Feira VI

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Ptbosta.gif Este artigo tá uma bostinha.
Ele está pequeno, chato e sem graça. Será que teria alguma alma caridosa capaz de fazer uma boa ação, tipo a de editar e colocar coisas engraçadas, de forma que ele fique mais engraçado e menos idiota? Só tome cuidado porque o Moderador Malvado está de olho em VOCÊ!
264939.jpg ATENÇÃO:
Simplesmente estamos cagando e andando para quem não gostar do conteúdo deste artigo e, por conseguinte, das opiniões e sugestões dos mesmos. We just couldn't care less.


Cquote1.png Você quis dizer: BAR-irro Feira VI Cquote2.png
Google sobre bairro Feira VI

Cquote1.png Nunca mais passo pela Rua Jurema!! Cquote2.png
Fernandinho Beiramar, vítima de assalto
Cquote1.png Maracujá ou Goiaba? Cquote2.png
Val sobre morador do Feira VI
Cquote1.png Porra, 80 centavos e ainda ganha suco? Cquote2.png
Calouro e morador do Feira VI sobre preço de Val
Cquote1.png Mainha, vô aqui estudar com meus colegas no Feira VI... Cquote2.png
Estudante da UEFS enganando sua pobre mãezinha
Cquote1.png Parece a fila do Bandeijão! Cquote2.png
Morador do Feira VI em horário de pico na Val
Cquote1.png "Sai daqui" "Tadinho, ta com fome" Cquote2.png
Homens e mulheres sobre os animais na Val
Cquote1.png Aqui eu bebo é pra mais de mil! E se pudesse, bebia inté com o delegado! Cquote2.png
Jeremias em visita no Feira VI
Cquote1.png Eca! Eu nunca comi ali. Cquote2.png
Morador e engenheiro de alimentos do Feira VI sobre a falta de banheiro em Val
Cquote1.png Maracujá ou goiaba? Cquote2.png
Val sobre o engenheiro de alimentos aí de cima, após este perceber que lá é a única lanchonete aberta depois das 23h
Cquote1.png Na União Soviética, o maracujá e a goiaba bebem VOCÊ!! Cquote2.png
Reversal Russa sobre o suco de Val
Cquote1.png Eu quero é Caaaaaaaaaana! Cquote2.png
típico morador do Feira VI sobre suas atividades rotineiras e construtivas
Cquote1.png Isso é uma cilada Bino Cquote2.png
Pedro sobre morar no Feira VI
Cquote1.png Essa casa é a prova d'água Cquote2.png
Estudante veterano alugando casa no feira VI
Cquote1.png Na Rua O passe correndo! Cquote2.png
Senhor Miyagi ensinando como sobreviver por mais tempo
Cquote1.png Não tem nem Velox?? Cquote2.png
novo morador do Feira VI sobre o avanço tecnológico do bairro
Cquote1.png Passa o celular, maluco! Cquote2.png
morador do Campo Limpo sobre morador do Feira VI
Cquote1.png Cu duro, cu duro, cu duro, cu duro! Cquote2.png
morador sobre música regional e típica do Feira VI
Cquote1.png Pá rua, véi?! Cquote2.png
cobrador sobre morador do Feira VI
Cquote1.png Porra aqui só tem bar e farmácia! Cquote2.png
calouro feliz e contente sobre os únicos serviços que ele sempre irá precisar pelos próximos 17 semestres
Cquote1.png Hum? Cquote2.png
Joseph Climber sobre Feira VI
Cquote1.png Uma galerinha do barulho aprontando altas pataquadas alcóolicas nessa eletrizante e comovente aventura pelos bares! Cquote2.png
Narrador da Sessão da Tarde sobre os moradores do Feira VI
Cquote1.png Já fiz muito dinheiro ali!!!! Cquote2.png
Delinquente sobre a fonte de renda que é o Feira VI
Cquote1.png Piiiiiiiiiiiiii! Cquote2.png
Guardinha sobre os moradores do Feira VI
Cquote1.png Se juntarmos os guardinhas do Feira VI, com os guardinhas da UEFS, com o batalhão, temos praticamente um exército Cquote2.png
morador engraçadinho do Feira VI sobre o avançado sistema de segurança do qual o bairro dispõe
Cquote1.png Eu bibi dois litros de uísque, um litro de Dréa, uma grade de cerveja e 6 litros de cana Cquote2.png
Caninha sobre o Feira VI
Cquote1.png Se eu pudesse eu matava mil!! Cquote2.png
Jeremias sobre os delinquentes do Feira VI
Cquote1.png Ronaldo! Cquote2.png
Corinthiano sobre qualquer coisa
Cquote1.png Num mi tira di tempo, visse! Cquote2.png
Leonaldo sobre observações de um aluno da UEFS
Cquote1.png Ei Tio me da 1 real! Ou então me paga uma coxinha em Val Cquote2.png
Menino Pidão sobre fome dos meninos de rua do feira VI
Cquote1.png Só pooooode... Cquote2.png
Leonaldo sobre a existencia de cachaça no Feira VI
Cquote1.png Como eu comi duas coxinhas eu tenho direito a dois sucos! Cquote2.png
Aluno sobre direito adquirido pela compra de uma coxinha
Cquote1.png Me pergunte o que estou comendo que eu respondo SAPO enquanto estiver bebendo! Cquote2.png
Vestibulanda sobre Metodo para parar de soluçar
Cquote1.png Tcha naná nananá! Cquote2.png
Mike de Mosqueiro sobre Cantando ao vivo em VAL e só cobrou uma coxinha e 75 centavos
Cquote1.png TchouCU! Cquote2.png
Tito sobre Xingando algum FDP, como último argumento após alguma discussão sem nenhum sentido


Feira VI (Feira Seis, ou Feira 6)[editar]

O Feira VI é o bairro buraco lixo local de Feira de Santana onde moram 99,93465376434% dos estudantes da UEFS, que dizem para os pais que são acadêmicos, para ser sustentados e torrar gastar o dinheiriogastar em farra lazer. Onde é impossovel fazer uma prova sóbrio. É caracterizado por ruas estreitas, denominadas becos caminhos, e pelos entulhos de lixo, que conferem ao bairro, um aspecto sereno e simples de qualquer cidade francesa durante um verão ameno. Com seu desenvolvido sistema de acúmulo de lixo, os pedestres frequentemente tem que brigar por comida com os urubus que tentam roubar os lanches de sua mão. Os nativos do Feira VI se achar um tira foto, incrivelmente conhecem todas as ruas e caminhos brenhas. De segunda a domingo, o Feira VI proporciona uma agradável moradia, com uma música ambiente de qualidade e um sol revigorante durante o dia. Durante a noite, apesar da grande variedade de opções, é comum ver jovens em coma alcóolico felizes, por estarem em um boteco barzinho aconchegante conversando e se divertindo com amigos. No Feira VI, pode-se praticar o consumo alcóolico de acordo com motivos pré-estabelecidos:

  • amanhã terá prova/trabalho para entregar
  • hoje teve prova/trabalho para entregar
  • hoje terminar o semestre
  • hoje começa o semestre
  • hoje estou triste
  • hoje estou alegre
  • hoje estou mais-ou-menos
  • hoje é qualquer dia do ano
  • hoje eu vou beber na casa de Poof
  • hoje eu não vou beber na casa de Poof



Típico morador do Feira VI, se divertindo.
Figura bastante conhecida e adorada no feira VI.

Diversão[editar]

O Feira VI possui uma vasta gama de opções de divertimento, dentre os quais, podem-se destacar:

  • Bar 4 Estacionamentos Estações
  • Bar da Vanda
  • Bar Cantina do Fió
  • Bar Biblioteca do Zé do Burugudu
  • Bar Caminho Cantinho de Casa
  • Bar do Seu Pedro
  • Bar de Seu Raimundo(Pingo de Leite)
  • Bar Tenda Aluguel do Mamute
  • Bar Showpana
  • Restaurante Bar Casa Amarela
  • Bar Cantinho do Sossego Módulo 8
  • Farmácia Loba
  • Farmácia Jomafa
  • Farmácia do Final da Rua A que ninguem sabe o nome
  • Lanchonete Abdala
  • Lanchonete Gygabyte
  • Val Recanto dos Amigos
  • Restaurante Lanchonete Sorveteria Mercadinho Padaria Fernandes
  • Quiosque Lan house, Lanchonete do Mazinho
  • Restaurante Mania Cara e Nordestina
  • Catinho pra do Bode
  • Seu Maia
  • Dona Lita
  • Mel Drink's (com o exclusivo arroz a la barata)
  • Armárinho Dona Maria Boas Novas
  • Armárinho Ladrão de Ceci (Promoção: Mídia de Cd R$:2,00 reais)
  • Lan House Paradinha (Parou mesmo)
  • Lan House Corujão
  • Lan House vizinha ao 4 estações
  • Lan House ex-sorveteria da Rua A
  • Lan House (casa mesmo) Mariscada Rua A
  • Internet Elite (Vergonha do bairro)40,00 reais com direito a queda
  • Locadora de DVD pirata 1 (fechada para "balanço")
  • Locadora de DVD pirata 2 (fechada para "balanço")
  • Locadora de DVD pirata 3 (fechada para "balanço")
  • Locadora de DVD pirata 4 (fechada para "balanço")
  • Locadora de DVD Lucas (laçamentos de 2001)

Segurança[editar]

Apesar de possuir um batalhão inoperante avançado, o bairro acabou desenvolvendo um sistema autônomo de segurança, onde tudo é monitorado 24,2345 horas por dia via satélite pelos guardinhas sob Monark Circular duas rodas. É notório, também, o avançado sistema de serviços do bairro. Um assalto, um incêncido, um mal-estar ou qualquer outro problema que ocorre no bairro, faz soar o telefone das três Meninas Superpoderosas de Feira: José Ronaldo, Tarcízio Pimenta boca de caçapa e José Onofre. Tudo com o intuito de garantir as melhores condições possíveis de vida neste, que é, notadamente, o bairro mais alcoolizado intelectual da cidade. O Feira VI é praticamente uma "Eureka" do sertão.

Clima[editar]

Durante a maior parte do ano, predomina o clima ameno e refrescante do sertão. O meio-dia sexto-feirense é comum também à toda a cidade: um sol revigorante e um vento fresco são responsáveis pela animação e euforia dos estudantes que retornam felizes e satisfeitos do almoço para aulas construtivas das 13:30, no subsolo do módulo 7.

O outono sexto-feirense é a época onde caem não só as flores, mas também um pouco a temperatura: a amplitude varia entre 35°C e 45°C. O inverno é destacado pela sua temperatura suave e sol ameno e pelo friozinho noturno, com amplitudes térmicas diárias que variam entre 38°C (a noite) e 45°C (ao meio-dia, na sombra). A primavera, época das flores, é notável pelas belas flores de cacto. A temperatura já começa a mostrar um pouco mais de atitude, variando entre 39°C e 47°C. É no verão, que temos as temperaturas ideais para a prática de surf, jacarés, coco na praia e banhos de cachoeira, que podem ser muito bem substituídos, por banhos na lagoa da José Falcão, um dos lugares mais bonitos de Feira de Santana e do mundo e um verdadeiro pratimônio da natureza. As temperaturas tem uma pequena mudança, variando entre 137°C e 459°C, dentro das geladeiras. Resumindo! O Feira VI possui 4 estações bem definidas: Calor, Quintura, Verão e Mormaço!

Cardápio[editar]

No Feira VI, existe uma gama de opções para almoço: se você deseja PF, tem-se seu Maia, Dona Lita, Cantinho do Bode (apesar do preço do PF) e Mel Drink's (sempre lembre de pedir arroz sem barata). Se você deseja por comida "aquilo", há duas opções: o restaurante "Mania Nordestina" e a indecisa "Padaria-Lanchonete-Restaurante-Loja de Conveniência-Mercadinho Fernandes". Independente do local onde será efetuada a sua refeição de almoço, o importante é ter em mente que o cardápio segue a cultura sertaneja local. Dessa forma, é bastante comum nos cardápios:

  • Carne de bode assada
  • Purê de carne de bode, com pedaços de carne de bode
  • Carne de bode frita
  • Carne de bode cozida
  • Carne de bode à milanesa
  • Carne de bode gratinada com carne de bode em forma de batatas
  • Suco de carne de bode
  • Café de pó de carne de bode, com leite de bode
  • X-tudo de carne de bode
  • Molho De Vômito de bode
  • E para a sobremesa, sorvete de carne de bode