 de fevereiro de 1777) é um criminoso da internet, conhecido por ter sido por muito tempo a puta de estimação do Psycl0n, até que o Pereira os mandou para o xilindró. Mais conhecido como Pedala robinho por adoradores de cachorros brancos com sorriso assustador que se acham os pinto-das-galáxias só porque conseguem hospedar a porra de um chan no cebolão usando Tor com JavaScript desligado, é um ex-discípulo de Mestre Yoda Dacciolo e antigo integrante dos Motoqueiros Bacanas, do tempo em que eles ainda lutavam contra alienígenas com bandeira vermelha cuja líder era um tipo de suíno blogueiro. Também já foi terrorista de impressoras e prostituta online, apenas para retardados psycopatas.

Além de outras coisas, gosta de ameaçar gratuitamente qualquer um que lhe possa garantir ao menos migalhas de fama pela web, o que fez com que este indivíduo se tornasse uma das personalidades mais odiadas da internet brasileira, sendo superado apenas por Laura Bolsonaro e o Filósofo Piton. Autointitula-se o CAPATAZ SANCTVM, talvez porque ainda imagine que vivemos no século XIX e tenha negros profanos para serem açoitados gratuitamente em cada quarteirão, mas de sanctvm e lucidez esse cara não tem nada.

História[editar]

Se o vampiro falou, tá falado.

Pouco se sabe sobre o passado nada estranho de Pedala, exceto que passou boa parte da infância e adolescência frequentando um lugar anteriormente conhecido como Orkut, onde expusera suas brilhantes ideias para o povo ler e denunciar se deliciar com sua precoce sabedoria. Inevitavelmente atraiu a atenção de um certo carinha simpático conhecido por aí como Psycl0n. Bom, Psy não batia tão bem da cabeça como todos imaginavam, ou não, e devido à frequente exposição à radiação online, tampouco o capataz encontrava-se em suas perfeitas faculdades mentais; logo os dois começaram sua saga de aventuras nem tão perigosas assim pelo ambiente das redes sociais.

Porém, com o tempo o tédio começou a dar sua marteladas: falar mal de "macacos" e "merdalheres" nas redes já não era suficiente! Não demorou nadinha para o infame Silvio Koerich ressurgir e causar muito rebuliço pela internet afora, porque denunciava os abusos econômicos dos negros quanto ao preço do crack e do pastel, o que emputeceu demais os esquerdistas e aqueles moralfags nossos-de-cada-dia que existem até hoje em qualquer rede social, site, blog ou terreiro de macumba, até mesmo na Desciclopédia. Obviamente, isso chamou a atenção do tio Pereira e logo os dois pombinhos se viram atrás das grades:

CondenacaoEmerson.png

Se fodeu mas nem tento, estamos no Brasil

Cquote1.svg Marcelo, isso tudo é culpa sua! Cquote2.svg
Emerson
Cquote1.svg Ah claro, fui eu que andei vendo café preto no Chrome sem abrir a navegação privada! Cquote2.svg
Psy
Cquote1.svg Acho que não gostei da sua ironia! Seu pai chupa o pinto de sua mãe, tá me escutando? Cquote2.svg
Emerson
Cquote1.svg Buááááá!! Não gosto mais de você! Cquote2.svg
Psy

Para a Polícia Federal, Emerson Eduardo Rodrigues seria o principal responsável pelo conteúdo do site "Silvio Koerich". O técnico de informática seria agressivo e violento, e autor da maior parte das publicações do endereço na web, que defendia a morte de mulheres que mantivessem relações sexuais com negros, o assassinato de homossexuais, o estupro coletivo de lésbicas e o abuso sexual contra menores de idade.

Era de se causar desespero mesmo, já pensou receber uma ameaça do próprio filósofo Piton?
"Ativismo" político de Emerson, verdadeiro defensor da honra masculina e da raça branca!

E com este triste desfecho surgia uma das rivalidades mais acirradas já vistas. Quando os dois saíram do xadrez, Psy, odiado até pela própria mãe, criou uma panela online desgraçadamente cancerígena conhecida até hoje como Dogolachan, criado especificamente para atacar nosso capataz santo de todas as formas inimagináveis.

Emerson, desempregado, abatido emocionalmente, cansado, estuprado, entediado, akumatizado e liso, continuou sua carreira de falar mal de tudo e todos, enquanto prosseguia tentando conseguir um emprego, nem que fosse de garçonete traveco. Resolveu is pros USA tentar ganhar algumas pratas por lá, e até se saiu bem, até que recebeu uma desagradável surpresa.

Por algum pacto com Belzebu e muita macumba nível hard, algum engraçadinho através da internet fez com que milhares de impressoras online emitissem uma mensagem, em nome de Emerson, ameaçando tudo que era lugar com bombas e entregas descontroladas de kits gay, o que causou um cagaço geral nos norte-americanos. Por acaso, a tradução do conteúdo da mensagem era esta:

Cquote1.svg Bom dia, eu serei breve.

Como já dizia o filósofo Piton,

Que teve como discípulo nada mais nada menos que Barack Obama,

"Tudo na vida depende do quanto você quer explodir os miolos de alguém!"

(...) Cquote2.svg

O que fodeu demais com a vida dele ali, já que as autoridades abriram o olho para esse tipo de ataque (não se esqueça, americanos morrem de medo de terroristas), daí sua vida inteira de brincadeiras foi investigada.

Massacre de Suzano[editar]

Crystal Clear app xmag.pngVer artigo principal: Massacre de Suzano

Quando os dois wikipedistas invadiram a escola Raul Brasil para bater o recorde de kills do Counter Strike, a turminha do barulho no cebolão conseguiu fazer com que todo mundo acreditasse que eles haviam sido os "mentores" do massacre (ou melhor, da partida), o que fez com que muitos chupassem as bolas de um tal DPR, filho ilegítimo de Psy. Inacreditavelmente e inexplicavelmente diversas emissoras relacionaram Emerson com o ataque, então ele afirmou que iria processar uma certa emissora aí.

Atualmente[editar]

Dizem que esta foto causou violentas crises de ciúmes em Psy, já que os dois gordos aí são mais jorges que o resto do Brasil inteiro

Hoje em dia, Emerson continua sua histeria em provocar todo tipo de gente, seja esquerdista, direitista, olavete, bolsominion, lulista, nazista, fascista, ancap ou defensor da Federação dos Planetas Unidos. Sendo assim, acabou se aliando à Wikinet, que por acaso já foi citada mais de quinze vezes em processos do Psy e TCC's de preguiçosos que não tinham algo melhor pra ir escrever sobre. Também, pudera: o artigo sobre o indivíduo supera qualquer outro ali (se bem que mais de 90% dos artigos é sobre chans ou pr0n), onde há mais informações sobre a vida pessoal do cara do que ele mesmo conhece. Recentemente mudou-se ilegalmente para a Espanha após ser declarado foragido da justiça brasileira. Continuou praticando seus crimes de ameaça e estelionato até que percorreu o caminho de Santiago de Compostela onde durante uma epifania, São Tomás de Aquino lhe revelou que a única maneira de derrotar seu arquirival Batoré seria juntando as sete esferas do dragão e fazendo um pedido a Shen Long.

Porque Emerson é tão odiado?[editar]

Tadinho do Emerson! Foi reconhecido na rua e apanhou da Força Sindical!

Emerson possui um tipo de transtorno obssessivo-compulsivo que lhe deixa com o cu coçando para escrachar esquerdistas. Bom, até aí poderíamos considerá-lo um direitista qualquer ou um bolsominion enfurecido, mas o bendito consegue atrair o ódio dos conservadores quando os chama de "falsa direita" e passa a atacar os dois lados, afirmando que todos se vendem ao sistema. Neste quesito, todo mundo se une pra falar do quão retardado é esse cara e de como querem sua cabeça careca num pires coberta de ketchup. Além disso, sua rivalidade com o Dogolachan continua, embora o dono deste tenha se cagado nas calças quano um traveco o apunhalou num fórum aleatório por aí.

Leia também[editar]

Ligações externas[editar]

Damares Alves.jpg Este artigo trata de uma personalidade mortalmente,
putaqueparivelmente e filhadaputamente odiada!
Isso não deve ser digno(a) nem da merda que caga!

Conheça outros filhos da puta clicando aqui.