Geógrafo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para navegação Ir para pesquisar
Cometinha.jpg Este é mais um artigo com pretensão pseudo-científica, portanto, seu autor é um desocupado mentiroso que não diz coisa com coisa.

Cquote1.svg Milton Santos, como advogado foi um notável geógrafo. Cquote2.svg
Historiador maconheiro (quase um pleonasmo), tirando com a cara de algum geógrafo que citou um dos confusos livros do miltinho.
Cquote1.svg Num der conta manda o serviço pra mim. Viu? Cquote2.svg
Engenheiro Cartógrafo querendo dinheiro.
Cquote1.svg Era minha segunda opção de curso. Cquote2.svg
Engenheiro Agrônomo.
Cquote1.svg DOUTRINADOR FILHA DA PUTA! Cquote2.svg
bolsominion sobre professor de geografia.
Cquote1.svg O capitalismo... Cquote2.svg
Geógrafo iniciando uma aula/palestra.
Cquote1.svg A globalização... Cquote2.svg
Geógrafo iniciando outra aula/palestra.
Cquote1.svg Mano essas porra aí querem dar pitaco no meu trabalho sendo que no curso deles não tem 3 matérias de geologia... Cquote2.svg
Geólogo indignado.
Cquote1.svg Como assim vocês ganham dinheiro com serviço de engenharia também? Pensava que vocês só passavam fome Cquote2.svg
Cidadão médio sobre geógrafos.
Cquote1.svg Uma esmolinha por favor? Cquote2.svg
Geógrafo querendo dinheiro.
Cquote1.svg Manu o MST só cumpre a lei taligádu? Cquote2.svg
Geógrafo depois de fumar maconha.
Cquote1.svg Era um bom menino, mas depois que comprou uma estação total nunca mais falou coisa com coisa. Cquote2.svg
Mãe de um geógrafo.
Cquote1.svg Azi o que? Isso é gíria pra droga por acaso? Cquote2.svg
Pai de um geógrafo sobre Azimutes e outros termos confusos do Planeta Mundo.
Cquote1.svg Se eu tivesse que ir de novo em uma reunião de pais eu fazia um massacre saca? Cquote2.svg
Geógrafo sobre a docência da geografia.
Cquote1.svg Esses caras aí mano, esses caras aí traíram o movimento véio, se venderam! Tão fazendo o jogo das elítis mano. Cquote2.svg
Professor de geografia sobre Geógrafos.
Cquote1.svg Nascer pobre tudo bem, mas morre pobre e fudido não dá! Cquote2.svg
Geógrafo empolgado depois de dar baixa no emprego da escola e montar seu escritório, antes de morrer endividado, pobre e mais fudido ainda.

A profissão[editar]

Um típico geógrafo trabalhando.

Que o curso está recheado de quem não quer estudar você já sabe, que a maioria só entra no curso pra viajar, beber, fumar maconha e trancar o curso no primeiro ano você já sabe também, o que você não sabe é onde o geógrafo trabalha, na realidade nem eles sabem (não confundir com o professor de geografia, um geógrafo pode ser professor, mas um professor não pode ser geógrafo).

Existem dois argumentos que explicam o do porque a Geografia pura se tornou tão inútil como profissão com o passar do tempo, a primeira diz que no dia que criaram o CREA os principais representantes dos geólogos, geógrafos, engenheiros florestais e engenheiros cartógrafos rumaram todos os dedos nos cús uns dos outros e começaram uma orgia que durou três dias e três noites dentro da CCJ que definiu pela primeira vez as atribuições desses caras, por causa desse motivo tecnicamente todos fazem os trabalhos de todos com a especialização certa, a outra é mais curta e culpa só a prepotência da geografia de usar como objeto de estudo todos os fenômenos físicos e sociais que acontecem na superfíce terrestre, isso geraria a mais genérica das competências que com jeitinho daria na teoria para enfiar um geógrafo em qualquer trabalho que existe, as atribuições são tão genéricas e existem tantas disponíveis pra tantas profissões que normalmente quem entra em um curso de Geografia se anima com a possibilidade de não morrer de fome, que logo passa quando ele vê que ninguém contrata geógrafo.

Mercado de trabalho[editar]

Um geógrafo nos mostrando exatamente aonde fica o cu do mundo.

Os principais orgãos que contratam esses gênios dessa única ciência que quer ser básica/aplicada/de desenvolvimento e traslacional são os institutos de pesquisa, gestão e controle ambiental como por exemplo: O INPE, onde os Geógrafos podem mentir a vontade usando imagem de satélites, IBAMA/ICMbio, onde além de mentir com imagem de satélite eles mentem com relatórios cheios de mentiras mentirosas, e o IBGE obviamente, onde eles mentem ainda mais usando estatística. Quando se forma em Geografia se abrem necessariamente 5 caminhos para você, idiota que não escutou o pai e fez medicina, se o coitado for pobre de marrédeci se foda e vá dar aula, se não, estuda mais 1 ano se especializando em Topografia/Georrefeciamento/Gestão e licenciamento ambiental e outras baboseiras do governo e monta um escritório mofado em que o aluguel vai fazer ele desistir em 3 meses onde ele aproveita todo o tempo livre (praticamente as 8 horas do horário comercial) para fumar maconha sossegado, quando esses não estão fumando maconha estão escrevendo um artigo sobre um lugar que ninguém se importa, de um fenômeno que ninguém se importa, para uma revista científica que ninguém vai ler, os únicos trabalhos rentáveis que existem pra esses drogados leva o geógrafo a entrar em uma competição predatória com agrimensores e cartógrafos em busca de dinheiro que sempre termina com a morte de alguém, um chifre e cadeia, se não, o retrato de toda casta média alta brasileira que é só estudar até os 30 anos onde ele vai passar para lecionar em uma faculdade ou em um dos órgãos mentirosos desse brasil, o outro caminho sempre possível a todos também é a possibilidade de prostituição, tanto sexual tanto a empresas de serviços ambientais que exigem doutorado para pagar 2 mil reais por mês.

CREA e polêmicas[editar]

Já se possui quase 100 anos em que existe associação dos geógrafos à engenharias e serviços civis e esses zé ruelas ainda não são reconhecidos por nenhum trabalho genuíno, até pra reconhecer esses maconheiros como engenheiros ninguém engole, bom, apesar que se reconhece engenheiro de produção como engenheiro, mas fazer o que, o governo em uma CCJ recente definiu que os geógrafos agora são categoricamente somente aqueles filhas da puta que perderam tempo se graduaram no bacharel (antigamente um licenciado que ingressasse em pesquisa (pós, mestrado, dou-tarado[...] podia solicitar registro no CREA e puff, geógrafo, o negócio era tão esquisito que até que não era da área podia emitir só com um curso de extensão independente da graduação), o que ironicamente exclui o maior não-geógrafo brasileiro que o mundo "conhece", Milton Santos, que nunca foi geógrafo e agora que não é mesmo.

Tipos de Geógrafo[editar]

  • O topa tudo por dinheiro: Não importa o serviço, se precisa de um técnico com registro no CREA pode até demorar, mas ele vai dar um jeito, nem que seja bancando o picareta, mandando outro profissional assinar e te revender depois o serviço mais caro do que ele pagou. Entitulam essa picaretagem de "Consultoria Ambiental".
  • Nem-Nem: Nem geógrafo nem professor, vagabundo. Vive só com trabalhos de outras competências como serviços ambientais (engenharia florestal, ambiental e geológica) e teima em se auto-titular engenheiro.
  • Topógrafo/Agrimensor/"Geoprocessador"/Geocartagrafo e todo mundo que trabalha com SIG's: Tem nem piada com esses cara, essas podem até não serem as profissões menos rentáveis da área, mas com certeza são as mais sem graça, a característica desses caras normalmente é ter jipe que escala até poste e serem invariavelmente corno por viverem viajando a "trabalho" por aí.
  • O que não trabalha: Todos.
  • Professor Universitário: Leia "O que não trabalha".
  • O que fuma maconha: Leia "Professor Universitário".
  • Pesquisador/Redator Freelancer: Leia "O que fuma maconha."