Haarlem

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Holland-1.jpg
Dit artikel is van Nederland!!
Este artigo legalizou o casamento gay, a eutanásia, o aborto, a prostituição, a putaria, a maconha e o cheiramento de gatinhos. O autor abastece seu carro num posto Shell, tem uma TV Philips, bebe Heineken e come queijo gouda com carne de cavalo.


Haarlem é a única cidade em toda Holanda onde é falada a norma culta da língua holandesa. Porque em qualquer outro lugar da Holanda há adaptações para sotaques e diversos dialetos. Haarlem é a capital da Holanda do Norte, é muito lembrada por não ter praias, nem muitos moinhos e tamancos.

História[editar]

As famosas Tulipas Alucinógenas só encontradas em Haarlem.

Os primeiros registros conhecidos de Haarlem aparecem em vários escritos de Platão que definem Haarlem como uma cidade mítica e fantástica, onde o sexo, a cerveja e a orgia é permitido e garantido a todos. Durante séculos, muitos acreditaram que Haalem se localizava entre a Alemanha e a Noruega.

Mas verdade seja dita, Amsterdã é muito mais divertido se o negócio é turismo sexual, mas em um ramo Haarlem é imbatíval, a cidade é líder mundial no plantio, produção, processamento e venda de tulipas alucinógenas, apenas uma cheirada dessas tulipas vale pelo efeito de 300 gatinhos cheirados. Haarlem é então a capital do vício nacional holandês, que é cheirar. Um evento famoso ocorreu em 1636, no que ficou conhecido como a Mania das tulipas. 90% da população mundial ficou viciada nas tulipas de Haarlem, e pagavam preços astronômicos pela droga, até que um dia a cidade foi queimada por drogados revoltados com a mãe que não dava mais dinheiro para sustentar seu vício. Depois disso as Tulipas Alucinógenas de Haarlem passaram a ser vendidas em lotes menores.

Em Haarlem o povo divertido passa o dia dançando e cantando o jargão símbolo da cidade "Vicit vim virtus" que em latim significa de acordo com o papa "A virtude conquista a força", mas na verdade foi uma pegadinha do Mallandro e a frase significa "Eu quero ser enrabado por um negão".

No século XX foi baixado oficialmente pela prefeitura um decreto-lei que instituiu que tudo está liberado nas dependências de Haarlem (Anarquia), isso atraiu os atuais símbolos da cidade que são os gângsters, as prostitutas, drogados e gente a procura de eutanásia, aborto e outras drogas.

Em 2007 a Heineken comprou a cidade.

Atrações[editar]

  • O Grote Markt, conjuntamente com a Camâra Municipal, o Vleeshal, o Hoofdwacht e a Grote ou Sint-Bavokerk (agora não me pergunte o que significa esses nomes...talvez cervejarias).
  • A Cervejaria de Sint-Bavo.
  • O Teylersmuseum (o museu mais antigo dos Países Baixos).
  • O Moinho Frans Hals
  • O Moinho De Adriaan
  • A Porta da Cidade: o Amsterdamse Poort
  • A Loja de Tamancos.
  • O Teatro dos Suspensórios De Toneelschuur.
  • O Corrie ten Boom Huis (WTF).
  • A Villa Welgelegen (famoso bairro das melhores meretrizes da Europa).
  • Os bairros De Bosch en Vaart (famosos bairros boêmios).

Curiosidades[editar]

  • Harlem é o nome de um beco escuro em Nova York.