Espectro (DC Comics)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Ghostrider39.jpg Este artigo é ASSOMBRADO!

Algum espectro que atravessa paredes e adora pregar peças em cagões
está vigiando este artigo, então cuidado com os objetos flutuantes e não vandalize,
ou ele virá puxar seu pé enquanto dorme.

20121009225518!Os Incríveis.jpg Este artigo é um(a) super-herói(na).

O texto a seguir é sobre alguém que voa, tem poderes, salva donzelas e prende bandidos. Se vandalizar este artigo, eles te levarão à Justiça.

Para conhecer mais desses seres incríveis, clique aqui.

Night creature.JPG Espectro (DC Comics) surgiu das trevas!!

E está aqui pra puxar seu pé!

Puro osso.gif
Espectro em ação.

Cquote1.png Você quis dizer: Gasparzinho do mal Cquote2.png
Google sobre Espectro (DC Comics)

Cquote1.png A VINGANÇA É MINHAAAAAAAA!!!! Cquote2.png
Espectro sobre sua frase favorita.

Cquote1.png Quem? Nunca vi na vida. Cquote2.png
Coringa sobre, mesmo sendo o pior assassino de todos, nunca ter sido abordado pelo Espectro.

Espectro é um personagem da DCpção Comics, criado pelo mesmo carinha que criou o Superman e por mais um sujeito qualquer, lá nos idos da década de 1940, quando a TV ainda nao existia e os dinossauros domiinavam a Terra. O Espectro ficou conhecido como um espírito poderoso da vingança, que para funcionar precisava se fundir com alguém. Geralmente ele possuía como hospedeiro humano algum policial inocente, que morreu combatendo o crime e agora ainda tinha que aturar esse monstro estranho se apossando dele. Nas primeiras histórias e por um bom tempo depois disso, foi o policial Jim esCorrigan que ocupou o cargo, que regressara da morte com a missão de DESTRUIR LEGAL!!! punir almas corruptas.

História[editar]

A primeira história do Espectro. S´´o uma coisa a dizer sobre ela: MUAHUAHAUAHAUHUHAUAHUAHAUHUA!!!

No início dos tempos, surgiu o universo... e como Deus estava de mau-humor, surgiu o Espectro também, auto-denominado "a ira divina" que tinha o único objetivo de se vingar de tudo e de todos... mas como naquela época não existia ninguém, o Espectro teve que aturar uma eternidade de tédio infinito. Bilhões de anos se passaram e, depois de milhares de raças alienígenas terem aparecido no universo, finalmente surgiu uma, na Terra, que o Espectro achou digna de ir atormentar, já que todos os humanos eram feios, bobos e cabeças-de-mamão corruptos e filhas-das-putas por natureza, e tinham mais é que apanhar mesmo. Assim, o Espectro podia se divertir surrando homens-das-cavernas todo dia, o tédio finalmente tinha acabado. Com o passar do tempo, os humanos evoluiram mas o Espectro não, e como ele nao gostava de ficar desatualizado, decidiu que apssaria a se fuder fundir com humanos que também quisessem vingança, para que assim pudesse ficar sempre na moda, e entender como a psique humana funcionava, para poder tornar suas vinganças ainda mias dolorosas do que o usual.

O Espectro já matou bilhões de bandidinhos e traficantes de todos os tipo, mas por algum motivo que ninguém sabe, nunca surrou pra valer nenhum super-vilão daqueles bem ruins, tipo o Lex Luthor e o Coringa, já que se fizesse, os outros super-heróis acabariam todos desempregados mesmo.

Usuários do Espectro[editar]

Jim Corrigan[editar]

Apesar do Espectro já ter histórico de possuir cadáveres desde o início dos tempos, nós felizmente só começamos a ter que acompanhar esa loucura a partir de Corrigan, um zé mané qualquer que tentou entrar no BOPE mas por ser corrupto não deixaram, e acabou morto por algum mafioso qualquer. Corrigan percebeu que passar o resto da eternidade vadiando em algum lugar qualquer não teria graça nenhuma e por isso aceitou ser fodido pelo fundido com o Espectro. Entretanto, foi péssimo no cargo, já que, enquanto outros ao virarem espectro se tornavam seres poderoso e indestrutíveis, Corrigan era só mais um heróizinho quaquer, e que ainda acabou membro da Sociedade da Justiça, super-equipe de velhos surigda na década de 40, que não passava de um bando de esquizofrênicos fanatasiados que saiam a noite para dar socos nas pessoas, e que depois começaram a usar sua fama para ganhar uma grana.

Percebendo a burrada que fez, Corrigan logo saiu da equipe, e até tentou compensar a vergonha lutando contra monstros e aberrações cósmicas para salvar a existência, como na Crise nas Infinitas Terras, aonde tentou peitar o Antimonitor, mas não adiantava mais, o estrago já estava feito, e para tentar se livrar da vergonha, o espectro demitiu Corrigan, mandou ele para os quintos do inferno, e foi buscar um novo candidato ao emprego de ser fodido por se fundir com ele.

Tem certeza de que ele é um super-herói?

Hal Jordan[editar]

Isso mesmo, Hal Jordan, o todo famoso e metido a heróizinho Lanterna Verde, já teve que aturar o Espectro também. Tudo começou na conturbada década de 90, época em que todos os heróis sem exceção, se tornaram violentos, bizarros, sem sentido, ou perderam a identidade por completo. Com o Lanterna não foi diferente, e logo sobrou pra ele surtar e virar um super-vilão destruidor de universos chamado Parallax. Enquanto um manézinho qualquer virava o novo lanterna verde durante o tempo de Jordan como vilão, este, como Parallax, saiu por aí querendo destruir o tempo para impedir o nascimento dos outros super-heróis, dos quais ele tinha inveja por não terem que usar um colante verde ridículo e um supositório anel para poder voar. O plano obviamente deu errado, e Parallax, com medo de se ferrar, fingiu que se arrependeu de seus pecados, mas mesmo assim acabou sendo morto pelos outros heróis, que disseram para a imprensa que ele se "sacrificou" para salvar o mundo. Assim, Jordan, fulo da vida por seu fim, aceitou ser fodido fundido pelo com o Espectro para se vingar de todo mundo sem dó. Essa aliança durou pouco, pois as histórias com o Jordan Espectro eram tão ruins e ele tão chato que decidiram logo reencarnar ele como lanterna verde e o Espectro que se danasse sozinho.

Crispus Allen[editar]

Percebendo que a quantidade de personagens negros não supria a cota racial, os roteiristas da DC decidiram aproveitar que o Espectro estava sozinho e juntaram ele à um policial negro careca, chamado Crispus Allen, um cara que já tinha aparecido em algumas histórias antes, mas sem importância nenhuma. Assim, os generosos e bondosos roteiristas mataram o pobre homem, separando-o de sua família e então fundiram ele ao Espectro para que ele pudesse sair por aí massacrando brutalmente qualquer bandidinho que visse pela frente, todos eles menos os super-vilões mais malignos e que mais matavma, pois eram necessários para as outras histórias.

O que foi que realmente mudou com esse novo Espectro. Bom, como ele fica de pele cinza de qualquer jeito, não faz diferença se o cara for negro, então só o que mudou na aparência mesmo é que agora ele é careca e tem uma barbicha.

Poderes[editar]

Espectro, pegando mais uma vítima.

O Espectro, por ser um dos seres mais apelões que já existiram, tem uma infinidade de poderes absurdos que nem deveriam existir, um mais bizarro que o outro. Entre os zilhões de poderes, podemos citar:

  • Poder de destruir qualquer coisa
  • Poder de ficar gigante, até do tamanho do mundo
  • Poder de absorver magia
  • Poder de ser apelão
  • Poder de não ter vergonha de siar por aí só de capa e sunga
  • Poder de fazer bandidos apodrecerem
  • Poder de fazer bandidos queimarem vivos
  • Poder de quebrar e destrir tudo
  • Poder de destruir pedras mágicas
  • Poder de meter porrada em super-vilões E em super-herois
  • Poder de afetar todo o cosmos
  • Poder de possuir cadáveres
  • Poder de transformar super-vilões em velas
  • Poder de prender super-vilões em baterias
  • Poder de virar um zumbi
  • Poder de se vingar loucamente
  • Poder de manipular espadas com a mente
  • Poder de soltar bafo de fogo
  • Poder de encarar seres interdimensionais
  • Poder de ser do bem
  • Poder de ser do mal
  • Poder de matar geral
  • Poder de espancar
  • Poder de esfaquear
  • Poder de teletransporte
  • Poder de telecinese
  • Poder de entrar nos sonhos
  • Poder de telepatia
  • Poder de viajar entre dimensões
  • Poder de se transformar
  • Poder de virar fumaça
  • Poder de magia negra
  • Poder de criar plantas do mal
  • Poder de criar animais do mal
  • Poder de matar lordes da ordem e do caos
  • Poder de nao sei

Atualmente[editar]

Atualmente o Espectro continua com Cripus Allen, voando por aí para estripar bandidinhos de rua e batedores de carteira. Recentemente, durante a Noite mais Densa, o Espectro foi zumbificado e se transformou num super-zumbi da Tropa dos Lanternas Negros, mas tudo isso foi só para que os heróis tivessem mais um problema para resolver e mais um maluco para enfrentar antes que tudo voltasse ao normal.

Death99.png Espectro (DC Comics) já morreu!

E deixou um monte de dívidas pra família pagar!

Clique aqui pra ver quem te espera no inferno


v d e h
O incompreensível mundo do Universo D.C.