Hannelore Kohl

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Reichtangle.png Desciclopëdia über alles in der welt!!!

Estä arrtigö é alemon! Issö querr düzerr que ele é parrte dö conspürraçon gerrmänica parra inwadir ö Frankreich por trrás öutrra wez. Non faça scheiße, öu te porremos de quatrro nö cörredorr polonës.

ReaperlogoDare.gif Hannelore Kohl já morreu!

Já foi tarde!

Clique aqui pra ver quem te espera no inferno

Eis o rosto métrico de Hannelore

Hannelore Kohl foi a mulher do ex-ditador Helmut Kohl, que se matou em 2001 por ser a mulher do ex-ditador Helmut Kohl. Ela não seria muito famosa se não fosse esse fato e o fato de ter um rosto com formato mais geométrico.

História[editar]

Hannelore na juventude

Hannelore Klautzschmittzehnapfelstrudel (Seu nome de solteira) estudou no Instituto Ateu de Berlim quando era jovem. Foi nesta escola, aos 16 anos, que ela conheceu Helmut Kohl. Foi amor à primeira vista por parte de Helmut Kohl, que se interessou muito pela garota Hannelore. Inicialmente Hannelore não correspondeu ao pequeno protótipo de ditador mas alguns anos depois (E umas armas apontadas na nuca de Hannelore), ela acabou aceitando se casar com ele.

Quando Kohl chegou ao poder na Alemanha, Hannelore fez muito o serviço de uma primeira-dama. Hannelore acompanhava Helmut para todo lugar que ele ia, sem abrir a boca. Dava uns sorrisos de vez em quando, dava uns tchauzinhos de miss para fotógrafos e jornalistas e ficava sentada na cadeira sem se mexer. Foi, portanto, uma primeira-dama completa.

Morte[editar]

Hannelore dando entrevista

Hannelore morreu em 2001, vítima de um suicídio doloso. Hannelore tomou 229 aspirinas com guaraná e acabou sofrendo uma úlcera mortal. Os especialistas acreditam que Hannelore não teve a intenção de tirar a própria vida, portanto, não deveria ser indiciada por homicídio.

Após a morte, o governo alemão decretou luto oficial de 3 horas e 40 segundos em virtude da tragédia ocorrida. Dizem que nem o atentando nas torre gêmeas em 11 de Setembro conseguiu superar a morte de Hannelore como o fato mais factual do ano de 2001.

Grandes feitos[editar]

Ter aguentado Helmut Kohl por várias décadas, sem praguejar, é motivo para ela ter uma página aqui na Desciclopédia. Após sua morte, foi listada na revista I See Dead People como a segunda mais influente mulher morta em 2001, caso consideremos Cássia Eller como mulher também, embora isto não tenha sido um feito de Hannelore.

Ver também[editar]